P. 1
Administração da Produção e Logística_ENADE

Administração da Produção e Logística_ENADE

|Views: 13.196|Likes:
Apresenta as questões de administração da produção e logística respondidas relativas aos provões de administração de 1998 a 2003 e ENADE 2006.
Apresenta as questões de administração da produção e logística respondidas relativas aos provões de administração de 1998 a 2003 e ENADE 2006.

More info:

Published by: Gerisval Alves Pessoa on Nov 01, 2009
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PPT, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/28/2013

pdf

text

original

Faculdade Atenas Maranhense – FAMA Curso de Administração

Seminário ENADE 2009 Administração da Produção e Logística
Prof. MSc. Gerisval Alves Pessoa Outubro de 2009
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 1 de 126

Provão 1998 - Questões 4, 5 e 6

O gráfico cartesiano abaixo é a imagem geométrica da relação CUSTO x VOLUME x LUCRO das operações de uma empresa. Interprete-o a fim de responder às questões 4, 5 e 6. Receitas e Custos, em reais

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

2 de 126

Provão 1998 - Questão 4

Envolve Administração da Produção, Marketing e Contabilidade Geral – Questão Conceitual – Grau de Dificuldade 2. O Ponto de Equilíbrio entre a receita e os custos, em reais e em quantidades, está representado pelo(s) segmentos(s): (A) DC do eixo das ordenadas. (B) ED do eixo das ordenadas. (C) CB e BA do eixo das ordenadas. (D) ED e DC do eixo das ordenadas. (E) ED e DC do eixo das ordenadas; e EF do eixo das abscissas.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

3 de 126

Provão 1998 - Questão 4

Envolve Administração da Produção, Marketing e Contabilidade Geral – Questão Conceitual – Grau de Dificuldade 2. O Ponto de Equilíbrio entre a receita e os custos, em reais e em quantidades, está representado pelo(s) segmentos(s): (A) DC do eixo das ordenadas. (B) ED do eixo das ordenadas. (C) CB e BA do eixo das ordenadas. (D) ED e DC do eixo das ordenadas. (E) ED e DC do eixo das ordenadas; e EF do eixo das abscissas.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

4 de 126

Provão 1998 - Questão 5

Envolve Administração da Produção, Marketing e Contabilidade Geral – Questão Conceitual – Grau de Dificuldade 1. O(s) segmento(s) do eixo das ordenadas que representa(m), no gráfico, o lucro para a quantidade vendida G, expresso em reais, é: (A) BA. (B) CB. (C) DC. (D) ED. (E) ED,DC,CB,BA.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

5 de 126

Provão 1998 - Questão 5 Envolve Administração da Produção, Marketing e Contabilidade Geral – Questão Conceitual – Grau de Dificuldade 1. O(s) segmento(s) do eixo das ordenadas que representa(m), no gráfico, o lucro para a quantidade vendida G, expresso em reais, é: (A) BA. (B) CB. (C) DC. (D) ED. (E) ED,DC,CB,BA.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

6 de 126

Provão 1998 - Questão 6
Envolve Administração da Produção, Marketing e Contabilidade Geral – Questão Conceitual – Grau de Dificuldade 1. A Margem de Segurança com que uma empresa opera é função do montante de receita que ela pode perder até atingir o ponto de equilíbrio. Assim, na situação indicada pelo gráfico, a Margem de Segurança está representada, em valores de receita, pelo(s) segmento(s) do eixo das ordenadas: • (A) CB. • (B) DC. •(C) ED. •(D) CB e BA. •(E) ED e DC.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

7 de 126

Provão 1998 - Questão 6
Envolve Administração da Produção, Marketing e Contabilidade Geral – Questão Conceitual – Grau de Dificuldade 1. A Margem de Segurança com que uma empresa opera é função do montante de receita que ela pode perder até atingir o ponto de equilíbrio. Assim, na situação indicada pelo gráfico, a Margem de Segurança está representada, em valores de receita, pelo(s) segmento(s) do eixo das ordenadas: • (A) CB. • (B) DC. •(C) ED. •(D) CB e BA. •(E) ED e DC.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

8 de 126

Provão 1998 - Questão 7
Envolve Administração da Produção e Marketing - Grau de Dificuldade 1. Uma empresa fabrica e vende um produto por R$ 100,00 a unidade. O Departamento de Marketing da empresa trabalha com a Equação da Demanda apresentada abaixo, onde YD e XD representam, respectivamente, o preço e a quantidade da demanda. YD = -2XD + 10.100 Como um primeiro passo para a elaboração do Plano de Produção dessa empresa, indique a opção que responde à pergunta: "Quantas unidades produzir?” (A) 5.000 •(B) 5.050 •(C) 5.100 •(D) 5.150 •(E) 5.200
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 9 de 126

Provão 1998 - Questão 7
Envolve Administração da Produção e Marketing - Grau de Dificuldade 1. Uma empresa fabrica e vende um produto por R$ 100,00 a unidade. O Departamento de Marketing da empresa trabalha com a Equação da Demanda apresentada abaixo, onde YD e XD representam, respectivamente, o preço e a quantidade da demanda. YD = -2XD + 10.100 Como um primeiro passo para a elaboração do Plano de Produção dessa empresa, indique a opção que responde à pergunta: "Quantas unidades produzir?” (A) 5.000 •(B) 5.050 •(C) 5.100 •(D) 5.150 •(E) 5.200
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 10 de 126

Provão 1998 - Questão 8
Envolve Administração da Produção e Gestão de Processos - Grau de Dificuldade 2. Uma equipe de reengenharia, após a realização de um diagnóstico preliminar, identificou um processo problemático na área de produção de uma empresa: o excesso de controles operacionais, gerando custos relativamente elevados, considerados os demais custos de produção. Assinale a opção que NÃO deverá ser incluída no relatório, a ser encaminhado à Diretoria Executiva, com sugestões sobre um futuro programa de Reengenharia de Processos na área de produção da empresa. •(A) Identificar e mapear os processos relacionados com os controles operacionais na área de produção. •(B) Eliminar, na medida do possível, os processos que não adicionam valor para o cliente (análise de valor). •(C) Ordenar os processos problemáticos, identificados na área de produção, segundo o grau de disfunção apresentado. •(D) Relacionar os processos referentes a controles operacionais mais suscetíveis de serem redefinidos com sucesso. •(E) Tornar os controles operacionais mais presentes no processo produtivo da empresa.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

11 de 126

Provão 1998 - Questão 8
Envolve Administração da Produção e Gestão de Processos - Grau de Dificuldade 2. Uma equipe de reengenharia, após a realização de um diagnóstico preliminar, identificou um processo problemático na área de produção de uma empresa: o excesso de controles operacionais, gerando custos relativamente elevados, considerados os demais custos de produção. Assinale a opção que NÃO deverá ser incluída no relatório, a ser encaminhado à Diretoria Executiva, com sugestões sobre um futuro programa de Reengenharia de Processos na área de produção da empresa. •(A) Identificar e mapear os processos relacionados com os controles operacionais na área de produção. •(B) Eliminar, na medida do possível, os processos que não adicionam valor para o cliente (análise de valor). •(C) Ordenar os processos problemáticos, identificados na área de produção, segundo o grau de disfunção apresentado. •(D) Relacionar os processos referentes a controles operacionais mais suscetíveis de serem redefinidos com sucesso. •(E) Tornar os controles operacionais mais presentes no processo produtivo da empresa.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

12 de 126

Provão 1999 - Questão 37
Envolve Projetos – Grau de dificuldade 1 Num projeto de lançamento de um novo produto foi programado, com base na rede PERT acima, o tempo necessário para a sua execução. Na qualidade de gestor do projeto, a qual seqüência de atividades você dispensaria maior atenção, objetivando não atrasar o lançamento do produto (caminho crítico)? (A) AF (B) BG (C) DH (D) BCH (E) BEF

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

13 de 126

Provão 1999 - Questão 37
Envolve Projetos – Grau de dificuldade 1 Num projeto de lançamento de um novo produto foi programado, com base na rede PERT acima, o tempo necessário para a sua execução. Na qualidade de gestor do projeto, a qual seqüência de atividades você dispensaria maior atenção, objetivando não atrasar o lançamento do produto (caminho crítico)? (A) AF
AF = 9 BG = 5 DH = 5 BCH = 12 BEF = 10

(B) BG

(C) DH

(D) BCH

(E) BEF

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

14 de 126

Provão 2000 - Questão 7
Envolve Estratégia e Logística - Conceitual - Dificuldade 2 Raul Fragoso, presidente de uma grande empresa de varejo alimentício, optou por uma estratégia empresarial de concentração, mas foi duramente criticado. Justificou a escolha alegando que, desta forma, ele focalizaria (A) um único negócio, podendo penetrar melhor em um mercado de alto crescimento. • (B) o fato de a empresa ser única em seu setor em dimensões que os consumidores valorizam, buscando a alta qualidade dos produtos e sua distribuição diferenciada. • (C) a entrada em novos negócios relacionados ao negócio central original, visando à transferência de tecnologias. • (D) a expansão do domínio da organização na cadeia de fornecimento ou de distribuidores, reduzindo custos. • (E) a expansão para negócios não relacionados entre si, minimizando os riscos devidos a flutuações de mercado em um único setor. •

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

15 de 126

Provão 2000 - Questão 7
Envolve Estratégia e Logística - Conceitual - Dificuldade 2 Raul Fragoso, presidente de uma grande empresa de varejo alimentício, optou por uma estratégia empresarial de concentração, mas foi duramente criticado. Justificou a escolha alegando que, desta forma, ele focalizaria (A) um único negócio, podendo penetrar melhor em um mercado de alto crescimento. • (B) o fato de a empresa ser única em seu setor em dimensões que os consumidores valorizam, buscando a alta qualidade dos produtos e sua distribuição diferenciada. • (C) a entrada em novos negócios relacionados ao negócio central original, visando à transferência de tecnologias. • (D) a expansão do domínio da organização na cadeia de fornecimento ou de distribuidores, reduzindo custos. • (E) a expansão para negócios não relacionados entre si, minimizando os riscos devidos a flutuações de mercado em um único setor. •

