Você está na página 1de 4

Derivada da Função Inversa

Vimos a regra da cadeia para a composição de duas funções f (x) e g(x):

f
g

x u y
du dy
dx du

dy
dx
dy dy du
= .
dx du dx

Para a função inversa g = f


-1

f
f -1

x y x
dy dx
dx dy
dx
=1
dx

Portanto:

dy 1 dx 1
= ou =
dx dx dy dy
dy dx
Derivada da Função Exponencial

Se y = a x ⇒ y ' = a x ln a

Pela Regra da Cadeia: Se y = a u ⇒ y ′ = u ′.a u ln a

Exemplos: Derivar:

1) y =2 x ⇒ y ′ = 2 x ln 2

2) y = 2 x y ′ = 2 x ln2. 2x = 2x.2 x .ln 2


2 2 2

Para a = e ≅ 2,71828

y = ex ⇒ y′ = ex

Pela Regra da Cadeia: Se y = e u ⇒ y ′ = e uu ′

Exemplos: Derivar

1) y = e x +1 y ′ = e x .(2x )
2 2 +1

1
2) y = e x ⇒ y′ = e x .
2 x

3) y = e sen x ⇒ y ′ = e sen x . cos x

4) y =
x 2 +1
e x ⇒ y′ = e
x 2 +1
x (
 2x.x − 1. x 2
.
)
+ 1 
=e x
x 2 +1
 x 2 − 1
. 
 2
x   x2 
   
Derivada da Função Logaritmo

dx
y = loga x ⇒ ay = x ⇒ = a y . ln a = x. ln a
dy

dy 1 dy 1
Como: = ⇒ =
dx dx dx x. ln a
dy

1
Se y = log z x ⇒ y′ =
x ln a

u′
Pela Regra da Cadeia: Se y = log a u ⇒ y′ =
u ln a

Para a=e ⇒ loga x = ln x

u′
Pela Regra da Cadeia: Se y = ln u ⇒ y′ =
u

Exemplos: Derivar

2x 2
1) y = ln x 2 ⇒ y′ = =
2 x
x
1
1
2) y = ln x ⇒ y′ = 2 x =
x 2x
1
1
3) log3 x ⇒ y′ = 2 x =
x ln 3 2 ln 3

Lembrar que :
ln (p . q) = ln p + ln q

p
ln = ln p – ln q
q

ln pr = r . ln p