Você está na página 1de 2

A Igreja e a adorao Baseado em palestra do pastor Amim Rodor. ( realizada no Concilio de Ancios da APO em 2014.

) A questo da adorao est presente na raa humana desde o princpio dos tempos. Vemos essa realidade com Caim e Abel. Vemos essa realidade no Monte Carmelo. Vemos essa realidade em Daniel captulo 3, onde encontramos um verdadeiro tipo do que ser a ima em da !esta. Vemos essa realidade de "orma ritante durante a tentao de #esus no deserto. $obretudo vemos abundantemente no livro de Apocalipse. Apocalipse captulos %3 e %& vemos que a questo da adorao aparece oito ve'es, sendo que em sete delas a adorao est relacionada com a (alsa )rindade e aqui no vemos somente a realidade da adorao, mas vemos tamb*m que o te+to trata da autoridade. ,uem tem autoridade para receber a adorao. -esses captulos vemos um con"ronto entre a verdadeira trindade e a "alsa trindade com seus anta onismos. o As 3 mensa ens an *licas contra os 3 espritos imundos. o . $elo de Deus contra a Marca da !esta. o . / contra o 0. o .s verdadeiros mila res contra os sinais e prod ios. o A 1arousia de Cristo contra a 1arousia de $atans. o A plenitude do 2sprito contra a plenitude do homem. 3 nossa necessidade entender que encontrar4se com o sa rado * entrar em contato com uma realidade to rande que nos "a' sentir o quo pequenos somos. Devemos entender que ou n5s adoramos o Deus verdadeiro ou criamos nossos pr5prios 6 ods amon us7. A Divindade * uma realidade muito rande que habita em uma escala in"inita. Mas nosso mundo conectado est alterando nossos modelos e padr8es mentais para pior. Al umas das reas mais a"etadas so as reas do9 1ra'er :epouso Mem5ria :elacionamento 2spiritualidade ;nossa capacidade de perceber Deus< . rande problema * que perdemos o lar, perdemos a escola e estamos perdendo a i re=a. A invaso da espiritualidade no acontece em termos de uma rande e+ploso, ela tem acontecido mais > semelhana de uma col?nia de cupins que silenciosamente coloca abai+o uma casa de madeira. .s comportamentos

tamb*m mudaram ao ponto de que "req@Ancia > i re=a * tornou4se uma prtica estranha para a sociedade ocidental, que s5 por um acaso, n5s "a'emos parte. 2m uma pesquisa, as principais causas ale adas como motivo para dei+ar de ir > i re=as esto itens como9 $om ruim !anco ruim Culto cansativo