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

16 de 126

Provão 2000 - Questão 19
Envolve Marketing e Produção - Confusa - Diferentes Interpretações - Dificuldade 4

Ao decidir pela variedade da sua linha de produtos, o executivo principal de uma empresa do setor de bens de consumo deve avaliar:
I - a sua própria propensão ao risco; II - a natureza dos produtos; III - a logística de distribuição de sua empresa; IV - o estágio do ciclo de vida de seus produtos; V - a matéria-prima empregada na produção; VI - as ações da concorrência; VII - as condições de acesso aos mercados internacionais. As alternativas corretas são: •(A) I, II, IV e VI apenas. •(B) I, IV, VI e VII apenas. •(C) II, III, V e VI apenas. •(D) II, III, IV e VI apenas. •(E) III, IV, VI e VII apenas.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 17 de 126

Provão 2000 - Questão 19
Envolve Marketing e Produção - Confusa - Diferentes Interpretações - Dificuldade 4 Ao decidir pela variedade da sua linha de produtos, o executivo principal de uma empresa do setor de bens de consumo deve avaliar: I - a sua própria propensão ao risco; II - a natureza dos produtos; III - a logística de distribuição de sua empresa; IV - o estágio do ciclo de vida de seus produtos; V - a matéria-prima empregada na produção; VI - as ações da concorrência; VII - as condições de acesso aos mercados internacionais. As alternativas corretas são: •(A) I, II, IV e VI apenas. •(B) I, IV, VI e VII apenas. •(C) II, III, V e VI apenas. •(D) II, III, IV e VI apenas. •(E) III, IV, VI e VII apenas.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 18 de 126

Provão 2000 - Questão 27

Envolve Projetos - Questão Conceitual - Dificuldade 1

Uma empresa de consultoria pretende reorganizar uma indústria de maneira a diminuir o tempo de fabricação de um dos seus produtos, ou seja, cadeira de espaldar alto. Como vai utilizar a técnica de PERT/CPM, fez um levantamento de todas as tarefas necessárias para a produção da cadeira. Este levantamento é apresentado na tabela e gráfico seguintes: O caminho crítico e o tempo de duração da montagem, respectivamente, são:

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

19 de 126

Provão 2000 - Questão 27

A) A - B - C - E - G - H ; 16 dias. (C) A - B - C - F - G - H ; 16 dias. (E) A - C - E - G - H ; 16 dias.
Revisão 05

(B) A - B - C - E - G - H ; 17 dias. (D) A - B - D - F - H ; 17 dias.
© Gerisval Pessoa 20 de 126

Provão 2000 - Questão 27

A) A - B - C - E - G - H ; 16 dias. (C) A - B - C - F - G - H ; 16 dias. (E) A - C - E - G - H ; 16 dias.
Revisão 05

(B) A - B - C - E - G - H ; 17 dias. (D) A - B - D - F - H ; 17 dias.
© Gerisval Pessoa 21 de 126

Provão 2000 - Questão 29 Envolve Administração da Produção - Questão Conceitual Dificuldade 1 A Empresa Consultar foi chamada a opinar sobre a implantação de uma produção Just In Time (JIT) na Fábrica de Pregos e Parafusos Ltda. A justificativa central para a adoção do JIT relaciona-se ao fato de que a Fábrica poderá (A) reduzir seus custos através de diminuição dos níveis de estoque. (B) decidir suas compras em cima da hora. (C) utilizar um sistema de produção on line. (D) aumentar o uso de computadores no controle da distribuição com redução de custos. (E) manter estoques elevados em uma determinada hora.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 22 de 126

Provão 2000 - Questão 29 Envolve Administração da Produção - Questão Conceitual Dificuldade 1 A Empresa Consultar foi chamada a opinar sobre a implantação de uma produção Just In Time (JIT) na Fábrica de Pregos e Parafusos Ltda. A justificativa central para a adoção do JIT relaciona-se ao fato de que a Fábrica poderá (A) reduzir seus custos através de diminuição dos níveis de estoque. (B) decidir suas compras em cima da hora. (C) utilizar um sistema de produção on line. (D) aumentar o uso de computadores no controle da distribuição com redução de custos. (E) manter estoques elevados em uma determinada hora.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 23 de 126

Provão 2000 - Questão 30 Envolve Administração de Operações e Logística. interpretação/conceitual - grau de dificuldade 2 Questão

Uma fábrica fez o levantamento dos custos dos diversos tipos de arranjos físicos, em relação ao volume produzido. A figura abaixo representa esses vários tipos. O pessoal do departamento de marketing sugeriu uma previsão de vendas entre os níveis “a”’ e “b” assinalados no gráfico acima. Baseado no levantamento de custos, o Dr. Luiz Flávio, diretor de produção da fábrica, deve optar pelo(s) tipo(s) de arranjo físico:

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

24 de 126

Provão 2000 - Questão 30

(A) posicional. (B) celular (C) por produto. (D) por processo. E) por processo, celular e por produto, simultaneamente.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 25 de 126

Provão 2000 - Questão 30

(A) posicional. (B) celular (C) por produto. (D) por processo. E) por processo, celular e por produto, simultaneamente.
© Gerisval Pessoa

Revisão 05

26 de 126

Provão 2001 - Questão 28
Envolve Administração da Produção (MRP) - Dificuldade 2 A seguir, é apresentada a árvore de produto de mesas redondas fabricadas pela Línea Móveis Ltda. O número de itens D e E, respectivamente, necessários para atender a um pedido de 300 mesas é:

(A) 300 e 100. (B) 3000 e 9000. (C) 4100 e 3000. (D) 4100 e 5100. (E) 5100 e 4100.
Revisão 05

D(2)

E (5)

D(2)

E (4)

© Gerisval Pessoa

27 de 126

Provão 2001 - Questão 28
Envolve Administração da Produção (MRP) - Dificuldade 2 A seguir, é apresentada a árvore de produto de mesas redondas fabricadas pela Línea Móveis Ltda. O número de itens D e E, respectivamente, necessários para atender a um pedido de 300 mesas é:

(A) 300 e 100. (B) 3000 e 9000. (C) 4100 e 3000. (D) 4100 e 5100. (E) 5100 e 4100.
Revisão 05

D(2)

E (5)

D(2)

E (4)

D = 300 [(2A x 2D) + (3B x 2D)] = 300 x 10 = 3000 E = 300 [(2A x 5E) + (5C x 4E)] = 300 x 30 = 9000

© Gerisval Pessoa

28 de 126

Provão 2001 - Questão 29
Envolve Administração da Produção e Logística - Grau de dificuldade 4 A Alberto Conservas Ltda. tem de fazer, para os próximos três meses, um plano de produção de um dos seus produtos (ervilhas). O departamento de marketing da empresa assim estima a demanda do produto:

Considere que a empresa deseja manter um nível de produção estável, detém hoje 100.000 unidades de ervilhas em conserva em estoque e deseja, ao final do período, ter um estoque de 150.000 unidades. Qual deve ser o respectivo nível de estoque ao final de cada mês? (A) 200.000 ; 300.000 e 200.000. (B) 200.000 ; 200.000 e 200.000. (C) 180.000 ; 100.000 e 150.000. (D) 120.000 ; 280.000 e 150.000. (E) 20.000 ; 280.000 e 300.000.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

29 de 126

Provão 2001 - Questão 29

Estoque(I) Produção Total Estoque(F) (A) 200.000 ; 300.000 e 200.000. (B) 200.000 ; 200.000 e 200.000. (C) 180.000 ; 100.000 e 150.000. (D) 120.000 ; 280.000 e 150.000. (E) 20.000 ; 280.000 e 300.000.
Revisão 05

100.000 200.000 300.000 180.000

180.000 200.000 380.000 100.000

100.000 200.000 300.000 150.000 150.000 600.000

© Gerisval Pessoa

30 de 126

Provão 2001 - Questão 30
Envolve Administração da Produção (Planejamento da Capacidade) Grau de dificuldade 2 Sabe-se que a capacidade calculada de produção de uma célula é função da utilização real da capacidade instalada e da eficiência de seu uso. Uma célula de trabalho de uma empresa é formada por cinco máquinas, que são operadas oito horas por dia, durante seis dias na semana. Historicamente, a utilização de cada célula tem sido de 50% devido a manutenções periódicas necessárias, sendo que ela é operada com uma eficiência de 110%. Qual a capacidade calculada (semanal) de cada célula? (A) 108 horas. (B) 120 horas. (C) 132 horas. (D) 240 horas. (E) 528 horas.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 31 de 126

Provão 2001 - Questão 30

Administração da Produção (Planejamento da Capacidade) - Grau de dificuldade 2 Dados: Máquinas = 5 Tempo de operação = 8h/dia – 6dias/semana Utilização da Célula (U) = 50% Eficiência (E) = 110% Capacidade Calculada =? Capacidade Calculada (CC) = Capacidade instalada (CI) x (U) x (E) CI = 5 x 8 x 6 = 240h/semana CC = 240 x 0,5 x 1,10 = 132h (A) 108 horas. (B) 120 horas. (C) 132 horas. (D) 240 horas. (E) 528 horas.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 32 de 126

Provão 2001 - Questão 32
Envolve Administração da Produção (Previsão de Demanda) - Grau de dificuldade 2 Uma empresa utiliza o sistema de média móvel trimestral para previsão de compra de uma determinada matéria-prima. Observe as quantidades efetivamente consumidas nos últimos cinco meses. De quantas unidades deverá ser o pedido para o próximo mês?

