Você está na página 1de 3

1 UNIVERSIDADE PAULISTA UNIP ICS CURSO DE EDUCAO FSICA

RELATRIO DE ATIVIDADE COMPLEMENTAR Aluno (a): Karolina Ibiapina Coelho Matrcula: c2739j-3 1. APRESENTAO DA ATIVIDADE

TTULO: O Curioso caso de Benjamin Button DATA: LOCAL: CARGA HORRIA: 20 horas OBJETIVOS: Observar o processo e o nosso ciclo de vida invertido, do fim para o incio, visto de uma forma totalmente alternativa e voltada do avesso.

2.

ANLISE Esta a histria do homem que nasce velho e vai rejuvenescendo com o

tempo ou, por outras palavras, a histria surreal de um homem que nasce velho e morre beb.Este um belo exemplo, embora fictcio, que separa o desenvolvimento cognitivo/psicolgico do desenvolvimento psicomotor. Assim, verifica-se um retrocesso na idade e evoluo a nvel psicossocial e cognitivo (maturao), pois ao longo do filme percebemos que, contrariamente ao seu corpo, a sua mente evolui normalmente.Este pormenor tira toda a simplicidade do enredo.

tambm bastante curioso ver, tanto durante os primeiros como as ultimas partes do filme (das quase trs horas de durao), que somos apresentados a relgios cujos ponteiros, e tal como o personagem principal, andam para trs. O filme provoca pensamentos sobre o tempo, a relao entre a vida e a morte e, principalmente sobre o amor. E, por mais que a histria no seja comum para quem assiste, em alguns momentos, as pessoas podem se identificar e at aprender um pouco sobre a vida e como aproveita-l, mesmo com todas as dificuldades que podem existir.

3.

CONSIDERAES FINAIS A realizao da atividade acrescentou no meu crescimento uma vida , bem

vivida e nunca dada como perdida antes do inevitvel fim a grande mensagem do filme. Como futura profissional de Educao Fsica, alm das inmeras modificaes que o passar do tempo provoca em ns, inevitalmente, d-nos um leque imenso de coisas, muitas vezes no palpveis, que vamos guardando e mantendo connosco ao longo da vida: as memrias, as aprendizagens, as experincias, momentos e recordaes nicas, que atravessam connosco e tecem uma linha de vida, jamais igual de outra pessoa. Isto d-nos a nossa exclusividade enquanto seres humanos.

So Paulo, 27 de maro de 2014. ______________________________ __________________________________ Assinatura do aluno Assinatura do Prof. Responsvel e/ ou Coordenador do Curso