Você está na página 1de 19

MECNICA DOS FLUIDOS (ECT 1403) Aula 4

Foras Hidros ! i"as so#r$ Su%$r&'"i$s su#($rsas


A resultante da fora atuando sobre uma superfcie submersa depende da magnitude (mdulo) da fora, sentido e linha de ao da fora.

FR =

PdA =
A

PC A

Onde Pc a presso absoluta do l!uido na posio do centride de "rea A.

Foras Hidros ! i"as so#r$ Su%$r&'"i$s su#($rsas

Foras Hidros ! i"as so#r$ Su%$r&'"i$s su#($rsas


Para determinar completamente a resultante da fora atuando sobre um superfcie submersa, devemos especificar: 1.A magnitude ou mdulo da Fora; 2. sentido da Fora; !.A lin"a de a#o da fora.

#$%#&%''

#$%#&%''

'

#$%#&%''

'

#$%#&%''

'

#$%#&%''

'

#$%#&%''

'

#$%#&%''

'

#$%#&%''

'

(m ob)eto imerso em um fluido ou flutuando em sua superfcie sofre uma fora l!uida *ertical de*ido + presso do l!uido (,-P(.O).

EM)U*O

P = P0 + gh

A fora l!uida *ertical /

dFZ = ( P0 + gh2 ) dA ( P0 + gh1 ) dA


dFZ = g ( h2 h1 ) dA = gdV

Para um corpo submerso, a fora de empuxo do fluido igual ao peso do fluido deslocado.

EM)U*O
FEmpuxo = gV

,mbarca0es, flutuadores, bal0es meteorolgicos, batiscafos e demais e!uipamentos submers*eis ou flutuantes, como dirig*eis ou bal0es. 1os casos de imerso parcial, um corpo flutuante desloca um *olume de fluido com peso igual ao peso do corpo.

A linha de ao da fora de empu2o determina a estabilidade de um corpo em um fluido.

ESTA+ILIDADE

#$%#&%''

'

#$%#&%''

'

,2erccios
1 Uma mina submarina de formato esfrico (com dimetro de 2 metros) encontra-se a uma profundidade de 6 metros. Sabendo que a mesma possui densidade relati a de 0!"# determine o peso m$nimo da corrente ou ncora usada para manter a mina nesta profundidade. %onsidere que a &'ua do mar tem densidade i'ual a &'ua pura a 1# o%. 2 ( barra'em mostrada na fi'ura abai)o constru$da com concreto (peso espec$fico * 2+!6 ,-.m+) e est& simplesmente apoiada numa funda/0o r$'ida. 1etermine qual o m$nimo coeficiente de atrito entre a barra'em e a funda/0o para que a barra'em n0o escorre'ue. (dmita que a &'ua n0o pro oca qualquer efeito na superf$cie inferior da barra'em e analise o problema por unidade de comprimento da barra'em.

3 4 5olhas de g"s so liberadas do regulador do e!uipamento de respirao de um mergulhador submerso. O !ue acontece com essas bolhas6 ,2pli!ue. 7 4 (ma balsa de transporte necessariamente retangular com dimens0es de $8 ft de largura e 3## ft de comprimento. 9e :# carros, com um peso m dio por carro de 3### lb esto sendo transportados pela balsa, !uanto mais ela afundar" na "gua, de*ido a presena dos carros6

E*E,C-CIO