(A) 220. (B) 150. (C) 135. (D) 132. (E) 120.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 33 de 126

Provão 2001 - Questão 32

Mm n =
(A) 220. (B) 150. (C) 135. (D) 132. (E) 120.
Revisão 05


i =1

n

Di

n
Mm3 =

M mn = M édia m óvel de n períodos; Di = D em and a ocorrid a n o período i; n = N úm ero de períodos; i = índ ice do p eríod o (i = 1 ,2,3,...)
150 + 100 + 110 = 3 3 360 = 120

© Gerisval Pessoa

34 de 126

Provão 2001 - Questão 33
Envolve Administração da Produção e Logística Grau de dificuldade 3 O gráfico abaixo apresenta a demanda prevista de um determinado produto por mês, bem como dois possíveis sistemas de produção. A escolha alterará os níveis de estoques mensais da empresa.

Observando o gráfico conclui-se que o sistema

(A) A implicará a formação de estoques ao longo do primeiro semestre. (B) A implicará a formação de estoques ao longo do segundo semestre. (C) B implicará a formação de estoques ao longo do primeiro semestre. (D) B implicará a formação de estoques ao longo do segundo semestre. (E) B não implicará subcontratação para o atendimento da demanda durante todo o período.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 35 de 126

Provão 2001 - Questão 33

(A) A implicará a formação de estoques ao longo do primeiro semestre. (B) A implicará a formação de estoques ao longo do segundo semestre. (C) B implicará a formação de estoques ao longo do primeiro semestre. (D) B implicará a formação de estoques ao longo do segundo semestre. (E) B não implicará subcontratação para o atendimento da demanda durante todo o período.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 36 de 126

Provão 2002 - Questão 27
Envolve Administração da Produção (Planejamento da Capacidade Produtiva – Ponto de Equilíbrio) - Dificuldade 1 A Pedroso Ltda. está realizando um estudo de viabilidade econômica para Aloha Surf Ltda., uma pequena fábrica de pranchas de surf. Para tal, determinou o custo fixo anual de operação da fábrica em R$1.500.000,00 e um custo unitário variável de R$100,00. A Aloha pretende vender suas pranchas a um preço unitário de R$200,00. De quantas unidades deve ser o ponto de equilíbrio (produção em que a receita total é igual ao custo total) anual da fábrica? (A) 100.000 (B) 75.000 (C) 50.000 (D) 20.000 (E) 15.000

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

37 de 126

Provão 2002 - Questão 27
Envolve Administração da Produção (Planejamento da Capacidade Produtiva – Ponto de Equilíbrio) - Dificuldade 1 CF = 1.500.000,00 CVu = 100,00 PVu = 200,00 q =? CF q= PVu – CVu (A) 100.000 (B) 75.000 (C) 50.000 (D) 20.000 (E) 15.000
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 38 de 126

1.500.000,00 = 200,00 – 100,00 = 15.000

Provão 2002 - Questão 28
Envolve Administração da Produção (Projeto do Produto e do Processo – Gestão Estratégica de Manutenção) - Dificuldade 2 Um consultor está estudando a confiabilidade do sistema de produção das Gráficas Pantanal, cujo parque gráfico é composto de duas impressoras e duas encadernadoras. As impressoras são máquinas novas e têm uma confiabilidade de 90%, enquanto as encadernadoras são mais antigas, com confiabilidade de 70%. O cálculo de confiabilidade de dois equipamentos em paralelo e em série é dado pelas equações abaixo. Rparalelo = R1 + R2 - (R1 x R2) e Rsérie = R1 x R2 ,

onde R1 e R2 são as confiabilidades dos equipamentos. Considere o esquema de impressão a seguir.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 39 de 126

Provão 2002 - Questão 28

A partir dos dados acima, a confiabilidade total do parque gráfico é de: (A) 39,7% (B) 63,4% (C) 81,9% (D) 90,1% (E) 140,5%
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 40 de 126

Provão 2002 - Questão 28

0, 9

0, 7

0, 9 Rparalelo Imressoras1e2 p Rparalelo Encadern. 1e2

0, 7

= RI1 + RI2 – (RI1 x RI2) = 0,9 + 0,9 – (0,9 x 0,9 ) = 1,8 – 0,81 = 0,99 = RE1+ RE2 – (RE1 x RE2) = 0,7 + 0,7 – (0,7 x 0,7 ) = 1,4 – 0,49 = 0,91
Impressoras Encadernadoras

0,99 RsérieIeE
Revisão 05

0,91

= RI X RE = 0,99 x 0,91 = 0,909 = 90,1%
© Gerisval Pessoa 41 de 126

Provão 2002 - Questão 28

A partir dos dados acima, a confiabilidade total do parque gráfico é de: (A) 39,7% (B) 63,4% (C) 81,9% (D) 90,1% (E) 140,5%
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 42 de 126

Provão 2002 - Questão 29 Envolve Administração da Produção (Previsão de Demanda) Dificuldade 2 Dois consultores estão preparando para a Motores Nacionais um estudo de previsão de mercado de motores no país. Eles pesquisaram a série histórica em sites na Internet, tendo chegado à conclusão de que a série anual não apresentava tendência, e propuseram a utilização da técnica de média móvel simples para realizar a previsão do número de motores a serem produzidos.Tal previsão fundamenta-se na equação e na série histórica apresentadas a seguir.

onde F é a produção prevista, P é a produção realizada e t representa o ano
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 43 de 126

Provão 2002 - Questão 29

Assim, qual deve ser a produção da Motores Nacionais para o ano de 2002? (A) 250 (B) 275 (C) 300 (D) 325 (E) 350
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 44 de 126

Provão 2002 - Questão 29

t+1 => 2002 P => 2001 = 250 Pt-1 => 2000 = 300 Pt-2 => 1999 = 200 (A) 250 (B) 275 (C) 300 (D) 325 (E) 350
Revisão 05

250 + 300 + 200 => F2001 = 3 = 250

© Gerisval Pessoa

45 de 126

Provão 2002 - Questão 30
Envolve Administração da Produção (Planejamento da Capacidade) - Dificuldade 3 Na indústria de móveis, os processos de produção variam de totalmente manuais a totalmente automatizados. A Nossos Móveis Ltda. contratou administradores de produção para determinar que tipo de instalação a Empresa deverá utilizar. Para tal, eles traçaram as curvas de custos unitários apresentadas no gráfico a seguir. .

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

46 de 126

Provão 2002 - Questão 30
Para uma demanda máxima estimada de 9 000 unidades mensais, qual o tipo de instalação a ser utilizado e qual a produção ótima (menor custo unitário)?

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

47 de 126

Provão 2002 - Questão 30

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

9000

48 de 126

Provão 2002 - Questão 1 Discursiva
Envolve Administração da Produção (Localização Industrial) - Dificuldade 3 O DESENVOLVIMENTO VEM COM NOVOS INVESTIMENTOS Nos últimos anos, o nível de investimento direto com capital estrangeiro tem sido significativo no Brasil. Alguns estados brasileiros têm adotado políticas de desenvolvimento bastante agressivas e complexas para atraí-lo. Essas políticas são implementadas por meio de um conjunto de fatores que podem ser classificados, de uma maneira geral, como incentivos ao desenvolvimento estadual, o que acirra a competição entre os estados. A estratégia corporativa da multinacional DREAMINVEST identificou que seu portfólio de negócios seria muito beneficiado se a empresa instalasse uma nova unidade fabril no Brasil. A empresa era conhecida por produzir uma pequena família de produtos categorizados como bens de consumo durável de alto valor unitário. A tecnologia de processo de produção era avançada e fazia uso, de maneira intensa, de robótica, sem que isso acarretasse impactos no meio ambiente. A questão ambiental, aliás, era uma grande preocupação da DREAMINVEST.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

49 de 126

Provão 2002 - Questão 1 Discursiva
Os produtos tinham design avançado, com funcionalidade sofisticada, e eram avaliados como de qualidade superior. A sua manufatura podia ser classificada como de classe mundial. Ademais, ela tinha a reputação de atender adequadamente os consumidores dos Estados Unidos e da Europa Ocidental, o que satisfazia as expectativas de uma considerável parcela de consumidores brasileiros, ávidos por consumir produtos que fazem sucesso nos países desenvolvidos. O padrão de qualidade da empresa deveria ser mantido no Brasil, onde não existem produtos similares nem substitutos. A empresa, todavia, ainda não opera em nenhum país da América Latina. Com vistas à implantação da nova unidade fabril, a DREAMINVEST contratou a filial brasileira de uma das maiores empresas de consultoria do mundo. Estudos preliminares resultaram na escolha de um estado que vinha implementando uma bem-sucedida política de atração de novos investimentos industriais. Algumas características foram também cuidadosamente analisadas pela consultoria contratada, dentre as quais destacam-se: aspectos mercadológicos típicos do consumidor brasileiro; custos logísticos referentes ao transporte; e a necessidade de poucos operários, porém muito bem qualificados. O relatório preliminar foi, então, encaminhado à sede da empresa multinacional para decisão superior.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 50 de 126

Provão 2002 - Questão 1 Discursiva
A alta direção da DREAMINVEST, visando à tomada de decisão final, foi favorável ao detalhamento dos estudos e solicitou que fossem realizados contatos com as Secretarias do Governo Estadual responsáveis pelo assunto, o que foi feito de imediato. A coligação partidária que estava no poder apresentava visíveis dificuldades para ganhar a eleição daquele ano. As reuniões técnicas se deram em uma atmosfera proativa muito profissional. Os consultores estavam convencidos de que os técnicos do Governo ofereceram as facilidades comuns à atração de novos investimentos, em linha com a política de desenvolvimento vigente. Durante um jantar com integrantes da equipe de governo, um assessor político, de forma discreta, relatou algumas dificuldades enfrentadas pelo governo estadual atual para vencer as próximas eleições e sugeriu que uma eventual contribuição ao fundo de campanha do candidato oficial seria bastante apreciada. Tudo poderia ser feito em conformidade com a legislação eleitoral vigente.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 51 de 126

