Você está na página 1de 1

O Trabalho interno na Senda Martinista

O objetivo do trabalho Martinista separar o Fixo (Corpo Glorioso) do Voltil (Corpo Passional) atravs da aquisio das Virtudes Morais das antigas Ordens de Cavalaria, em substituio e sublimao aos Vcios pecados) da natureza inferior do homem. Sobre esta Sublimao, ou seja, a transformao do Vcio em Virtude, afirma Eliphas Levi: " Os Cabalistas denominam o pecado uma casca: a casca, dizem eles, forma-se como uma excrescncia, que se enruga por fora, pela seiva que se coagula em vez de circular; ento, a casca seca e cai. Do mesmo modo o homem, que chamado a cooperar com a obra de Deus, construindo a si prprio, aperfeioandose pela ao de sua liberdade, se deixar coagular em si a seiva, que deve servir para desenvolver suas faculdades para o bem, o homem realiza um progresso retrgrado, degenera e cai como uma casca morta. Mas, segundo os cabalistas, nada leva ao mal na natureza, o mal sempre absolvido pelo bem ; as cascas podem ainda ser teis, se forem recolhidas pelo agricultor, que as queima e se aquece com seu calor, e depois faz de suas cinzas um adubo nutritivo para a rvore; ou, ento, pela putrefao junto arvore, elas a nutrem e retornam seiva pelas razes. Segundo as concepes da cabala, o fogo eterno que deve queimar os maus pois o fogo regenerador, que os purifica e, por transformaes dolorosas, mas necessrias, os faz servir utilidade geral, e os devolve eternamente ao bem que deve triunfar. Deus, dizem, o absoluto do bem e no pode haver dois absolutos: o mal o erro que ser absolvido pela verdade, a casca que, putrefata ou queimada, retorna seiva e contribui novamente vida universal" Queimar as cascas uma obra difcil e lenta; a Iniciao abre as portas essa possibilidade e acelera essa rdua tarefa, que completada pela Orao; pois a Orao o fogo alquimico capaz de levar a termo esta sublimao da natureza inferior em superior. Entretanto esta Orao deve ser precisa para alcanar seu objetivo, pois como nos prometeu o Cristo: " Pedi e vos ser dado; buscai e achareis; batei e vos ser aberto. Pois tudo o que pede, recebe; o que busca, acha; e ao que bate, se abrir. Quem de vs, sendo pai, se o filho lhe pedir um peixe, em vez do peixe lhe dar uma serpente? Ou ainda, se pedir um ovo, lhe dar um escorpio? Ora, se vs, que sois maus, sabeis dar coisas boas aos vossos filhos, quanto mais o Pai do Cu dar o Esprito Santo aos que o pedirem" (Lucas, 11: 10:13).