Você está na página 1de 33

EXERCCIO 01

No esquema representado, o homem exerce sobre a corda uma fora de 120N e o sistema ideal se encontra em equilbrio. Determine o peso da carga Q.
Soluo:

F= 120 N Q P=?

EXERCCIO 03
Trs crianas brincam em uma gangorra. Maria e Paula esto sentadas nas extremidades, conforme a figura, e suas massas so 40 kg e 30 kg respectivamente. Onde Amanda, de 20 kg, deve se posicionar de modo que a gangorra tenha a horizontal como a posio de equilbrio?
MARIA AMANDA

PAULA

5,0 m

5,0 m

Soluo:

Sabe-se que momento de uma fora dado por:

EXERCCIO 02

1m

0,2 m

Utilizando o mesmo procedimento para a reao de, temos:

Soluo:

Para encontrarmos a reao em A, vamos considerar o ponto de apoio em B.

EXERCCIO 04
Soluo:

Ex:15-

Sol:

Ex:16-

Sol:

Ex:17

Sol:

Condies 1 - A resultante de todas as foras que agem sobre o corpo nula. R=0 R x = 0 e R y = 0 .Esta condio faz com que o corpo no possua movimento de translao. 2 - A soma algbrica dos momentos de todas as foras que atuam no corpo em relao a um ponto nulo ( M = 0 ). Esta situao faz com que o corpo no tenha movimento de rotao.

Ex:19

Sol

Ex:20

Sol

Ex:21

Sol

Ex:22

Sol

Ex:23

Sol

Ex:24

Sol

Talha exponencial
Fm= R
n

onde: Fm

2 F m = Fora Motriz R = Resistncia n = Nmero de polias livres

VM=R/Fm V M => Vantagem mecnica

Ex:26- O sistema representado na figura est em equilbrio. Desprezam-se os atritos; as polias e os fios tm massas desprezveis. a) Qual o peso do corpo A? b) Qual a vantagem mecnica dessa talha exponencial?

150 N

Sol: Dados : F m = 150 N ; N. polias mveis = n = 2. a) Na talha, temos duas polias mveis e uma fixa, ento: Fm= R 150 = R / 2

2n
R = 600 N

b) VM = R / Fm

VM = 600 / 150

VM = 4

Interfixa
B

N 0 R A

Fm

R . OB = F m . OA

Inter-resistente
N Fm B R A

R. BO= F m . OA

Interpotente

Fm
0 A N B

F m . AO = R . OB

Ex: 27-(FGV SP) Em uma alavanca interfixa, uma fora motriz de 2 unidades equilibra uma resistncia de 50 unidades. O brao da fora motriz mede 2,5 m; o comprimento do brao da resistncia :
a) 5 m

b)0,1 m c) 1 m d) 125 m e) n.d.a.

Sol: Alternativa c. ; Dados: F m = 2 u

e F R = 50 u

2,5 m
Fm=2u

F R = 50 u

Pela 2 condio de equilbrio temos que ento: 2,5 . F m - x . F R = 0

M = 0;

2,5 . 2 = x . 50
x = 0,1 m

Ex: 28-(FGV SP) Um carrinho de pedreiro de peso total P = 800 N mantido em equilbrio na posio mostrada abaixo. A fora exercida pelo operador, em newtons, de:
a) 800 b) 533 c) 480 d) 320 e) 160

P A
40 cm 60 cm

Sol: Alternativa d ;

Dados: Peso = P = 800 N ; AP = 40 cm = 0,40 m


AB = AP + PB = 40 cm + 60 cm = 100 cm = 1 m
Fm A B P

Alavanca Inter-resistente

- PA . P + PB . F = 0

- 0,4 . 800 + 1 . F = 0

F = 320 N.