Provão 2002 - Questão 1 Discursiva
a - Indique cinco critérios (fatores de localização) que a empresa de consultoria deverá considerar no que se refere à escolha do Estado brasileiro onde será instalada a nova fábrica. Padrão de resposta esperado. a) Deverão ser citados, necessariamente, os seguintes critérios (fatores de localização): . Mercado: potencial, distribuição geográfica, custo de transporte, cultura local globalizada. . Matéria-prima: proximidade da fonte (custo de transporte), natureza, obtenção, qualidade da fonte.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

52 de 126

Provão 2002 - Questão 1 Discursiva

. Infra-estrutura: disponibilidade de energia, fornecimento de água, transporte, porto, aeroporto, serviços bancários. . Terreno: custo, visibilidade, acesso, topografia. . Fornecedores: quantidade, qualidade, certificação, tradição com multinacionais. . Mão-de-obra: nível educacional, salários, atitude, experiência com grandes empresas. . Sindicatos: atividades políticas, organização, representatividade.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

53 de 126

Provão 2002 - Questão 1 Discursiva

. Meio ambiente: legislação, grupos organizados. . Comunidade: atitude relativa à indústria e às multinacionais. . Classe patronal: atividades políticas, organização, poder político. . Qualidade de vida: escolas, clubes, segurança, belezas naturais.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

54 de 126

Provão 2003 - Questão 03 Envolve Estratégia Empresarial Ao refletir sobre o planejamento da Empresa Brasileira de Panquecas (Ebrapan), o gerente administrativo percebeu que o ambiente externo exerce sobre a organização fortes ações diretas e indiretas. Os elementos de ação indireta afetam o clima no qual a organização opera, podendo vir a se tornar elementos de ação direta. Entre os elementos de ação indireta que podem influenciar a administração da Ebrapan, incluem-se (A) grupos ecológicos, meios de comunicação e grupos de pressão política. (B) grupos ecológicos, oferta de mão-de-obra e concorrentes. (C) grupos de pressão política, instituições financeiras e acionistas. (D) legislação, oferta de mão-de-obra e concorrentes. (E) concorrentes, instituições financeiras e legislação.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 55 de 126

Provão 2003 - Questão 03 Envolve Estratégia Empresarial Ao refletir sobre o planejamento da Empresa Brasileira de Panquecas (Ebrapan), o gerente administrativo percebeu que o ambiente externo exerce sobre a organização fortes ações diretas e indiretas. Os elementos de ação indireta afetam o clima no qual a organização opera, podendo vir a se tornar elementos de ação direta. Entre os elementos de ação indireta que podem influenciar a administração da Ebrapan, incluem-se (A) grupos ecológicos, meios de comunicação e grupos de pressão política. (B) grupos ecológicos, oferta de mão-de-obra e concorrentes. (C) grupos de pressão política, instituições financeiras e acionistas. (D) legislação, oferta de mão-de-obra e concorrentes. (E) concorrentes, instituições financeiras e legislação.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 56 de 126

Provão 2003 - Questão 08
Envolve Estratégia Empresarial Em suas atividades em uma grande empresa nacional, Mariana percebeu que havia perda de esforços ao se pulverizarem os negócios da empresa em diversas linhas de produtos e serviços. Para reverter essa situação organizacional, ela deverá definir (A) uma estratégia de maior diversificação para melhorar o desempenho da empresa junto ao mercado. (B) os produtos e serviços para melhor atender seus clientes internos e motivá-los para o trabalho. (C) novos canais de comunicação para melhorar sua interação com o mercado. (D) o foco da empresa para estabelecer suas prioridades, considerando os produtos, serviços e clientes. (E) o foco da empresa para melhorar o marketing interno e as relações com a concorrência.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 57 de 126

Provão 2003 - Questão 08
Envolve Estratégia Empresarial Em suas atividades em uma grande empresa nacional, Mariana percebeu que havia perda de esforços ao se pulverizarem os negócios da empresa em diversas linhas de produtos e serviços. Para reverter essa situação organizacional, ela deverá definir (A) uma estratégia de maior diversificação para melhorar o desempenho da empresa junto ao mercado. (B) os produtos e serviços para melhor atender seus clientes internos e motivá-los para o trabalho. (C) novos canais de comunicação para melhorar sua interação com o mercado. (D) o foco da empresa para estabelecer suas prioridades, considerando os produtos, serviços e clientes. (E) o foco da empresa para melhorar o marketing interno e as relações com a concorrência.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

58 de 126

Provão 2003 - Questão 27
Envolve APO A Tintas Brasil Ltda. está estudando uma forma de nivelar sua produção durante o ano. O Departamento de Marketing fez uma pesquisa de mercado e descobriu que o setor de tintas é altamente sazonal (muitas famílias resolvem pintar suas residências no 4º trimestre, devido ao período de festas). O gráfico abaixo mostra as previsões de vendas para o próximo ano. De quantos milhares de galões deve ser o nível de produção trimestral da empresa para nivelar sua produção?

(A) 100 (B) 75 (C) 55 (D) 50 (E) 40

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

59 de 126

Provão 2003 - Questão 27
Envolve APO A Tintas Brasil Ltda. está estudando uma forma de nivelar sua produção durante o ano. O Departamento de Marketing fez uma pesquisa de mercado e descobriu que o setor de tintas é altamente sazonal (muitas famílias resolvem pintar suas residências no 4º trimestre, devido ao período de festas). O gráfico abaixo mostra as previsões de vendas para o próximo ano. De quantos milhares de galões deve ser o nível de produção trimestral da empresa para nivelar sua produção?

(A) 100 (B) 75 (C) 55 (D) 50 (E) 40

Demanda Anual = 30 + 50 + 40 + 100 = 2.200 Demanda semestral = 2.200 / 4 = 55

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

60 de 126

Provão 2003 - Questão 28
Envolve APO A Telefones Brasileiros S.A. está estudando a instalação de uma nova fábrica no Brasil. Para esta decisão, foram levantados a receita e os custos totais em função da quantidade de aparelhos, para dois tipos de sistemas de produção. O gráfico, a seguir, representa esse levantamento. Tendo em vista que o Departamento de Vendas levantou um mercado de 350.000 unidades já no primeiro ano, que tipo de sistema de produção você recomenda e qual o seu ponto de equilíbrio? (A) Células de Produção ; 100.000 (B) Células de Produção ; 210.000 (C) Células de Produção ; 350.000 (D) Linha Automatizada ; 140.000 (E) Linha Automatizada ; 210.000

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

61 de 126

PE

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

350.000.00

62 de 126

Provão 2003 - Questão 28 Envolve APO A Telefones Brasileiros S.A. está estudando a instalação de uma nova fábrica no Brasil. Para esta decisão, foram levantados a receita e os custos totais em função da quantidade de aparelhos, para dois tipos de sistemas de produção. O gráfico, a seguir, representa esse levantamento. Tendo em vista que o Departamento de Vendas levantou um mercado de 350.000 unidades já no primeiro ano, que tipo de sistema de produção você recomenda e qual o seu ponto de equilíbrio? (A) Células de Produção ; 100.000 (B) Células de Produção ; 210.000 (C) Células de Produção ; 350.000 (D) Linha Automatizada ; 140.000 (E) Linha Automatizada ; 210.000

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

63 de 126

Provão 2003 - Questão 29 Envolve APO A Ponto Quente Aparelhos Elétricos S.A. produz aquecedores e ventiladores. As árvores de estrutura de ambos os produtos estão representadas a seguir (os números entre parênteses referem-se à quantidade utilizada na produção). Considerando que os eixos utilizados em ambos os casos são os mesmos, quantos eixos devem ser comprados para a produção de 100 ventiladores e 50 aquecedores, se o estoque inicial é de 40 eixos e, ao final da produção, deseja-se ter um estoque de 50 eixos? (A) 300 (B) 260 (C) 250 (D) 240 (E) 210

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

64 de 126

Estoque inicial = 40 eixos Estoque final = 50 eixos •Aquecedor: 1(E) x 1(M) x 50 (A) = 50 eixos •Ventilador: 1(E) x 2(M) x 100(V) = 200 eixos •Total = 250 eixos Solução = 250(Eixos) - 40 (Ei) + 50 (Ef) = 260

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

65 de 126

Provão 2003 - Questão 29 Envolve APO A Ponto Quente Aparelhos Elétricos S.A. produz aquecedores e ventiladores. As árvores de estrutura de ambos os produtos estão representadas a seguir (os números entre parênteses referem-se à quantidade utilizada na produção). Considerando que os eixos utilizados em ambos os casos são os mesmos, quantos eixos devem ser comprados para a produção de 100 ventiladores e 50 aquecedores, se o estoque inicial é de 40 eixos e, ao final da produção, deseja-se ter um estoque de 50 eixos? (A)300 (B) 260 (C) 250 (D) 240 (E) 210

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

66 de 126

Provão 2003 - Questão 30 Envolve APO A A Obras Públicas Ltda. está se preparando para a obtenção de uma licença de construção de uma ponte na Região Sudeste. As tarefas que serão executadas são: A,B,C,D,E,F,G,H,I,J,K,L,M. As precedências e os tempos (entre parênteses) para a execução de todas as tarefas são mostrados na figura a seguir. Como a obra tem interesse social, em quantos dias, no máximo, deve ser executada?

(A) 17
Revisão 05

(B) 16

(C) 15
© Gerisval Pessoa

(D) 14

(E) 12
67 de 126

• A -J = 8 + 4 = 12 dias • A-F-K = 8 + 3 + 3 = 14 dias • B-D-G-K = 4 + 6 + 2 + 3 = 15 dias • B-D-G-L = 4 + 6 + 2 + 4 = 16 dias • B-D-H-M = 4 + 6 + 3 + 4 = 17 dias • B-E-I-M = 4 + 3 + 3 + 4 = 14 dias • C-I-M = 9 + 3 + 4 = 16 dias
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 68 de 126

Provão 2003 - Questão 30 Envolve APO A A Obras Públicas Ltda. está se preparando para a obtenção de uma licença de construção de uma ponte na Região Sudeste. As tarefas que serão executadas são: A,B,C,D,E,F,G,H,I,J,K,L,M. As precedências e os tempos (entre parênteses) para a execução de todas as tarefas são mostrados na figura a seguir. Como a obra tem interesse social, em quantos dias, no máximo, deve ser executada?

