Você está na página 1de 2

Não desistas dos teus sonhos!

A vida está repleta de sonhadores, que por causa dos seus sonhos marcaram
o percurso da historia. Um trecho do celebre poema de Antonio Gedeão, Pedra
Filosofal, diz: “Eles não sabem, nem sonham, que o sonho comanda a vida,
que sempre que um homem sonha, o mundo pula e avança, como bola
colorida entre as mãos de uma criança”; ou até o que Fernando Pessoa
disse: “Deus quer, o homem sonha, a obra nasce...”. Enfim muitos foram
aqueles que sonharam e alcançaram, quanto mais quando o sonho provém do
coração de Deus.

Na Biblia encontramos um homem em quem Deus colocou sonhos e os quais


ele não deixou fugir, falo de José.

• José era muito querido por Jacó seu pai, José era tratado com tudo de
melhor, era de tal forma amado que os irmãos de José tinham por ele
uma grande inveja. (Genesis 37: 1-4)

Quando José partilhou o seu sonho com os seus irmãos, a sua inveja
era tamanha que planearam apagar por completo com José. (Genesis
37: 5 – 11, 20-27)

○ Vai haver sempre vozem de inveja que te dirão que não vais
concretizar o teu sonho, e que não darão credito a ele

a. Nota: partilha os teus sonhos apenas com quem servir


para os alimentar e não para destruir

• José foi vendido pelos irmãos aos medianitas que por sua vez venderam
a Potifar, oficial de Faraó. O querido de Jacó que era tratado com todas
as regalias fora feito escravo do oficial de Faraó. José tinha agora um
motivo para desistir dos seus sonhos e se revoltar contra Deus, mas não
o fez. Ao invés disso, José manteve o seu coração aos sonhos de Deus,
e a Deus (Gen 39: 2-6). E quando a sua vida parecia encaminhada para
o seu sonho, foi colocado na prisão por algo que não fez;

○ Deus vai querer testar a consistencia com que sonhas, Ele


quer saber até que ponto estrás disposto a ir pelo sonho que
ele colocou no teu coração (Gen 39: 7-20)
○ José continuou fiel e não desistiu (Gen 39: 21-23)

• E foi na prisão que as portas do sonho de José se começaram a abrir,


quando interpretou o sonho de dois funcionarios do Faraó, e
posteriormente quando Faraó teve um sonho e não tinha quem o
interpretasse, o copeiro-chefe se lembrou de José.

○ Um atleta dos 100 metros tem sempre a ambição de ser o


primeiro de cortar a meta, logo ele se concentra nela, não deixa
que nada nem nimguem o impessa, e mais tarde ele vai
conseguir o ouro. (tocar restitui)