P. 1
Ficha de avaliação do desempenho

Ficha de avaliação do desempenho

4.81

|Views: 82.930|Likes:
Publicado porRicardo

More info:

Published by: Ricardo on Jul 01, 2009
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/19/2013

pdf

text

original

AUTO-AVALIAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

Período em avaliação: De Março a Junho de 2009
1# Como avalia o cumprimento do serviço lectivo e dos seus objectivos individuais estabelecidos neste âmbito

De uma forma geral, considero que tive um bom desempenho no cumprimento do serviço lectivo, fui sempre assídua e pontual tendo cumprido integralmente o serviço que me foi atribuído, quer a nível da componente lectiva uma vez que nunca faltei a nenhuma aula, quer na componente não lectiva tendo feito substituições sempre que fui solicitada. Prestei apoio aos alunos com necessidades educativas especiais, dinamizei de forma coerente e funcional o clube das artes e preparei atempadamente os materiais para as aulas de tutoria. Sou cumpridora em relação ao horário e uma vez dentro da escola/sala de aula, cumpro todas as regras para que haja um bom ambiente e funcionamento da instituição e também um bom clima de trabalho propício à aquisição das diversas aprendizagens. Tendo sempre presente a noção de igualdade de oportunidades, tudo fiz para promover nos meus alunos uma maior autonomia, incutindo-lhes o gosto pela aprendizagem, agora terminado o ano lectivo, penso que cumpri todos os meus objectivos, tendo sido para os meus alunos não só uma professora, mas também uma amiga e conselheira.

2#

Como avalia o seu trabalho no âmbito da preparação e organização das actividades lectivas? Identifique sumariamente os recursos e instrumentos utilizados e os respectivos objectivos.

As planificações segundo as quais eu desenvolvi o meu trabalho tinham sido feitas pela anterior docente da disciplina e como tal, apenas pude adaptar as actividades e seleccionar as melhores estratégias para que os alunos tivessem sucesso nas suas aprendizagens. As estratégias utilizadas tiveram sempre em vista a motivação constante dos alunos, assim sendo, o recurso às T.I.C. foi uma constante, quer na apresentação de conteúdos e trabalhos dos alunos em power point, quer em pesquisas na Internet. Para uma melhor interiorização dos conteúdos tive sempre a preocupação de fornecer fichas informativas ou fichas técnicas. No que concerne à consolidação de conhecimentos, foram realizadas fichas de trabalho. Houve sempre a preocupação da preparação prévia dos materiais e recursos utilizados em qualquer actividade, no sentido de minimizar a ocorrência de incidentes no desenrolar das mesmas. Tudo isto fez com que eu conseguisse um maior grau de confiança e segurança na forma como coloquei em prática a planificação, ou seja, por detrás de cada aula leccionada, esteve um enorme trabalho de pesquisa e reflexão, devido ao cuidado de utilizar sempre estratégias diversificadas adequadas às necessidades de cada aluno.

Como avalia a concretização das actividades lectivas e o cumprimento dos objectivos de aprendizagem dos seus alunos? Identifique as principais dificuldades e as estratégias que usou para as superar. As estratégias que utilizei com o intuito de cumprir os meus objectivos e que estavam inteiramente ligadas 3# com o desenvolvimento das competências dos meus alunos foram diversificadas em cada actividade. A principal preocupação prendeu-se com o facto de os alunos conseguirem perceber que é fundamental terem um papel activo na construção do seu processo de aprendizagem. A maior dificuldade com que me deparei foi o completo desinteresse dos alunos pela disciplina, que para mim foi uma força acrescida, tentar motivá-los, mostrando-lhes as várias possibilidades de trabalho que esta disciplina lhes proporciona. Considero ter sido atenta às suas necessidades, tendo utilizado diferentes recursos motivadores da aprendizagem. A minha principal estratégia foi explicar aos alunos as opções e dar-lhes a responsabilidade de escolher a melhor forma de obterem sucesso.

FICHA DE AUTO-AVALIAÇÃO
Como avalia a relação pedagógica que estabeleceu com os seus alunos e o conhecimento que tem de cada um deles?

4#

Ao longo deste ano lectivo procurei estabelecer com os alunos, quer na sala de aula quer fora dela, uma relação próxima com base no diálogo e no respeito mútuo, tendo sempre em linha de conta que a actividade docente não se esgota no perfil institucional do professor, tendo de ser complementada pela sua função de educador. Como já referi, considero importante que se cumpram totalmente os objectivos de cada disciplina, o que significa a completa transmissão de saberes entre ambas as partes. Mas tão importante quanto isso é a forma como esses saberes são transmitidos, a relação pedagógica que está por detrás dessa transmissão e que pode implicar o sucesso da mesma. Assim sendo, e porque no meu entender ser professor é uma profissão de grande nobreza, dignidade, prestígio e uma enorme responsabilidade na formação moral, intelectual, cultural e cívica dos alunos cujo futuro dependerá em grande parte do modo como o ensino lhe é ministrado, tentei ao máximo estabelecer o equilíbrio perfeito entre autoridade e permissividade, disponibilizei-me sempre para colaborar ou ajudar os alunos e criei sempre condições favoráveis a uma aprendizagem bastante positiva. Com tudo isto, consegui um nível de motivação bastante satisfatório, um grande interesse pela disciplina, um desenvolvimento acentuado no que respeita ao espírito crítico e uma maior autonomia por parte dos alunos na execução das tarefas propostas, tendo em conta que existem alguns alunos com falta de objectivos e de interesse/motivação pela vida escolar.

5#

Como avalia o apoio que prestou à aprendizagem dos seus alunos?