(A) 17

(B) 16

(C) 15

(D) 14

(E) 12

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

69 de 126

Provão 2003 - Questão 31
Envolve APO O Gerente de Produção da Fábrica de Ferramentas TT S.ª efetuou o levantamento do trabalho realizado por uma equipe encarregada do processo de ferramentas de corte, tendo elaborado a seguinte tabela: Considerando-se as informações obtidas, constata-se que a melhor produtividade ocorreu em

(A) janeiro. (B) fevereiro. (C) março. (D) abril. (E) maio.
© Gerisval Pessoa

Revisão 05

70 de 126

Meses

Peças Produzidas

Trabalhadores

Dias trabalhados

Produtividade (p / H x d)

Janeiro Fevereiro Março Abril Maio

1.280 1.040 1.530 1.200 1.100

34 40 50 50 25

22 18 27 20 22

1,71 1,44 1,13 1,20 2,00

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

71 de 126

Provão 2003 - Questão 31
Envolve APO O Gerente de Produção da Fábrica de Ferramentas TT S.ª efetuou o levantamento do trabalho realizado por uma equipe encarregada do processo de ferramentas de corte, tendo elaborado a seguinte tabela: Considerando-se as informações obtidas, constata-se que a melhor produtividade ocorreu em

(A) janeiro. (B) fevereiro. (C) março. (D) abril. (E) maio.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

72 de 126

Provão 2003 - Questão 32
Envolve APO - Logística A Maçã Verde Produtos Agrícolas Ltda. está estudando os custos de distribuição de seus produtos. Existem três possibilidades para o transporte das maçãs produzidas desde a fazenda até o armazém de distribuição da empresa localizado na cidade de Natal. A tabela a seguir mostra os custos dos diferentes tipos de transporte, o número de dias para a entrega por tipo de transporte e o custo de manutenção do estoque em trânsito por dia (principalmente refrigeração). Colocando-se em ordem crescente de custos totais os diversos tipos de transporte, tem-se: (A) Rodoviário, Marítimo e Aéreo. (B) Rodoviário, Aéreo e Marítimo. (C) Aéreo, Marítimo e Rodoviário. (D) Marítimo, Rodoviário e Aéreo. (E) Marítimo, Aéreo e Rodoviário.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 73 de 126

• Custo total aéreo = 100 + (3 x 10) = 130,00 • Custo total marítimo = 20 + (40 x 2,50) = 120,00 • Custo total rodoviário = 50 + (20 x 3,0) = 110,00 Rodoviário - Marítimo - Aéreo

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

74 de 126

Provão 2003 - Questão 32
Envolve APO - Logística A Maçã Verde Produtos Agrícolas Ltda. está estudando os custos de distribuição de seus produtos. Existem três possibilidades para o transporte das maçãs produzidas desde a fazenda até o armazém de distribuição da empresa localizado na cidade de Natal. A tabela a seguir mostra os custos dos diferentes tipos de transporte, o número de dias para a entrega por tipo de transporte e o custo de manutenção do estoque em trânsito por dia (principalmente refrigeração). Colocando-se em ordem crescente de custos totais os diversos tipos de transporte, tem-se: (A) Rodoviário, Marítimo e Aéreo. (B) Rodoviário, Aéreo e Marítimo. (C) Aéreo, Marítimo e Rodoviário. (D) Marítimo, Rodoviário e Aéreo. (E) Marítimo, Aéreo e Rodoviário.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 75 de 126

Provão 2003 - Questão 33
Envolve APO - Logística A Chuveiros Elétricos Ltda. revende chuveiros de diversos fabricantes nacionais e internacionais. A Diretoria Financeira deseja estimar o valor do seu estoque ao final do primeiro ano de atividade. A tabela abaixo mostra a movimentação do estoque durante este ano. Por ser o primeiro ano, existe a possibilidade de escolha do sistema de contabilização a ser utilizado. Dois sistemas estão em estudo: PEPS (o Primeiro a Entrar é o Primeiro a Sair do estoque) e UEPS (o Último a Entrar é o Primeiro a Sair). A diretoria deseja minimizar o saldo da conta de estoques ao final do ano. O tipo de sistema contábil que deve ser utilizado para se atingir esse objetivo e o saldo contábil da conta estoque, respectivamente, são (A) PEPS ; R$700,00 (B) PEPS ; R$500,00 (C) UEPS ; R$700,00 (D) UEPS ; R$600,00 (E) UEPS ; R$500,00

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

76 de 126

• PEPS => 1T = (50 x 10) = 500; 2T = (50 x 12) = 600; 3T = (100 x14) = 1.400 4T = (50 x 14) = 700 • UEPS => 1T = (50 x 10) = 500; 2T = (50 x 10) = 500; 3T = (50 x10) + (50 x 14) = 1.200; 4T = (50 x 10) = 500

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

77 de 126

Provão 2003 - Questão 33
Envolve APO - AFO - Materiais A Chuveiros Elétricos Ltda. revende chuveiros de diversos fabricantes nacionais e internacionais. A Diretoria Financeira deseja estimar o valor do seu estoque ao final do primeiro ano de atividade. A tabela abaixo mostra a movimentação do estoque durante este ano. Por ser o primeiro ano, existe a possibilidade de escolha do sistema de contabilização a ser utilizado. Dois sistemas estão em estudo: PEPS (o Primeiro a Entrar é o Primeiro a Sair do estoque) e UEPS (o Último a Entrar é o Primeiro a Sair). A diretoria deseja minimizar o saldo da conta de estoques ao final do ano. O tipo de sistema contábil que deve ser utilizado para se atingir esse objetivo e o saldo contábil da conta estoque, respectivamente, são (A) PEPS ; R$700,00 (B) PEPS ; R$500,00 (C) UEPS ; R$700,00 (D) UEPS ; R$600,00 (E) UEPS ; R$500,00

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

78 de 126

Provão 2003 - Questão 34

Envolve APO - Materiais A Pisos Luz Ltda. é o maior revendedor de pisos cerâmicos de alta qualidade da Região Sul. Neste momento, seus diretores estão determinando o estoque de segurança que devem manter para seu produto mais vendido, o PI4. Por ser vital para a empresa a satisfação do cliente, o Departamento de Marketing deseja ter um nível de atendimento à demanda de cliente de 84%. A demanda média mensal deste produto (PI4) obedece a uma distribuição normal com média de 10.000 m2 e desvio-padrão de 1.000 m2. O gráfico a seguir representa a distribuição de probabilidade da demanda mensal do produto PI4.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

79 de 126

Provão 2003 - Questão 34 Considere os percentuais inclusos na figura como a probabilidade de ocorrência de uma demanda entre os limites da classe. Sabendo que o pedido à empresa produtora dos pisos leva uma semana para chegar e que, em média, há quatro semanas no mês de trabalho, o estoque de segurança (quantidade acima da demanda média), para atender as exigências feitas pelo Departamento de Marketing, e o ponto de pedido (quantidade em estoque que aciona o pedido pelo Departamento de Compras), respectivamente, são (A) 11.000 e 1.000 (B) 4.500 e 3.500 (C) 2.000 e 3.500 (D) 1.000 e 4.500 (E) 1.000 e 3.500

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

80 de 126

• m = 10.000m2 / mês = 2.500/semana • s = 1.000 m2 • z = 84% = 1,00 • L = 1 semana • QR = m + z sR => QR = 2.500 + 1.000 x 1,0 = 3.500 • Es = z x s x
Revisão 05

L = 1,00 x 1.000 x 1 = 1.000
© Gerisval Pessoa 81 de 126

Ou, • PP (Ponto de Pedido) = d (demanda por unidade de tempo) x t (tempo de ressuprimento + Qs (estoque de Segurança) • Qs = k (número de desvios padrões x s (desvio padrão) Pela curva normal, para o nível de serviço de 84%, k = 1,00 • d = 10.000m2 / mês = 2.500/semana • s = 1.000 m2 • k = 1,00 • t = 1 semana • Qs = 1.000 x 1,00 => QS = 1.000m2 • PP = 2.500 x 1 + 1.000 = 2.500 + 1.000 = 3.500m2

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

82 de 126

Provão 2003 - Questão 34 Considere os percentuais inclusos na figura como a probabilidade de ocorrência de uma demanda entre os limites da classe. Sabendo que o pedido à empresa produtora dos pisos leva uma semana para chegar e que, em média, há quatro semanas no mês de trabalho, o estoque de segurança (quantidade acima da demanda média), para atender as exigências feitas pelo Departamento de Marketing, e o ponto de pedido (quantidade em estoque que aciona o pedido pelo Departamento de Compras), respectivamente, são (A) 11.000 e 1.000 (B) 4.500 e 3.500 (C) 2.000 e 3.500 (D) 1.000 e 4.500 (E) 1.000 e 3.500

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

83 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -1

do segmento considerada com gestão exemplar, para poder-se comparar. Com esse objetivo, definiu-se que a Cia. Modelo seria o benchmark, dado que os preços médios praticados pelas duas empresas, bem como os faturamentos, são similares. Ao analisar os sistemas produtivos e de informação das empresas, o Diretor de Operações e Tecnologia identificou as seguintes diferenças significativas:

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

84 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -1 O Diretor Administrativo-Financeiro realizou um diagnóstico financeiro da Empresa cujo resultado encontra-se a seguir.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

