Você está na página 1de 2

O Stimo Selo.

Texto Bblico: Apocalipse 8-9. Introduo: 1. O preldio do captulo 7 cria uma atmosfera de suspense. 2. At este ponto o salo real ecoava com a adorao dos ancios e dos quatros seres viventes, bem como com o c ntico de louvores dos remidos. !. "uando o #ordeiro abre o stimo selo, $%ouve silencio no cu cerca de meia %ora&. 'm sil(ncio impressionante desce sobre o #orte #elestial. ). *urante meia %ora o sil(ncio se prolon+a. ,. Aos sete an-os que $se ac%am em p diante de *eus, foram dadas sete trombetas&. .. O que se+ue na #orte #elestial tem o prop/sito de mostrar que as ora0es do povo de *eus sobem ao 1rono e so atendidas. As Seis Trombetas: A Tra !dia da "umanidade Impenitente#. 1. Os fla+elos que a+ora desfilam perante os nossos ol%os devem ser interpretados 2 lu3 da lio das palavras que v(m depois do ltimo fla+elo, 4.25,21. 2. 6o obstante o imenso sofrimento causado pelos cinco primeiros fla+elos, os %omens recusam arrepender7se de seus pecados. !. 8sta interpretao reforada com a lembrana de que os quatro primeiros fla+elos fa3em lembrar aqueles que foram derramados sobre o 8+ito. 4. Os flagelos desta viso simbolizam a operao contnua, na histria da humanidade, dos efeitos do pecado. ,. *emonstram a maneira por que a %umanidade sofre por causa da sua desobedi(ncia a *eus. .. #ontudo, no recon%ecendo a sua ce+ueira sem arrependimento. 7. Os primeiros quatro fla+elos t(m a ver com a devastao na nature3a. 8. O quinto flagelo sugere o poder destruidor e atormentador do pecado. 4. 9omente um +rupo sobre a terra est: isento do poder dessas criaturas ; O povo de *eus, sobre cu-as frontes est: o selo de *eus.

15. <ois, esto se+uros da devastao que o pecado opera nas almas dos %omens. 11. O fla+elo da se=ta trombeta fa3 lembrar o cativeiro de >srael? da re+io do 8ufrates, da @abilAnia e Assria vieram os conquistadores. !. Os cru"is cavaleiros e a destruio que trou#eram representam simbolicamente todo cativeiro e sofrimento resultantes da rebelio do homem contra $eus. 1!. 8ntretanto, os %omens prosse+uem em sua atitude de impenit(ncia. $oncluso? 8ste te=to nos tra3 al+umas implica0es? a% &recisamos resgatar o conceito da 'ra de $eus contra o pecado. b% ( a redeno em )risto *esus pode trazer libertao ao pecador dos poderes das trevas. c% +esmo na ira, $eus tem um propsito de conclamar os homens ao arrependimento.