Você está na página 1de 4

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ - UESC

Curso de Direito

IVY NORA DIAS

A IMPORTNCIA DO DIREITO COMO INSTRUMENTO DE CONTROLE SOCIAL

Ilhus, BA 27/02/2013

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ - UESC


Curso de Direito

IVY NORA DIAS

A IMPORTNCIA DO DIREITO COMO INSTRUMENTO DE CONTROLE SOCIAL

Trabalho apresentado como requisito para a obteno de crdito da disciplina Introduo ao Estudo do Direito, ministrada pelo Prof. Msc Josevandro Nascimento.

Ilhus, BA 27/02/2013

A integrao social participa da base fundamental da sociedade. Tal integrao pode resultar em cooperao, competio e conflitos sociais. medida que uma sociedade se torna mais dinmica e estruturada, torna-se tambm mais sujeita s posturas individualistas, nas quais os indivduos tendem a visar os interesses prprios em detrimento dos coletivos. Desse modo, a sociedade, a fim de evitar o choque de foras, necessita do uso de mecanismos contentores. Os mecanismos contentores ou, como so conhecidos, instrumentos de controle social so aqueles que agem como apaziguadores dos conflitos de uma sociedade. Tal mediao pode ser realizada atravs de sugestes de algo a ser cumprido, como nas Regras de Trato Social, Moral e Religio, ou atravs de leis que impelem determinado comportamento, o que ocorre no Direito. Cada instrumento de controle social fundamental e nico num contexto de socializao, e, como um todo, so responsveis pela manuteno da vida em sociedade. Na ausncia desses mecanismos que evitam o choque de foras a vida coletiva entraria em colapso, j que as vontades individuais sobrepujariam o bem estar social. Entre os mecanismos de controle social, aquele que considerado o mais efetivo o Direito, por atuar atravs de sanes impostas que regulam a vida em sociedade, de uma forma jurdica a qual emana do Estado. Portanto, o direito se diferencia por ter a coero como aliado principal. Alm disso, a importncia do Direito se d medida que ele o responsvel por regrar, atravs da ordem e justia, a convivncia social. Desse modo, o Direito corresponde a um instrumento essencial de controle da vida em sociedade e, inclusive, devido preciso das suas leis, responsvel por assegurar o comportamento humano. Por conseguinte, o Direito corresponde a exigncia primeira para a existncia da sociedade, como afirmava Ulpiano: ubi homo ibi societas; ubi societas, ibi jus, que significa, onde est o homem, a est a sociedade; onde est a sociedade, a est o direito. Em suma, o Direito, apesar de no ser o nico instrumento de controle social, fundamental para preservao da vida em sociedade. Portanto, pode-se concluir pela recproca dependncia entre o Direito e a Sociedade, no concebvel que o ser humano viva em sociedade na ausncia de regras que direcionem, mesmo que minimamente, o seu comportamento.

Referncias
GUSMO, Paulo Dourado de. Introduo ao estudo do direito. 39. Ed. Rio de Janeiro: Forense, 2007. NADER, Paulo. Introduo ao estudo do direito. Rio de Janeiro: Forense, 2011. REALE, Miguel. Lies preliminares de direito. 27 ed. So Paulo: Saraiva, 2002

Você também pode gostar