85 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -1

a) A partir da análise vertical comparativa, liste todos os itens de custos e despesas passíveis de serem incluídos no plano de racionalização, destacando o mais relevante. b) Considerando-se que a Necessidade de Capital de Giro da Cia. Exemplo é de 35% do faturamento e a da Cia. Modelo é de 2% e que os prazos de compra e de venda e as condições de pagamento são similares, o que deve ser recomendado para que a Cia. Exemplo reduza sua Necessidade de Capital de Giro? Justifique. c) Indique 5 (cinco) pontos, relativos aos setores de produção e sistemas de informação, que deveriam estar contidos no Plano de Ação do Diretor de Operações e Tecnologia da Cia. Exemplo. d) É ético associar ações de racionalização operacional com ações de responsabilidade social como o Programa Fome Zero? Justifique sua resposta.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 86 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -1
Padrão de Resposta Esperado a) Examinando-se as colunas de análise vertical e comparando-se as contas de custo e despesa das duas empresas, verifica-se que há diferenças a maior para a Cia. Exemplo nos seguintes itens, que, portanto, devem ser incluídos no plano de racionalização:
• devoluções; • custo do produto vendido; • despesas administrativas; • despesas financeiras, sendo este o item mais relevante.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

87 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -1
Padrão de Resposta Esperado b) A recomendação deve ser no sentido de que a Cia. Exemplo reduza sua Necessidade de Capital de Giro envolvendo, necessariamente, a redução dos estoques. Justificativa: A Necessidade de Capital de Giro de uma empresa considera os ativos e passivos operacionais, sendo os mais relevantes os itens de estoque, recebíveis e fornecedores. Pela consideração da própria pergunta, existe diferença significativa entre as necessidades das duas empresas, implicando maior captação de recursos, o que pode explicar a maior despesa financeira da Cia. Exemplo. Como os prazos de compra e de venda são similares, os pontos de diferença não estão na gestão de recebíveis e de fornecedores, restando o item de estoques. No Quadro 1, está exposto que o controle de estoques é realizado de forma manual, enquanto na Cia. Modelo, o é de forma integrada aos demais processos através do ERP, o que explicaria, pelo menos em parte, a maior necessidade de estocagem.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

88 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -1
Padrão de Resposta Esperado
c) A resposta deverá contemplar os seguintes pontos:
• redução do custo relativo de produção; • redução das devoluções; • redução das despesas administrativas; • proposta de atualização tecnológica dos equipamentos e de integração dos processos produtivos; • inclusão de implantação de um Sistema Integrado de Gestão (ERP).

Pela análise do Quadro 2, identifica-se como relevante a um Plano de Ação de Operações e Tecnologia a diferença de custos de produção (74% na Cia. Exemplo contra 64% na Cia. Modelo), de devoluções (10% na Cia Exemplo contra 2% na Cia. Modelo) e despesas administrativas (7% na Cia. Exemplo contra 2% na Cia. Modelo). Assim, três itens importantes a incluir no Plano de Ação do Diretor de Operações e Tecnologia são:
• a redução do custo relativo de produção; • a redução das devoluções e, • a redução das despesas administrativas.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

89 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -1
Padrão de Resposta Esperado

Pela análise do Quadro 1, identifica-se que a maquinaria de produção é antiga, implicando maiores gastos com manutenção (pela maior freqüência de manutenção), e que os processos de produção não são integrados, gerando desperdícios. Assim, o Plano de Ação deverá conter:
• proposta de atualização tecnológica dos equipamentos e de integração dos processos produtivos.

Pelos demais itens do Quadro 1, observa-se a inexistência de um Sistema Integrado de Gestão (ERP) na Cia. Exemplo, implicando maiores gastos pelo controle manual, mais erros, maior demora nas informações para gestão, pior qualidade da informação, em síntese, maior desperdício, pelo que deveria constar na resposta a inclusão de implantação de tal sistema no Plano de Ação.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

90 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -1
Padrão de Resposta Esperado

•d) A resposta pode ser positiva ou negativa, devendo, portanto, ser avaliada a justificativa. •Como primeira possibilidade de resposta, poderá ser respondido SIM, tendo como justificativa que a utilização de um programa integrado de responsabilidade social com plano de racionalização não fere princípios éticos, porque os gastos com o plano de racionalização serão arcados pela empresa e parte dos benefícios auferidos será aplicada no Programa Fome Zero. •Como segunda possibilidade de resposta, poderá ser respondido NÃO, tendo como justificativa que não seria ético, por exemplo, usar o Programa Fome Zero como argumento para justificar possíveis demissões.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

91 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -2
ANTECIPANDO-SE AOS FATOS: o presente é importante, mas é o futuro que importa Era uma amizade de mais de quinze anos, que tinha começado ainda nos bancos da faculdade, durante o Curso de Administração. Maria Júlia e Daniela tinham habilidades e competências pessoais complementares. A primeira era organizada, objetiva e orientada para resultados. A segunda era criativa, inovadora e voltada para a singularidade. Ambas tinham forte espírito empreendedor. A empresa de confecção que tinham implantado, ainda como estudantes, com a ajuda financeira de seus familiares, era um sucesso. Elas tinham construído uma empresa com fama de ser diferente, marca forte, bons canais de distribuição e a reputação de fabricar produtos quase individualizados. Seus produtos tendiam a fazer bom uso das cores e havia um esforço mercadológico de antecipar a moda, acrescido, recentemente, de uma certa sensibilidade ecológica.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

92 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -2
Como é normal em quase todos os negócios de confecção, a sazonalidade nas vendas também existia e afetava as principais atividades da empresa, em especial, os recursos humanos e o próprio faturamento. As finanças, todavia, estavam bem controladas e podiam ser consideradas saudáveis. Entretanto, existiam evidências de que o modelo empresarial adotado tinha alcançado seu limite, já apresentando alguns sinais de estagnação. Tudo isso era agravado por um volume excessivo de cópias fraudulentas de seus produtos, por parte de concorrentes de menor tamanho. Estava ficando cada vez mais difícil o cliente perceber a diferença entre o produto original e as cópias oferecidas no mercado por um preço muito menor. Na última reunião de planejamento com as gerências, uma série de idéias foi discutida, visando a levar a empresa a um novo patamar de atuação. Até mesmo um consultor participou da reunião. Eram visíveis a energia das proprietárias e o comprometimento do quadro gerencial com as mudanças. A visão era proativa e de antecipação aos fatos. A questão era o que fazer antes de a crise ocorrer. As propostas listadas a seguir são resultado das discussões, mas havia a necessidade de detalhá-las e para isso contamos com você.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 93 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -2
a) 1ª proposta: Implementar uma nova gerência de comércio exterior. Neste caso, a empresa recrutaria um executivo cujo objetivo principal seria, no prazo de três anos, fazer com que cerca de 25% do faturamento da empresa fosse de produtos exportados. No tocante ao preenchimento da vaga, você faria o recrutamento interno ou externo? Justifique sua opção, apresentando 3 (três) razões para a escolha. b) 2ª proposta: Internacionalizar os negócios da empresa. A estratégia de internacionalização contempla diversos aspectos endógenos e exógenos à empresa. Há relatos de sucessos e insucessos de empresas brasileiras que se voltaram, total ou parcialmente, para o mercado externo. Considerando-se que não se deseja ter sócio, nem franquias e nem há capital disponível para novos investimentos, qual estratégia de internacionalização é indicada? Justifique sua opção, apresentando 3 (três) motivos para a escolha.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

94 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -2

c) 3ª proposta: Implementar uma estratégia competitiva, no nível empresarial, que seja um misto entre a diferenciação (dominante nesta empresa, na atualidade) e o custo total mínimo. Esta estratégia seria uma personalização em massa (também denominada produção em massa customizada ou, ainda, mass customization). Talvez, assim, a empresa pudesse enfrentar a elevada concorrência desleal, sem perder totalmente a sua identidade. Na suposição de que a estratégia mencionada venha a ser adotada, identifique seu efeito na empresa, apresentando 3 (três) possíveis influências nos processos de fabricação. d) 4ª proposta: Direcionar o esforço de propaganda para utilizar artistas com prestígio nacional, visando a manter os clientes atuais e conseguir novos. A abordagem vem sendo bem sucedida no Brasil com empresas fabricantes de sandálias e de cerveja, bem como em rede de lojas varejistas. Cite um motivo favorável e um desfavorável à adoção desse esforço de propaganda.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

95 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -2

e) 5ª proposta: Utilizar insumo ecologicamente correto. Em reportagens recentes da televisão e dos jornais, foi noticiado o desenvolvimento de um novo tipo de algodão naturalmente colorido. Se ele fosse utilizado no processo de fabricação do tecido empregado pela empresa, implicaria redução substancial de produtos químicos na operação de tingimento empregada pelos fornecedores. Os ganhos mercadológicos, quanto à utilização do argumento ecológico, seriam significativos. Apresente 2 (duas) influências na cadeia de suprimentos decorrentes da modificação proposta.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

96 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -2
Padrão de Resposta Esperado
a) A decisão pode ser recrutamento interno ou externo, independentemente. O mais importante são as razões, em coerência com o tipo de recrutamento escolhido. Razões para o recrutamento interno: •o indivíduo recrutado já estará familiarizado com a empresa e seus membros, e essa integração aumenta a probabilidade de sucesso; •a promoção interna estimula a lealdade e inspira maior esforço por parte dos membros da empresa; •em geral, é mais barato recrutar ou promover internamente do que contratar fora da empresa; •a promoção interna pode aumentar a motivação da equipe e melhorar o clima organizacional; •evita-se contratar uma empresa especializada em recrutamento e seleção que talvez não conheça suficientemente a empresa cliente; •não há garantia de que o profissional oriundo da nova organização vai-se adaptar num tempo esperado ao novo trabalho, o que pode gerar aumento de custos (treinamento, rescisão trabalhista, perda de produtividade, etc); •evita-se a contratação de um novo profissional que possa trazer consigo vícios de formação e, eventualmente, contaminar a empresa.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

97 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -2
Padrão de Resposta Esperado
a) A decisão pode ser recrutamento interno ou externo, independentemente. O mais importante são as razões, em coerência com o tipo de recrutamento escolhido. Razões para o recrutamento externo: na maioria das vezes, amplia a quantidade de talentos disponíveis – em especial, se a empresa tem salários competitivos e reputação ilibada; esse caso específico, em que a empresa não tem experiência em atividade de exportação, é possível recrutar um profissional que detenha tal experiência e possa, rapidamente, implantar a gerência, o que pode reduzir custos de treinamento e aprendizado; amplia as chances de que novos pontos de vista cheguem à empresa; reduz a complacência e a acomodação entre os empregados que presumem que a antiguidade assegura a promoção; aproveita-se o treinamento realizado em outra empresa.

