Você está na página 1de 8

Universidade Pedaggica Departamento de cincias da Educao curso: Educao e Assistncia Social/2013

Unidade Temtica: Encoprese e Enurese

Docente: Daniel E. Canxixe

A Encoprese
Segundo a Classificao Internacional de Doenas - CID 10 (OMS 1992/1993), a Encoprese consiste na evacuao repetida, involuntria ou voluntria de fezes, em geral de consistncia normal ou quase normal, em locais no apropriados para esse propsito no

contexto sociocultural do indivduo.

Critrios Diagnsticos para Encoprese

De acordo com o DSM-IV-TR (APA, 2000/2003)


consistem da evacuao repetida de fezes em

locais inadequados, podendo ser involuntria


ou intencional, sendo que um desses eventos

ocorra uma vez por ms, por no mnimo 3


meses, dentro da idade cronolgica de pelo

menos 4 anos.

Pinheiro e Moreno (1983) descrevem dois tipos de encoprese, sendo elas: a (a) encoprese primria que consiste na ausncia do controlo, onde esse controlo nunca foi adquirido; e a (b) encoprese secundria, definida pela perda do controlo, ou seja, a criana j havia atingindo a continncia anorretal, tendo sido exercida por pelo menos doze meses, perdendo-a, posteriormente. Tais classificaes foram ratificadas nos estudos de Simn (2005), evidenciando concordncia nos estudos de Pinheiro e Moreno (1983) e Simn (2005).

A encoprese no uma consequncia causada por factor nico, ou at mesmo por factores que estejam bem definidos. Ao contrrio, adverte Machado (1980): a encoprese possui respostas que parecem envolver uma gama de factores complexos, sendo que o principal deles o treinamento do controlo esfincteriano, isto , (a) quando este feito, (b) como feito e (c) qual o clima afectivo com que feito.

Alm da (d) reteno de fezes devido a problemas orgnicos ou psicolgicos da criana, a obstipao crnica e intensa, iniciada por problemas orgnicos ou psicolgicos nela. H, tambm,

a (e) dinmica familiar emocional da criana.


Porm, no se pode esquecer a importncia do (f) factor cultural, que tambm poder estar relacionado.

Neste sentido, Simn (2005) descreve algumas possveis causas que poderiam explicar o desenvolvimento da encoprese, sendo elas: (1) tentativas de aprendizagem antecipada do controlo da evacuao; (2) treinamento muito exigente com o uso de coeres, inclusive com uso de punio; (3) medo da defecao devido a insucessos em tentativas antecedentes de controlo; e (4) acontecimentos constitucionais estressantes no dia-a-dia da vida da criana.