Você está na página 1de 5
CAMARA LEGISLATIVA DO DISTRITO FEDERAL 55° > Gabinete Deputado Regutfe PROTOCOLO LEGISLATIVO PL we Qik / OF Fis, NO_OA p75 PL 218 /2007 PROJETO DE LEI NO ret -putado REGUFFE) Dispée sobre a proibigio da cobranca de taxa de emissio do diploma de conclusio de cursos que especifica dé outras providéncias. A CAMARA LEGISLATIVA DO DISTRITO FEDERAL decreta: Art, 1° Fica vedada as instituigdes de ensino fundamental, médio e superior, publicas ¢ privadas situadas no Distrito Federal, a cobranga de qualquer taxa para emissio de diploma ou certificado de conclusio de curso. Art. 2° Fica estabelecida multa de 10(dez) vezes 0 valor cobrado por diploma ou certificado emitido. Pardgrafo tinico O valor arrecadado pelas multas de que trata 0 caput deste artigo sera revertido a0 Fundo de Defesa dos Direitos do Consumidor, instituido pela Lei Complementar 50;-de-23 de dezembro de 1997. i Art. 3° Esta Lei entra em vigor na data de si SAIN - Parque Rural — 70.086-900 - Brasilia-DF CAMARA LEGISLATIVA DO DISTRITO FEDERAL Gabinete Deputado Regutfe Art, 4° Revogam-se as disposigdes em contrario PROTOCOLO LEGISLATIVO Pe ne 2Ae ; oF Fis. NO_O2_ 2 1 TF JUSTIFICACAO O presente projeto de lei tem por escopo estabelecer uma medida contra 0 abuso na cobranga pela emissfio dos diplomas e certificados de conclusio de curso aos estudantes. Tal cobranga é indevida ¢ abusiva, pois os estudantes da rede privada pagam valores altissimos pela prestago de servigo educacional, nfo se justificando a exigéacia de mais dinheiro para a simples expedigo de diploma ou certificado de conclusio de curso! Tal excegio ofende frontalmente o espirito que norteia 0 Cédigo de Defesa do Consumidor. Quanto aos estudantes da rede piiblica, o acesso ao ensino obrigatério e gratuito € direito ptiblico subjetivo, garantido pelo art. 208, § 1°, da Constituic&io Federal pelo art. 221, § 5°, da Lei Organica do Distrito Federal. Matéria publicada no Correio Braziliense de 28 de fevereiro de 2007 mostra que em recente levantamento realizado pela Promotoria de Defesa do Consumidor (PRODECON), do Ministério Publico do Distrito Federal e Territérios (MPDFT), certificou-se que esse tipo de cobranca realmente ocorre, contrariando a Resolugio n° 03/85 do Conselho Federal de Educagio. SAIN - Parque Rural ~ 70.086-900 - Brasilia-DF CAMARA LEGISLATIVA DO DISTRITO FEDERAL Gabinete Deputado Regutfe Conclamo todos os pares & reflexo e aprovagio deste projeto. -Sala das Sessées, em ... Deputado REGUFFE | PROTOCOLO LEGISLATIVO Ph no 2'e jot Fis, No_O ‘ SAIN - Parque Rural - 70.086-900 - Brasilia-DF