• • •

• • •

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

98 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -2
Padrão de Resposta Esperado
b) A estratégia de internacionalização mais indicada é a estratégia de exportação por qualquer canal de
• • • • • • • distribuição existente no país de destino (representantes, atacadistas, varejistas, agentes, etc) porque: os compromissos financeiros são reduzidos; não há grandes compromissos mercadológicos com o desenvolvimento de canais de distribuição, nem com a divulgação da marca; as vendas ocorrerão por lotes, que são normalmente solicitados pelos representantes; o risco do negócio tende a ser mínimo; as vendas podem ser garantidas com financiamento (cartas de crédito) dos bancos; a estratégia pode ser abandonada sem grandes prejuízos financeiros, se a taxa de câmbio tornar-se desfavorável à exportação; a implementação pode ser razoavelmente rápida;

• pode-se facilmente mudar a estratégia de internacionalização, se a experiência for bem sucedida. Obs.: Não são apropriadas as seguintes estratégias, por se chocarem com as premissas da pergunta:exportação por Escritórios Próprios/Filiais;
– – – – – licenciamento; franquias; joint venture; investimento direto; alianças estratégicas.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

99 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -2
Padrão de Resposta Esperado
c) O efeito da estratégia na empresa diz respeito às mudanças a serem realizadas para que esta possa se adequar às novas necessidades de produção e pode ser identificado por três das seguintes influências: • processos de produção e distribuição norteados por uma orientação centrada no cliente; • modularização dos processos produtivos; • uso de computadores e robôs, na parte do processo que possa ser padronizada; • capacidade de desenvolvimento de projetos voltada, concomitantemente, para o produto e para o processo; • padronização de algumas etapas do processo de fabricação, com produtos projetados para facilitar a produção; • fabricação de um produto ou prestação de um serviço em resposta às necessidades particulares de um cliente, a um custo eficiente (competitivo); • colaboração dos clientes no projeto do produto ou serviço desejado; • capacidade de atrair funcionários criativos (utilizados na diferenciação) e, ao mesmo tempo, funcionários orientados para a eficiência (utilizados nas etapas padronizadas); • avaliações e incentivos baseados em critérios qualitativos (em especial, com os funcionários envolvidos na diferenciação) e critérios quantitativos (em especial, com os funcionários envolvidos na minimização de custos); • maior integração dos processos de produção.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 100 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -2
Padrão de Resposta Esperado
d) Possíveis motivos favoráveis: • pode aumentar a demanda no curto prazo; • incrementa um vínculo emocional/afetivo; • pode-se transferir a credibilidade, a simpatia e a empatia do artista para a empresa; • pode-se associar a empresa com alguém adorado/admirado; • independe da fonte (o artista) ser tecnicamente credível. Possíveis motivos desfavoráveis: • pode acarretar uma demanda tão grande que a empresa não tenha capacidade de atendimento; • pode não ser gravada na mente do consumidor como posicionamento estratégico da empresa; • o vínculo com o artista pode ser tão forte que a marca pode ser esquecida; • eventuais deslizes na vida pessoal do artista podem acarretar prejuízos para a imagem da marca; • pode ter um custo muito elevado.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

101 de 126

Provão 2003 - Questões Discursivas -2
Padrão de Resposta Esperado
e) Podem ser citadas quaisquer duas das influências indicadas a seguir. – Se forem mantidos os mesmos fornecedores, deverão ser feitas as seguintes exigências: • padrão de qualidade; • quantidade necessária (demanda) por período; • prazo de suprimento; • preço da matéria-prima; • condição de armazenagem; • condição de transporte. – Outras possíveis influências: • eventual contratatação de novos fornecedores (de algodão colorido, tecelagens, distribuidores, etc); • eliminação de fornecedores que não possam prover os produtos requeridos pela empresa; • intensificação do relacionamento com fornecedores para desenvolvimento conjunto de tecnologias para produção ou transformação do algodão colorido.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 102 de 126

ENADE 2006 - Questão 23
Envolve PE – Escolas Estratégicas - Grau de Dificuldade 2 O novo presidente da Empresa Mercados Múltiplos está redirecionando a sua estratégia por meio de um processo clássico centralizado de gestão estratégica de natureza prescritiva, cujos modelos conceituais e etapas são bem conhecidos. Assim, o presidente está correto ao afirmar que o processo deve contemplar: (A) o atendimento das expectativas dos diferentes grupos na estrutura de poder da empresa. (B) a implementação de estratégias emergentes. (C) a avaliação de concorrentes potenciais e produtos substitutos. (D) a utilização de processo participativo de tomada de decisão estratégica. (E) a manutenção do organograma e do sistema de informação existentes.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

103 de 126

ENADE 2006 - Questão 23
Envolve PE – Escolas Estratégicas – Grau de Dificuldade 2 O novo presidente da Empresa Mercados Múltiplos está redirecionando a sua estratégia por meio de um processo clássico centralizado de gestão estratégica de natureza prescritiva, cujos modelos conceituais e etapas são bem conhecidos. Assim, o presidente está correto ao afirmar que o processo deve contemplar: (A) o atendimento das expectativas dos diferentes grupos na estrutura de poder da empresa. (B) a implementação de estratégias emergentes. (C) a avaliação de concorrentes potenciais e produtos substitutos. (D) a utilização de processo participativo de tomada de decisão estratégica. (E) a manutenção do organograma e do sistema de informação existentes.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

104 de 126

ENADE 2006 - Questão 30
Envolve APO – Materiais - Grau de Dificuldade 1. A Cia. Alonso de Auto Peças Ltda. distribui peças para oficinas de reparo de automóveis localizadas em grande área metropolitana. Embora se trate de um mercado competitivo, a Cia. Alonso gostaria de oferecer níveis de estoque adequados às oficinas atendidas, ao mesmo tempo em que deseja maximizar seus lucros. Ela é sabedora de que, à medida que aumenta a percentagem média de atendimentos aos clientes (nível de serviço), maior é seu custo de estoques. A fim de determinar a influência dos níveis de estoque no percentual de atendimento aos clientes, a Alonso fez um levantamento dos principais itens de seu estoque nos últimos seis meses. A seguinte tabela foi preparada: A partir dos dados apresentados nessa tabela, pode-se concluir que o maior lucro ocorrerá quando o nível de serviço for equivalente a (A) 80%.
Revisão 05

(B) 85%.

(C) 90%.
© Gerisval Pessoa

(D) 95%.

(E) 98%.
105 de 126

ENADE 2006 - Questão 23
Envolve APO – Materiais - Grau de Dificuldade 1.

L=R–C L80% = 900,00 – 550,00 = 350,00

L85% = 1.200,00 – 600,00 = 600,00 L90% = 1.400,00 – 700,00 = 700,00 L95% = 1.450,00 – 800,00 = 650,00 L98% =1.600,00 – 1.000,00 = 600,00

(A) 80%.
Revisão 05

(B) 85%.

(C) 90%.
© Gerisval Pessoa

(D) 95%.

(E) 98%.
106 de 126

ENADE 2006 - Questão 33
Envolve APO – Capacidade Produtiva (TOC) - Grau de Dificuldade 2. Observe a figura que se segue, onde a capacidade de produção de cada operação está representada em unidades por hora (un/h). MP A representa a matéria-prima A, que recebe seguidamente as operações A1, A2 e A3. MP B representa a matéria-prima B, que recebe seguidamente as operações B1 e B2. C1 representa a operação de montagem dos componentes produzidos a partir de 3 unidades da matéria-prima A e 2 da matéria-prima B. C2 representa a operação que dá o acabamento final ao produto.

Sabendo que a demanda do mercado é de 12 un/h, de quanto é a produção máxima de produtos acabados? (A) 12 un/h (B)10 un/h (C) 9 un/h (D) 5 un/h (E) 3 un/h
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 107 de 126

ENADE 2006 - Questão 33
Envolve APO – Capacidade Produtiva (TOC) - Grau de Dificuldade 2.

Máx A = 9un/h Produção Máxima = 3 un/h 1 C1 = 3A + 2B Máx B = 25un/h

1 C1 = 3A para 9A = 3C1

Sabendo que a demanda do mercado é de 12 un/h, de quanto é a produção máxima de produtos acabados? (A) 12 un/h (B)10 un/h (C) 9 un/h (D) 5 un/h (E) 3 un/h

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

108 de 126

ENADE 2006 - Questão 32
Envolve APO – Arranjo / PE - Questão de interpretação/conceitual - Grau de Dificuldade 2. A figura abaixo representa os custos de diferentes formas de processo de produção (celular, automatizada e intermitente) e a receita de vendas de um determinado produto.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

109 de 126

ENADE 2006 - Questão 32
Envolve APO – Arranjo / PE - Questão de interpretação/conceitual - Grau de Dificuldade 2.
Considerando a figura, analise as afirmações a seguir Se for esperado um volume de produção abaixo de 10.000, a manufatura intermitente é a preferível; entre 10.000 e 43.000, a manufatura celular é a preferível; acima de 43.000, a manufatura automatizada é a preferível. PORQUE Os pontos de equilíbrio (quantidade/valor para os quais as receitas igualam os custos) são de 27.000, 30.000 e 40.000, respectivamente, para as manufaturas celular, automatizada e intermitente. A respeito das informações acima, conclui-se que (A) as duas afirmações são verdadeiras, e a segunda justifica a primeira. (B) as duas afirmações são verdadeiras, e a segunda não justifica a primeira. (C) a primeira afirmação é verdadeira, e a segunda é falsa. (D) a primeira afirmação é falsa, e a segunda é verdadeira. (E) as duas afirmações são falsas.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 110 de 126

ENADE 2006 - Questão 32
Envolve APO – Arranjo / PE - Questão de interpretação/conceitual - Grau de Dificuldade 2.