O apoio prestado aos alunos revelou-se muito positivo, tendo em conta que todos os recursos e instrumentos utilizados permitiram a diversificação de estratégias que visavam o sucesso educativo. Prestei apoio individualizado aos alunos sempre que fui solicitada e mostrei-me sempre disponível para que estes pudessem trabalhar fora do seu horário lectivo, caso considerassem essencial para a conclusão plena dos seus trabalhos.

6#

Como avalia o trabalho que realizou no âmbito da avaliação das aprendizagens dos alunos? Identifique sumariamente os instrumentos que utilizou para essa avaliação e os respectivos objectivos.

Cada aluno é único por si só e tem diferentes necessidades, as quais eu tive sempre em consideração quer na transmissão de saberes, quer na sua avaliação. Tive como referência os critérios de avaliação definidos pelo meu Departamento, assim sendo avaliei diferentes itens, tais como o domínio intelectual, pessoal e cidadania em contexto de sala de aula. Em relação aos Trabalhos Práticos, não só avaliei o produto final, como a imaginação a estrutura do projecto, a motivação, o desempenho, etc. Também realizei algumas fichas de trabalho, de forma a consolidar conhecimentos. Numa determinada altura em que notei as turmas um pouco divididas e dispersas, elaborámos grupos, os alunos fizeram trabalhos utilizando as TIC e apresentaram-nos aos colegas. Com esta estratégia consegui proporcionar aos alunos uma maior motivação, desenvolver o seu espírito crítico e a capacidade de entreajuda. Penso que as estratégias implementadas funcionaram na perfeição e corresponderam às minhas expectativas.

Página | 2

FICHA DE AUTO-AVALIAÇÃO

7#

Como avalia o seu contributo para a vida da escola e em particular a sua participação nos projectos e actividades previstos ao nível da escola/agrupamento e da turma (designadamente, no 1.º ciclo, na supervisão das actividades de enriquecimento curricular)? Identifique as actividades que dinamizou e/ou em que participou.

Tentei sempre ter uma participação activa dentro da vida da escola, dinamizando e participando nas actividades. Participei sempre com os alunos nas actividades para as quais fomos solicitados, tais como a assistência do primeiro encontro de desportos gímnicos e de dança que se realizou no pavilhão desportivo da escola, acompanhamento aos alunos para assistirem ao ciclo de conferências “Percursos de liberdade…” – 3º Painel de conferências: “Contributos para a liberdade”, acompanhamento dos alunos na participação do peddyenergy” e ainda acompanhamento dos alunos nas actividades da sala da matemática. No final do ano lectivo organizei e dinamizei, juntamente com os colegas da disciplina de Educação Visual, uma exposição com alguns trabalhos dos alunos, das turmas em que leccionei (como consta no plano anual de actividades).

8#

Como avalia a sua participação nas estruturas de orientação educativa e nos órgãos de gestão e o contributo que deu para o seu funcionamento?

Participei e dei o meu contributo em todas as reuniões de Departamento, Conselhos de Turma e reuniões gerais de Docentes e disponibilizei-me para colaborar naquilo que fosse necessário e sempre que solicitada.

9#

Como avalia o estado de actualização dos seus conhecimentos científicos e pedagógicos e a sua capacidade de utilização das Tecnologias de Informação e Comunicação?

A profissão de professor exige uma actualização constante face aos novos programas e recursos que vão surgindo. Hoje em dia as TIC têm um papel preponderante nas aprendizagens e constituem um recurso ao qual os alunos aderem com grande motivação. Como tal, faço uso frequente da sua utilização, quer da minha parte quer da parte dos alunos. Para que tal possa acontecer com sucesso, tento manter-me actualizada pesquisando, trabalhando e frequentando formações neste âmbito, para que estas possam estar sempre patentes nas minhas aulas, e para que eu esteja apta a utilizá-las correctamente e a esclarecer qualquer dúvida que por parte dos alunos possa surgir.

10#

Refira as acções de formação contínua realizadas e a classificação nelas obtida e avalie o contributo de cada uma delas para o seu desempenho profissional

Apesar de considerar essencial a constante formação, renovação e actualização de saberes, no presente ano lectivo de 2008/2009 não me foi possível frequentar nenhuma acção de formação pelo facto de estar a acumular funções noutro agrupamento de escolas, o que limitou em muito a minha disponibilidade. Pretendo colmatar esta lacuna, o mais breve possível, fazendo a(s) formação(ões) que considere necessárias ao desenvolvimento e progresso da minha carreira mas também para a minha valorização pessoal.

Página | 3

FICHA DE AUTO-AVALIAÇÃO

11#

Identifique sumariamente as suas necessidades de formação e de desenvolvimento profissional

Podemos definir a Educação como um processo, contínuo e permanente, informal e formal, através do qual se incorporam regras, normas e valores culturais de uma determinada sociedade, de modo a integrar-se nela o mais intensamente possível, ou seja, estando nós numa sociedade em plena evolução, sentiremos sempre a necessidade de nos actualizarmos constantemente. Terei um imenso gosto em participar em todas as formações que me ajudem a melhorar sempre o meu desempenho profissional, como por exemplo, uma acção de formação em TIC (Tecnologias de Informação e Comunicação) visto esta ser uma área em constante actualização.

12#

Como avalia a relação que estabeleceu com a comunidade e o cumprimento dos seus objectivos individuais definidos neste âmbito?

Posso considerar a minha relação com a comunidade escolar bastante satisfatória, pois consegui manter uma relação pautada pela cordialidade e respeito mútuo com alunos, professores, órgãos de gestão, auxiliares de acção educativa e toda a comunidade educativa. Em jeito de conclusão, penso ter conseguido alcançar os objectivos a que me propus, neste e em todos os outros parâmetros.

O avaliado ___/___/_____ Recebi. O avaliador ___/___/_____

, em , em

Página | 4

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->