P. 1
Substâncias Inorgânicas organicas

Substâncias Inorgânicas organicas

|Views: 45.145|Likes:
Publicado porleolofiego

More info:

Published by: leolofiego on Aug 13, 2009
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/26/2014

pdf

text

original

Substâncias Inorgânicas

Com moléculas pequenas, as substâncias inorgânicas podem ser produzidas dentro e fora dos organismos vivos. As principais são: água, gás oxigênio e sais minerais. Veja abaixo cada uma. Água (H2O) - A água é a substância mais abundante nas células e, portanto, nos seres vivos. É fundamental para a vida porque, entre outros fatores:
• • •

É o solvente universal (substância com maior capacidade de dissolver outras); É um excelente regulador térmico (auxiliando os seres vivos na absorção ou liberação de calor); É o principal "veículo" de transporte de outras substâncias, no interior e para fora dos seres vivos; é o principal componente de líquidos como o sangue e a urina.

Gás Oxigênio (o2) - O gás oxigênio é fundamental para quase todas as células, pois é indispensável à respiração aeróbica, principal reação química para a produção de energia a partir de outras substâncias. Sais Minerais - Sais minerais são compostos químicos diversos que fornecem às células vários elementos necessários a diferentes funções. Veja a seguir os principais elementos obtidos através dos sais minerais e observe suas funções.

Ferro (Fe): é responsável pelo transporte dos gases oxigênio e dióxido de carbono (gás carbônico) pelas hemácias (glóbulos vermelhos do sangue). Presente em carnes e leguminosas.

Sódio (Na) e Potássio (K): favorece a transmissão dos impulsos nervosos pelas células nervosas e controla a entrada e saída de outras substâncias nas células em geral (bomba de Na/K).

Cloro (Cl): também age na transmissão dos impulsos nervosos. Entra na formação do ácido clorídrico (HCl) que auxilia na digestão de vários animais, inclusive o homem.

• • • •

Cálcio (Ca): participa do funcionamento das células musculares e da formação de ossos e dentes. É encontrado no leite e seus derivados. Iodo (I): é essencial para o funcionamento da glândula tireóide, importante produtora de hormônios. Flúor (F): é importante para a formação e proteção dos dentes. Fósforo (P): Atua na formação dos ossos e, principalmente, dos ácidos nucléicos (DNA e RNA).

Nitrogênio (N): é fundamental para a produção de proteínas e também do DNA e do RNA.

Substâncias Orgânicas
Substâncias orgânicas são, em geral, moléculas grandes e de composição química variada, cujo elemento principal é o carbono (C). Podem ser dividas em três grupos:

Proteínas:
São formadas pela união dos aminoácidos, por meio da reação química chamada peptização ou ligação peptídica, na qual ocorre formação de uma molécula de água. Dois aminoácidos formam um dipeptídeo, três formam um tri peptídeo e quatro ou mais aminoácidos formam um poliptídeo. As proteínas em sua maioria são enormes poli peptídeos. São as substâncias que aparecem em maior quantidade nas células, depois da água.

Lipídios:
São formados pela união de álcoois graxos (dois tipos de substâncias orgânicas). São chamados de lipídios simples quando formados apenas por carbono (C), hidrogênio (H) e oxigênio (O) e de lipídios complexos quando, além desses três elementos, possuem outros como o fósforo (P), o nitrogênio (N) e o enxofre (S). As principais funções dos lipídios são: • energética: reservam energia para quando as células não possuírem carboidratos suficientes; • isolantes térmicos: evitam que o organismo perca calor; • plástica ou estrutural: entram na constituição da membrana das células; • hormonal: regulam a atividade de certas células; • impermeabilizante: evitam a desidratação (perda excessiva de água); • isolante elétrico: evitam o "vazamento" da eletricidade das células nervosas.

Vitaminas:
Embora sejam utilizadas em doses muito pequenas, as vitaminas são fundamentais para as células porque delas depende o funcionamento de muitas enzimas. Podem ser hidrossolúveis (que dissolvem em água) ou lipossolúveis (que dissolvem em lipídios).

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->