Você está na página 1de 2
GRUPO 4 – 2º BIMESTRE Série:2°Ano(Ens. Médio) Data: 17/05/2010 Literatura/Português Erivaldo Pinheiro –
GRUPO 4 – 2º BIMESTRE
Série:2°Ano(Ens. Médio)
Data: 17/05/2010
Literatura/Português
Erivaldo Pinheiro – Yndira
1 - (UNIP-SP) Assinale a alternativa não-aplicável à
poesia romântica;
Diga que você me adora,
Que você lamenta e chora
a) O artista goza de liberdade na metrificação e na
A nossa separação
distribuição rítmica.
b)
O importante é o culto da forma, a arte pela arte.
c)
A poesia é primordialmente pessoal, intimista e
amorosa.
d)
Enfatiza-se a auto-expressão, o subjetivismo, o
Que diferença de sentido há entre elas nesse contexto?
O aluno deve perceber que o emprego da conjunção se
na oração tem valor semântico de incerteza; e o
emprego de que, o sentido de certeza.
individualismo.
e) A linguagem do poeta é a mesma do povo:
05. Leia o texto a seguir:
simples, espontânea.
2 - (UFSE-SE) No período romântico brasileiro, os
Instantes
aspectos estéticos e os históricos ligaram-se de
modo especialmente estreito e original: entre nós, o
Romantismo deu expressão à consolidação da
independência, à afirmação de uma nova Nação e à
busca das raízes históricas e míticas de nossa
cultura — características que se encontram
amplamente
a) na poesia de Gonçalves de Magalhães
influenciada pela de Gonçalves Dias.
b) nos romances urbanos da primeira fase de
Se eu pudesse viver novamente a minha vida,na
próxima trataria de cometer mais erros.
Não tentaria ser tão perfeito, relaxaria mais.
Seria mais tolo ainda do que tenho sido.
Na verdade, bem poucas coisas levaria a sério.
Seria menos higiênico, correria mais riscos, viajaria
mais.
Contemplaria mais entardeceres, subiria mais
montanhas, nadaria mais rios.
Machado de Assis.
Iria a mais lugares onde nunca fui, tomaria mais sorvete
c) nos romances de costumes de Joaquim Manuel
e menos lentilha, teria mais problemas reais e menos
de Macedo.
d)
na lírica confidencial de Álvares de Azevedo e de
Casimiro de Abreu.
e)
na ficção regionalista e indianista de José de
Alencar.
– (FEI-SP)
“A poesia deixa de ser apenas um lamento
sentimental murmurando em voz baixa para ser
também um grito de protesto político ou reivindicação
social.”
3
O fragmento acima se refere a dois momentos
da
poesia
romântica
brasileira
que
podem
ser
definidos respectivamente, como:
a)
1ª Geração romântica – 2ª Geração romântica.
imaginários.
Eu fui uma dessas pessoas que viveu sensata e
produtivamente cada minuto da sua vida: claro que tive
momentos de alegria.
Mas se pudesse voltar a viver,trataria de ter somente
bons momentos.
Eu era um desses que nunca ia à parte alguma sem um
termômetro,uma bolsa de água quente e um pára-
quedas:se eu voltasse a viver, viajaria mais leve.
Se eu pudesse voltar a viver,começaria a andar
descalço no começo da primavera e continuaria assim
até o fim do outono.
Daria mais voltas na minha rua, contemplaria mais
amanheceres e brincaria com mais crianças, se tivesse
outra vez uma vida pela frente.
Mas, já viram, tenho 85 anos e sei que estou morrendo.
b)
ultra-romantismo – Condoreirismo.
c)
indianista – poesia social
Jorge Luiz Borges
d)
geração byronista – indianismo
e)
geração condoreira – geração “mal-do-século.”
O
texto contrapõe dois planos: o da realidade concreta,
4- . Leia os versos a seguir, da canção Último desejo,
de Noel Rosa, confrontando o valor semântico das
conjunções integrantes destacadas.
vivida, e o da realidade hipotética, que não foi, mas
poderia ter sido vivida.
Se alguma pessoa amiga
Pedir que você lhe diga
Se você me quer ou não,
a)Qual é oração que permite adentrar o mundo da
realidade hipotética?
”Se eu pudesse viver novamente a minha vida”
1
b)Que valor semântico essa oração expressa? O aluno deve perceber que é um fato incerto,
b)Que valor semântico essa oração expressa?
O aluno deve perceber que é um fato incerto, que só
poderia ocorrer mediante certa condição.
c)Identifique, no texto, outras orações com o mesmo
valor semântico.
”se eu pudesse viver”(6ª parágrafo), “se não sabem”
(7º), “se voltasse a viver”(8º), “se pudesse volta a
viver”(9º), “se tivesse uma vida outra vez pela
frente”(10º).
06. Leia o texto e responda as questões a seguir:
“Lasciate ogni speranza voi ch’entrate”
Aqui a asa não sai do casulo, o azul
não sai da treva, a terra
não semeia, o sêmen
não sai do escroto, o esgoto
não corre, não jorra
a fonte, a ponte
devolve ao mesmo lado, o galo
cala, não canta a sereia, a ave
não gorjeia, o joio
devora o trigo, o verbo envenena
o mito, o vento
não acena o lenço, o tempo
não passa mais, adia,
a
paz entendia, pára
o
mar, sem maremoto,
como uma foto, a vida,
sem saída, aqui,
se apaga a lua, acaba e continua.
Arnaldo Antunes
a)O poema de Arnaldo Antunes é constituído por
várias orações, cada uma das quais trata de um dos
aspectos da visão infernal: a asa que não vinga, o azul
sem vida, a terra infértil, etc.Observa que as orações
do poema constituem um único período.
O período é simples ou composto?
Composto
b) É composto por coordenação ou subordinação?
Por coordenação
c)Relacionando forma e conteúdo, levante hipóteses:
Por que toda visão do inferno ficou concentrada num
período único?
Espera-se que o aluno perceba que todas as orações
tem valor equivalente e formam, em conjunto a visão
global do inferno.
2