(A) as duas afirmações são verdadeiras, e a segunda justifica a primeira. (B) as duas afirmações são verdadeiras, e a segunda não justifica a primeira. (C) a primeira afirmação é verdadeira, e a segunda é falsa. (D) a primeira afirmação é falsa, e a segunda é verdadeira. (E) as duas afirmações são falsas.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 111 de 126

ENADE 2006 - Questão 33
Envolve APO – Logística - Grau de Dificuldade 2. Analise a figura a seguir:

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

112 de 126

ENADE 2006 - Questão 33
Envolve APO – Logística - Grau de Dificuldade 2.
A Cia. de Produtos Vegetais – CPV possui duas fábricas que abastecem três depósitos. As fábricas têm um nível máximo de produção baseado nas suas dimensões e nas safras previstas. Os custos em R$/t estão anotados em cada rota (ligação entre as fábricas e depósitos). José de Almeida, estudante de Administração, foi contratado pelo Departamento de Logística com a finalidade de atender a demanda dos depósitos sem exceder a capacidade das fábricas, minimizando o custo total do transporte. Em sua decisão ele considerou as seguintes situações: I - 1.000 unidades devem ser transportadas da Fábrica 2 para o Depósito 1. A demanda restante deve ser suprida a partir da Fábrica 1; II - 2.500 unidades devem ser transportadas da Fábrica 1 para os Depósitos 1 e 2. A demanda restante deve ser suprida a partir da Fábrica 2; III - 1.000 unidades devem ser transportadas da Fábrica 2 para o Depósito 2. A demanda restante deve ser suprida a partir da Fábrica 1. Apresenta(m) o(s) menor(es) custo(s) apenas a(s) situação(ões) (A) I.
Revisão 05

(B) II.

(C) III.
© Gerisval Pessoa

(D) I e III.

(E) II e III.
113 de 126

ENADE 2006 - Questão 33

Apresenta(m) o(s) menor(es) custo(s) apenas a(s) situação(ões) (A) I.
Revisão 05

(B) II.

(C) III.
© Gerisval Pessoa

(D) I e III.

(E) II e III.
114 de 126

ENADE 2006 - Questão 34
Envolve APO – Materiais / MRP - Grau de Dificuldade 2.
A Cia. Goiás Velho S.A., fabricante de conectores, recebeu uma encomenda de 1.200 conjuntos extensão-tomada, cuja árvore de estrutura é a seguinte:

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

115 de 126

ENADE 2006 - Questão 34
Envolve APO – Materiais / MRP - Grau de Dificuldade 2. A Cia. Goiás Velho S.A., fabricante de conectores, recebeu uma encomenda de 1.200 conjuntos extensão-tomada, cuja árvore de estrutura é a seguinte: Os números entre parênteses referem-se às quantidades utilizadas na produção de cada conjunto. A Goiás Velho possui em estoque: extensão-tomada = 200; tomada = 100; extensão = 500; fio = 2.000. A nova política de estoques da empresa é a de não manter saldos em estoque, quer em conjuntos, quer em componentes. A partir das informações apresentadas, pode-se concluir que a quantidade do componente fio (especificação 2 x 16 AWG) que precisa ser adquirido para atender a encomenda de 1.200 conjuntos extensão-tomada (utilizando todo o estoque existente) é (A) 25.600 (B) 21.000 (C) 12.700 (D) 11.000 (E) 10.700
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 116 de 126

ENADE 2006 - Questão 34
Envolve APO – Materiais / MRP - Grau de Dificuldade 2.

N = 1000

• Estoque inicial = 200 E/T Estoque final = 0 Produção = D – Ei = 1200 – 200 = 1000 • Estoque inicial = 100 tomadas Estoque final = 0 Produção = D – Ei = 1000 – 100 = 900 • Estoque inicial = 500 Extensões Estoque final = 0 Produção = D – Ei = 1000 – 500 = 500

1T = 1N = 3F 900T = 3 x 900 = 2.700

1E = 20F 500 E = 500 x 20 = 10.000

Estoque inicial fio = 2000 Estoque final = 0 Produção = D – Ei = (2.700 + 10.000) – 2.000 = 10.700

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

117 de 126

ENADE 2006 - Questão 34
Envolve APO – Materiais / MRP - Grau de Dificuldade 2. A Cia. Goiás Velho S.A., fabricante de conectores, recebeu uma encomenda de 1.200 conjuntos extensão-tomada, cuja árvore de estrutura é a seguinte: Os números entre parênteses referem-se às quantidades utilizadas na produção de cada conjunto. A Goiás Velho possui em estoque: extensão-tomada = 200; tomada = 100; extensão = 500; fio = 2.000. A nova política de estoques da empresa é a de não manter saldos em estoque, quer em conjuntos, quer em componentes. A partir das informações apresentadas, pode-se concluir que a quantidade do componente fio (especificação 2 x 16 AWG) que precisa ser adquirido para atender a encomenda de 1.200 conjuntos extensão-tomada (utilizando todo o estoque existente) é (A) 25.600 (B) 21.000 (C) 12.700 (D) 11.000 (E) 10.700
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 118 de 126

ENADE 2006 – Questões Discursivas
Utilize o texto abaixo para responder às Questões Discursivas de 35 a 38. A Companhia Industrial de Tratores está estudando transferir sua atividade de produção de São Paulo para uma unidade maior, buscando aumento de sua produtividade frente à concorrência, para viabilizar sua atividade operacional no Brasil. Atualmente possui duas plantas localizadas no Brasil e seu projeto é integrar a unidade de produção de São Paulo com a unidade de Goiás, ampliando a escala desta última, e vendendo a de São Paulo para empreendimento imobiliário. Estima-se que a paralisação da unidade de São Paulo vá custar R$ 100 milhões referentes ao programa de desligamento de funcionários, de seus prestadores de serviços e de seus fornecedores de peças. O prédio local e as instalações serão vendidos por esse valor, os quais estão contabilizados a R$ 50 milhões. Este programa de desligamento envolverá investimentos também em programas de recolocação profissional com reintegração ao mercado de trabalho, apoio psicológico, apoio médico e replanejamento de atividades de prestadores de serviço. Imagine que essas ações aconteçam em 30 dias. Recentemente, a empresa implantou um sistema integrado de gestão (ERP), disponibilizando informações para o setor financeiro, referentes a faturamento, custos, resultados, orçamento, originando vários relatórios gerenciais. Pela análise desses relatórios, a atual produção de tratores será ampliada em 500 unidades por ano, sem necessidade de investimento adicional em razão de ociosidade na instalação de Goiás. O preço unitário dos tratores será de R$ 200 mil, e seu custo total unitário, de R$ 120 mil. A alíquota de Imposto sobre a Renda da Companhia é de 30%. O custo de capital da Companhia é de 10% a.a.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 119 de 126

ENADE 2006 – Questão Discursiva 35

A mudança das instalações da empresa ampliará o ciclo de operações logísticas da Companhia por causa do transporte de tratores de Goiás para São Paulo? Por quê? Padrão de Resposta: Não necessariamente haverá ampliação do ciclo de operações da Companhia, pois os fornecedores tenderão a se mudar para próximo de Goiás. Além disso, a cidade de São Paulo é conhecida pelo caos em seu sistema de trânsito, o que provoca longo tempo no transporte dos produtos. E, em especial neste caso, o maior consumo de tratores não está na cidade de São Paulo, devendo este fator de localização dos clientes ser considerado na análise das operações logísticas

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

120 de 126

ENADE 2006 – Questão Discursiva 36
Cite dois benefícios dos sistemas integrados de gestão (ERP), no suporte à tomada de decisões deste caso, explicando cada um deles. Padrão de resposta:
A principal contribuição do ERP está na possibilidade de integração das diversas áreas/processos da empresa, o que possibilita o conhecimento da capacidade de produção e distribuição da Companhia, bem como de seus resultados. •A geração de relatórios gerenciais permite flexibilidade na análise de vários indicadores do caso. • Por incluir ferramentas de simulação e previsão, o ERP permite ao decisor avaliar previamente as decisões tomadas, antecipando suas conseqüências. •Possibilidade de acesso via Web (Internet) proporciona o acesso à informação em tempo real, on line, e independe de localização geográfica. • melhorar o controle das informações gerenciais; •possibilitar maior agilidade na tomada de decisão; •melhorar a confiabilidade como decorrência de maior consistência nos dados em virtude da descentralização.
Revisão 05 © Gerisval Pessoa 121 de 126

ENADE 2006 – Questão Discursiva 37
Financeiramente, é recomendável a mudança das instalações de São Paulo para Goiás? Por quê?
Padrão de resposta:

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

122 de 126

ENADE 2006 – Questão Discursiva 37

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

123 de 126

ENADE 2006 – Questão Discursiva 37

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

124 de 126

ENADE 2006 – Questão Discursiva 38

Com base no texto, indique os três grupos com os quais a empresa tem responsabilidade social, neste caso, bem como as respectivas ações que serão realizadas no âmbito da responsabilidade social Padrão de Resposta:
Existe clara responsabilidade social da empresa para com a continuidade das atividades profissionais de seus funcionários a serem demitidos, de seus prestadores de serviços que terão cancelados seus contratos, e de seus fornecedores que terão interrompidos seus contratos de fornecimento de peças. A solução, informada pela empresa, quanto a seu programa de desligamento, envolverá as ações necessárias ao cumprimento dessa responsabilidade social: aos funcionários, programas de recolocação profissional, com reintegração ao mercado de trabalho, apoio psicológico e médico; e replanejamento de atividades de prestadores de serviço, com análise de novos clientes e mercados.

.

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

125 de 126

Contatos gerisval@fama.br gerisval@terra.com.br http://www.scribd.com/gerisval + 55 98 2108 6000 + 55 98 9114 4699 + 55 98 8844 0071

Revisão 05

© Gerisval Pessoa

126 de 126

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->