Você está na página 1de 1

KOMBUSKINI ou Cordo de Orao (Tero - Msbaha)

A origem do Cordo de Orao atribuda ao tempo de fundao do monaquismo cenobtico. So Pacmio, o Grande (sculo IV), foi quem o introduziu como uma maneira de ajudar os monges analfabetos a cumprirem sua regra de orao diria, alcanando um certo nmero de oraes e prostraes. Desde ento, o Cordo de Orao passou a ganhar popularidade no monaquismo oriental, e tem sido de uso comum entre os cristos. De acordo com a sua regra, cada monge se obriga a cumpri um nmero fixo de prostraes, juntamente com a Orao de Jesus - Senhor Jesus Cristo, Filho de Deus, tem piedade de mim, que sou pecador.

Orao com Kombuskini


1. 2. 3. Senhor, tem piedade de mim! Senhor Jesus Cristo, Filho de Deus, tem piedade de mim, que sou pecador! Senhor Jesus Cristo, pela intercesso do nossa Senhora, tem piedade de mim!

Esta orao deve ser dita em cada um dos ns, quando se est rezando com o cordo. Para intenes especiais, substitui-se o seu prprio nome pelo nome da pessoa por quem se est rezando. O mesmo se faz quando se est pedindo por uma pessoa j falecida. Senhor Jesus Cristo, Filho de Deus, tem piedade de N. .... [nome da pessoa por quem se reza]

Descrio do Kombuskini
O Kombuskini feito de pura l para nos lembrar que Jesus o cordeiro de Deus. negro para recordar o luto pelos nossos pecados, ou de cor vinho para nos lembrar do sangue de nosso Senhor, ou ainda branco, que a cor natural do cordeiro. A Cruz nos recorda Jesus, e serve como uma marca a cada 10, 25, 50 ou 100 ns. O pendo (borla) que existe em alguns Komboskinis, recorda-nos o consolo de nossas lgrimas.

Tipos de kombuskini
Kombuskini para utilizao no pulso. Kombuskini para ter na cabeceira da cama.

A origem do Ctki (kombuskini ou cordo de Orao) atribuda ao tempo de fundao do monaquismo cenobtico. So Pacmio, o Grande (sculo IV), foi quem o introduziu como uma maneira de ajudar os monges analfabetos a cumprirem sua regra de orao diria, alcanando um certo nmero de oraes e prostraes. Desde ento, o Ctki passou a ganhar popularidade no monaquismo oriental, e tem sido de uso comum entre os cristos. De acordo com a sua regra, cada monge se obriga a cumpri um nmero fixo de prostraes, juntamente com a Orao do corao - Senhor Jesus Cristo, Filho de Deus, tem piedade de mim, que sou pecador.- Encomendas para: arq.jeronimo@hotmail.com