Você está na página 1de 19

O que deves fazer se fores vítima de bullying?

Existem

muitas

formas

de

responder

às

agressões. Eis algumas sugestões:

deves fazer se fores vítima de bullying? • Existem muitas formas de responder às agressões. Eis

Ignora

• Ignora o Os bullies gostam que a sua vítima fique irritada ou triste. Não te

o Os bullies gostam que a sua vítima fique irritada ou triste. Não te aborreças. “Imagina que eles são invisíveis” Continua em frente sem olhar para eles“Olha para

qualquer coisa e ri” “Faz transparecer desinteresse total” (resulta melhor quando a agressão é leve).

Sê assertivo

- Enfrenta o agressor com uma postura ereta e voz firme. Mostra confiança! Olha o agressor de frente e diz com

por isso acaba com

firmeza “Não gosto que

.

Usa o Humor

o Responder a uma provocação com outra provocação

encoraja o agressor a continuar. O agressor muitas vezes acaba com a agressão, só pelo facto de lhe parecer que a

provocação não te afeta (mesmo que te afete). Por exemplo, se o agressor diz “Tu és estúpido” as respostas como “Sério?”, “E depois”, “Obrigado por mo dizeres”, demonstram que desvalorizas o que te disseram.

Mantem a Calma

o No confronto com o agressor mantém a calma e a não

deixes que o agressor pense que está a “dominar a situação”. Contar mentalmente até 20, ajuda-te a controlar.

Encontra Aliados

o

Estar acompanhado dos amigos desencoraja os bullies. Estes

gostam sobretudo de provocar quando a vítima está só e, por

isso, mais vulnerável. Fala com os teus amigos e colegas e solicita o seu apoio.

Denuncia Diz o que está a acontecer a um adulto de confiança (pais, professores, etc.). Se o fizeres o teu receio diminui.

Desvaloriza o comentário (dizendo “Está bem”, e

continuando o teu caminho) Que roupa tão ridícula!” E tu respondes: “Obrigada! Ainda bem que reparaste.”

Usa mensagens no “EU”
Usa mensagens no “EU”

Usa mensagens no “EU” • Começa sempre com o EU e não com TU. O eu
Usa mensagens no “EU” • Começa sempre com o EU e não com TU. O eu

Começa sempre com o EU e não com TU.

O eu focaliza os teus sentimentos e necessidades. O tu põe o

outro à defesa.

Começa sempre com o EU e não com TU. O eu focaliza os teus sentimentos e
Com simplicidade e clareza dizer COMO TE SENTES
Com simplicidade e clareza dizer COMO TE SENTES

– “Eu

– “Eu fico

” ex: “Eu não gosto

ex: “Eu fico aborrecido/a

Diz O QUE É que o agressor fez (ou está a fazer) que te faz
Diz O QUE É que o agressor fez (ou está a
fazer) que te faz sentir daquele modo.

– “ Eu fico aborrecido/a

quando tu

Exemplo: “Eu fico aborrecido quando tu me chamas nomes”

Diz POR QUE É QUE te sentes daquele maneira.
Diz POR QUE É QUE te sentes
daquele maneira.

– “Eu fico

quanto tu

porque

Exemplo: “Eu fico aborrecido quando tu me

chamas nomes porque eu tenho nome próprio”

Diz O QUE É QUE queres/precisas que o agressor faça. – “ Eu quero que

Diz O QUE É QUE queres/precisas que o agressor faça.

– “Eu quero que tu

Exemplo: “Eu fico aborrecido quando tu me

chamas nomes porque eu tenho um nome próprio e quero que me trates por ele.”

Atividade na aula…
Atividade na aula…

Cenário 1: Um/Uma colega da tua turma anda a chamar-te nomes desde a semana passada.

Completa as frases seguintes baseado/a no cenário acima.

1) Sinto-me

2) quando tu

3) porque

4) eu quero que tu

passada. Completa as frases seguintes baseado/a no cenário acima. 1) Sinto-me 2) quando tu 3) porque
Atividade…
Atividade…

Cenário 2: Enquanto estás na fila para seres atendido/a na biblioteca, um colega teu empurra-te e passa para a

tua frente.

Completa as frases seguintes tendo em conta o cenário descrito acima.

1) Fico zangado/a

2) quando tu

3) porque

4) eu quero que tu

Atividade…
Atividade…

Cenário 3: Ao almoço, os teus amigos sentam-se todos juntos numa mesa e recusam deixar que te sentes junto

deles.

Completa as frases seguintes tendo em conta o cenário 3.

1) Sinto-me

2) quando vocês

3) porque

4) eu gosto

junto deles. Completa as frases seguintes tendo em conta o cenário 3. 1) Sinto-me 2) quando
E finalmente…
E finalmente…
• Não reajas, agredindo ou provocando também. • Não faças tudo para agradar ao agressor

Não reajas, agredindo ou provocando também.

Não faças tudo para agradar ao agressor esperando que ele goste de ti. Esquece-o. O problema não é teu, é dele…

Lembra-te…

Os agressores querem demonstrar poder e estatuto.

Por isso, precisam de plateia. A agressão serve para

eles demonstrarem aos outros que têm esse poder e estatuto.

Escolhem os alunos alvo sobre os quais pensam que alcançam uma vitória fácil.

Procurar vingança?! O que precisas de saber
Procurar vingança?! O que precisas de saber

Não desejes a vingança. A menos que te tornes um

criminoso/a, nunca serás capaz de causar tanto sofrimento ao

agressor como ele provocou em ti. A vingança não é solução.

Cada minuto que pensas em vingar-te é um minuto que o

agressor continua a ter poder.

Em alternativa à vingança, procura ter uma imagem positiva de ti mesmo, respeitares-te a ti e aos outros.

Interesses relacionados