Você está na página 1de 14
g. APE y OF 2. No Fis. N°. Camara Legislativa do Distrito Feder>! Gabinete Parlamentar do Deputado Pedro Passos PL 176 /2007 PROJETO DE LEI N° DE 2007 (Do Senh do PEDRO PASSOS - PMDB) as a Estabelece acesso gratuito aos idosos e deficientes fisicos aos estacionamentos piblicos sob regime de concesséo ou permisséo no 4mbito do Distrito Federal, e da outras providéncias. A CAMARA LEGISLATIVA DO DISTRITO FEDERAL decret: Art. 1° Fica assegurado aos idosos e aos portadores de deficiéncia fisica, bem como aos seus acompanhantes, o acesso gratuito a vaga de estacionamento concedido pelo Poder Piblico a iniciativa privada, por meio de contrato de concessdo ou permissdo de uso. Paragrafo unico. Para os efeitos desta Lei aplica-se a definigado de faixa etaria nos termos estabelecidos pela Lei n° 10.741, de 1° de outubro de 2003. Art. 2° Os veiculos das pessoas beneficiadas pela presente Lei deverdo, obrigatoriamente, constar de identificacdo, mediante adesivo a ser fornecido pelo Departamento de Transito do Distrito Federal (DETRAN/DF) . Art. 3° 0 permissiondério ou concessionério que se negar ao cumprimento do disposto nesta Lei, fica sujeito as seguintes penalidades: = oso? 14.39 ‘SAIN Parque Rural -CLOF - Gatinele 21 -BrasiiaDF - CEP 70086-900- Tel. apr MBS Fis, No_O) Camara Legislativa do Distrito Federal Gabinete Parlamentar do Deputado Pecro Passos I - multa no valor de R$ 500,00 (quinhentos reais); II - multa no valor de R$ 1.000,00 (mil reais), no caso de reincidéncia; III - suspensdo ou cancelamento da permisséo ou da concessdo de uso, a critério da Administracéo, no caso de persistir a infracdo. Paraégrafo tnico - Os valores das multas previstos nos incisos I e II deste artigo serao reajustados anualmente com base na variacao do INPC, calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatistica (IBGE). Art. 4° Esta Lei entra em vigor na data d o sua publicagao. Art. 5° Revogam-se as disposicdes em contrario. JUSTIFICAGAO Sabe-se que o Distrito Federal deve obedecer 4s diretrizes que permitam aos idosos portadores de necessidades especiais 0 melhor acesso aos servicos e aos edificios ptblicos. Para atingir essa finalidade, faz-se necessdrio que © poder pliblico facilite o acesso as pessoas beneficiadas pela legislacao. Esse melhor acesso nao pode ser restrito a reserva de vaga nos estacionamentos ptblicos e privados, ao contrario, deve ampliar a destinagéo as pessoas que o Estado tem especial atengao. Alem do mais, “Contrato de Concesséo € 0 ajuste pelo qual a Administragéo delega ao particular a Ere ISLATIVO 0. ‘SAIN Page Rural OLOF la 71 - BraliaF- CEP T0086600 Te: MESTI2- Fax B82 we Ay LEGIS| Pk_wo 76 Fis, No__O) Camara Legislativa do Distrito Federal Gabinete Palamentar do Deputado Peco Passos execucdo remunerada de servico ou de obra ptblica ou lhe cede o uso de um bem ptblico, para que o explore por sua conta e risco”. Por essa rai , tratando-se de concessdo de coisa piblica com execucdo remunerada pelo particular, 0 interesse ptblico sobre o particular deve prevalecer, haja vista ser principio basilar do direito brasileiro. Nesse diapasdo, urge indagar se hd interesse ptblico a amparar o espirito da lei. Logo, a reflexao inicial que se faz é a seguinte: 0 acesso gratuito aos idosos e as pessoas portadoras de necessidades especiais aos estacionamentos ptblicos, objetos de concesséo de Area publica, é de interesse ptblico? Ndo hd como responder contrariamente. Por isso, o legislador constituinte reservou um capitulo especial (Capitulo VII - do Titulo “Da Ordem Social) ao Idoso e aos portadores de necessidades especiais, cujo texto abaixo transcrevo, in verbis: “art. 227. (2...) §2° A lei disporé sobre normas de construcéo dos logradouros e dos edificios de uso ptblico e de fabricagéo de veiculos de transporte coletivo, a fim de garantir acesso adequado as pessoas portadoras de deficiéncia”. Vislumbra-se que a garantia de acesso as pessoas portadoras e deficiéncia é@ tema relevante para o Poder Piblico. Tal assertiva se extrai da interpretacdo teleolégica da norma constitucional, que seja, a protec&o e tratamento adequado as pessoas portadoras de necessidades especiais. LATIVO, Of ‘SAIN: Parque Rurd- GLO Gabinee 1 - BrasbalD CEP T0085.000 Tal S4EEDTO Fax HEBRIS