Você está na página 1de 1

GAAL - Lista de Exerc cios - 5 Diagonaliza ca o e c onicas Exerc cio 1: Considere o plano de equa ca o 2x + y 3z = 0.

0. (a) Mostre que este plano e um subespa co de R3 exibindo uma base {W1 , W2 } para . Observe que se este e o caso, ent ao e o espa co gerado por W1 e W2 , ou seja, e o conjunto de todas as combina co es lineares de W1 e W2 . Complete esta base {W1 , W2 } de para uma base {W1 , W2 , W3 } de R3 . (b) Determine uma base ortogonal {V1 , V2 } de . Complete esta base para uma base ortogonal {V1 , V2 , V3 } de R3 . (c) Determine uma base ortonormal {U1 , U2 } de . Complete esta base para uma base ortonormal {U1 , U2 , U3 } de R3 . Exerc cio 2: Para cada uma das matrizes abaixo, fa ca o 0 1 5 2 A = A = 1 0 2 2 1 1 que se pede. 1 1 0

(a) Mostre que A e diagonaliz avel exibindo uma matriz invert vel P e uma matriz 1 diagonal P tais que P AP = D. (b) Como A e uma matriz sim etrica sabemos que A e diagonaliz avel por uma matriz ortogonal. Ent ao construa uma matriz ortogonal P e uma matriz diagonal D 1 tais que P AP = D. (c) Para a matriz P que voc e calculou no item (b), verique que P realmente e uma 1 t matriz ortogonal, mostrando a igualdade P = P atrav es do c alculo do produto t P P. Exerc cio 3: No sistema de coordenadas usual xy considere a par abola de equa c ao y = x(x 2). Efetue uma rota c ao de 30o nesta par abola e determine a equa c ao, no mesmo sistema de coordenadas xy , da curva resultante ap os a rota ca o. Determine explicitamente as coordenadas do v ertice desta par abola rodada. Exerc cio 4: Em cada item, trav es de uma diagonaliza c ao, ou seja, uma mudan ca de vari aveis, reduza a equa c ao dada a uma forma mais simples e fa ca um esbo co do gr aco desta c onica no sistema de coordenadas de eixos x e y . (a) 3x2 + 2 3xy + y 2 + 2x 2 3y = 0 (b) 13x2 6 3xy + 7y 2 = 16 (c) 4x2 + 4xy + y 2 3 5x 4 5y = 15 - FIM -