Você está na página 1de 2

IMPULSO

[Escolher a data]

Impulso Ao mergulharmos um pedao de madeira na gua, ele, no afunda. A gua exerce uma fora vertical de baixo para cima sobre a madeira, fazendo com que ela suba at a superfcie. Essa fora chamada impulso (I). A fora de impulso exercida por um fluido qualquer, lquido ou gs, sobre um objecto que esteja mergulhado nele. Qual a condio para que um corpo flutue? Vamos supor que um corpo introduzido totalmente num lquido. Se, em seguida, ele abandonado, trs situaes podem ocorrer: 1O corpo sobe superfcie quando a impulso maior do que o peso do objecto.

2- Quando a impulso menor do que o peso, o corpo afunda.

3-O corpo permanece na profundidade em que foi abandonado quando a impulso e o peso tiverem o mesmo valor.

O valor da impulso dado pelo seguinte princpio, formulado por Arquimedes: "Todo corpo imerso num lquido, fica sujeito a uma fora vertical, de baixo para cima (impulso), igual ao peso do volume lquido deslocado e aplicada no centro de gravidade desse volume." Esse princpio tambm vlido para o ar (ou qualquer outro gs). Essa fora utilizada, por exemplo, para fazer subir os

IMPULSO

[Escolher a data]

bales. Eles sobem porque contm um gs menos denso que o ar, habitualmente hidrognio, hlio ou mesmo ar quente. A impulso depende de: a) Densidade do fluido (); b) Volume imerso (= volume de fluido deslocado) Desta forma: I = .g.V I = Impulso; = densidade do fluido deslocado; g = acelerao da gravidade; V = volume imerso = Volume de fluido deslocado. Por efeito da fora de impulso o peso de um corpo aparenta ser menor quando est mergulhado no fluido (peso aparente). Assim: I = Preal Paparente