Você está na página 1de 1

Atividade Introduo a Neurocincia Super-humanos Nome: Camila Silva dos Santos RA:11099012

A capacidade de ler mentes


Uma mutao gentica fez com que uma nova protena fosse sintetizada, a mindnina (mind=mente). Este nome foi escolhido devido a sua caracterstica peculiar que d ao portador do gene a capacidade de ler mentes. Esta protena, at ento desconhecida, cria uma nova estrutura qumica onde so formados canais inicos na membrana do neurnio, mais precisamente no axnio, onde todas as informaes so transmitidas do e para o encfalo. Regularmente, os canais inicos presentes na membrana do neurnio so os responsveis pela transmisso de informao atravs de impulsos eltricos e um potencial de ao que envolve uma certa quantidade de energia que seja suficiente para ultrapassar seu limiar. Esses impulsos ou informaes, so transmitidos em um nico sentido, onde os dendritos no corpo celular recebem o impulso e o axnio transmite para o prximo neurnio. Simplificando bastante, o processamento de informaes, sensao e percepo do encfalo so modulados por impulsos nervosos em um nico sentido. No indivduo que apresenta essa anomalia gentica, tornou-se possvel o processamento de informao e transmisso de potencial de ao pelo neurnio em ambos sentidos, onde os rgos sensitivos se tornaram uma espcie de receptor. A pele passou a funcionar como uma antena, que em contato com outro ser humano capta as frequncias emitidas do campo eletromagntico emitido por ele, envia esse sinal na direo contrria do impulso nervoso de informao prpria e o crtex processa nas devidas regies especificas dependendo da frequncia e intensidade do sinal. Aps processamento desse sinal no crtex, o crebro transforma o sinal em informao prpria, como se ele mesmo tivesse vivido a sequncia de informaes que acabou de captar do outro ser humano, sendo assim, as informaes ficam gravadas na memria e as informaes captadas passam a fazer parte do prprio indivduo. Esse processo tornou o indivduo capaz de ler a mente das pessoas por um processo que na prtica se apresentou simples. Ao encostar em outro ser humano, inconscientemente passa a ter um arquivo de novas memrias, novas experincias vividas em outra perspectiva, devido a isso consegue distinguir o que a pessoas esto pensando enquanto est em contato com ela, com um atraso de milsimos de segundos, o equivalente ao processamento do crebro.