P. 1
AULA RESINAS COMPOSTAS

AULA RESINAS COMPOSTAS

4.33

|Views: 11.152|Likes:
...olistiko i artesanal...
...olistiko i artesanal...

More info:

Published by: Livreinatural Arkairis on Jul 22, 2009
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PPT, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/03/2015

pdf

text

original

RESINAS COMPOSTAS

PROF.ª LÍLIAN GOMES SOARES

COMPOSIÇÃO QUÍMICA

Fase Orgânica: BIS-GMA ( maior resistência, estabilidade dimensional e de cor e menor contração de polimerização).

COMPOSIÇÃO QUÍMICA

Fase Inorgânica : quartzo, sílica pirolítica, silicato-alumínio, vidro de boro e outros. Responsável pela melhora das propriedades mecânicas e diminuição da contração de polimerização. Tamanho varia de 0,5 até 100 micrômetros.

COMPOSIÇÃO QUÍMICA

Agente de União: silano orgânico que promove ligação entre a matriz da resina e a carga.

POLIMERIZAÇÃO

Química: iniciador e um ativador) que ao se misturarem formam radicais livres que darão início à polimerização. Fisicamente Ativada:

luz ultravioleta(1970

CLASSIFICAÇÃO DAS RESINAS

Classificam-se quanto ao tipo de polimerização:
Quimicamente ativadas  Fotoativadas

CLASSIFICAÇÃO DAS RESINAS

Quanto ao tipo, tamanho e quantidade de partículas inorgânicas.

RESINAS CONVENCIONAIS
 

Partículas: quartzo Tamanho: variam de 1 a 100 micrômetros Quantidade: de 70 a 80% de peso/carga Desvantagem: aspereza e rugosidade superficial; Contra-indicação: Cavidades próximas ao periodonto

RESINAS DE MICROPARTÍCULAS
    

Partícula: sílica pirolítica, partículas de vidro Tamanho: 0,01 a 0,05 micrômetro Quantidade: de 30 a 50% Indicação: classe III eV Contra-indicãção: áreas de grandes esforços; Vantagem: lisura superficial

RESINAS HÍBRIDAS

 

Partículas: vidros de sílica Tamanho: 0,1 a 1 micrômetro Quantidade: 86% Indicação: classe III, IV e V e restauração posteriores Também podem ser chamadas

RESINAS CONDENSÁVEIS

Maior quantidade de partículas inorgânicas; Maior resistência ao Desgaste físico; Indicação: restaurações em dentes posteriores.

PROPRIEDADES

Resistência ao Desgaste: perda da forma anatômica das restaurações diminuindo a longevidade. Lisura superficial: depende do tipo de carga. Contração de polimerização: atualmente é de cerca de 1,67 a 5,68%.

PROPRIEDADES

Resistência à Fratura: partículas mais resilientes e regulares garantem maior resistência. Estabilidade de Cor: manchamento superficial e/ou descoloração interna; Expansão Higrocópica: varia de 0,07 a 0,08% em volume.

INDICAÇÕES
    

 

Classe III e V Classe IV Colagem de Fragmentos Substituição de Dentina Confecção de núcleos de Preenchimento Facetas Estéticas Restaurações em dentes posteriores

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->