Você está na página 1de 1

A relao de poder com base no livro O Contrato Social de Jean-Jacques Rousseau

O presente trabalho tem o objetivo de, em sntese, abordar a questo da relao de poder com base no livro O Contrato Social de Rousseau, sem que tenhamos a pretenso de esgotar o tema, numa leitura contempor nea do !stado, do homem e do "ireito, mostrando a passagem do !stado de #ature$a para o !stado Civil e a soberania do !stado como poder legtimo para manter a ordem e a pa$ social, tanto entre os cidados e entre os !stados aliengenas, estrangeiros% &bordaremos a questo dos homens que, por maioria, como convencionalistas dos seus direitos, reconhecendo o !stado como legtimo, dentro duma associao m'tua para que no venha a se tornar escravo, j( que nasce livre, e por toda parte encontra)se a *erro +,% -./, apontando, assim, que os con*litos de interesses sempre e0istiro% ,or *im, *aremos uma abordagem da *ora do "ireito, que no se deve con*undir com o direito da *ora, autoritarismo, que leva a barb(rie, sendo o direito, a 1ei, garantidora da propriedade privada e da legitimidade do !stado enquanto de*ensor dos interesses di*usos e coletivos *irmado no pacto social%

Bibliogra ia! RO"SS#A"$ 2ean)2acques% %o contrato social& -3 ed% So ,aulo4 &bril Cultural, 5678% Coleo Os ,ensadores%