P. 1
Os Sectores de Actividade

Os Sectores de Actividade

|Views: 580|Likes:
Publicado poroprofdehistoria5753

More info:

Published by: oprofdehistoria5753 on Nov 06, 2009
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/12/2013

pdf

text

original

Os sectores de actividade

Sector de actividade – Conjunto de actividades que produzem bens ou prestam serviços, a que a população se dedica.

Existem três sectores de actividade: Sector primário Sector secundário Sector terciário

O sector primário
Actividades primário: incluídas no sector

- Agricultura; - Pecuária; - Silvicultura; - Extracção mineira; - Apicultura; - Pesca;

Sector primário – Engloba as actividades que extraem recursos directamente da natureza sem qualquer transformação.

O sector secundário
Actividades secundário: incluídas no sector

- Indústria; - Construção civil; - Obras públicas; - Fornecimento de gás, água e electricidade

Sector secundário – Inclui as actividades que transformam matéria-prima em produtos acabados ou semi-acabados.

O sector terciário
Actividades terciário: - Saúde; - Educação; - Banca; - Seguros; - Transportes; - Turismo: incluídas no sector

Sector terciário – Engloba o comércio e os serviços e inclui actividades que não produzem bens mas prestam serviços.

A população activa
População activa: Conjunto de indivíduos que exerce uma profissão remunerada ou que se encontra desempregada, com idade igual ou superior a 15 anos.

Taxa de actividade
A taxa de actividade corresponde à proporção entre a população activa e a população total. Exprime-se em percentagem.

População.activa TA = x100 Populaçãototal

A taxa de actividade varia em função:
Estrutura etária: Porque quanto mais envelhecida for uma população menor vai ser a taxa de actividade. A taxa de actividade é menor nos países desenvolvidos. Nº de anos da escolaridade obrigatória: Quanto mais anos durar a escolaridade obrigatória mais tarde se vai fazer a entrada dos jovens na vida activa, fazendo por isso a taxa de actividade diminuir.

Evolução da estrutura da população activa
1. A nível mundial:
1 – No início do século XIX o sector primário era o que tinha um maior peso, devido ao desenvolvimento tecnológico ainda ser muito baixo. 2 – A partir de meados de séc. XIX o sector secundário começou a ganhar peso, devido à expansão da revolução industrial e do aperfeiçoamento técnico na agricultura.

A diminuição da população activa no sector primário

1. A nível mundial:
3 – A partir de inícios do século XX verifica-se um aumento da população activa no sector terciário. Actualmente o sector terciário é o mais importante devido:

- Ao aparecimento de novas actividades relacionadas com as actividades sociais.

- Ao desenvolvimento tecnológico e científico que permitiu ao Homem obter uma grande produção de bens agrícolas e industriais utilizando cada vez menos mão-de-obra.

- Ao aumento do peso das actividades relacionadas com os transportes, o comércio, serviços e a investigação.

O sector primário tem um maior peso nos países em desenvolvimento. O sector secundário tem uma maior importância na Ásia Oriental e nos países desenvolvidos O sector terciário é o que tem maior peso em quase todos os países, especialmente nos desenvolvidos.

2. Em Portugal:

100% Percentagem 80% 60% 40% 20% 0% 1940 1950 1960 1970 Anos Sector Primário Sector Secundário Sector Terciário 1981 53% 50% 44% 32,5% 27% 20% 26% 24% 26% 29% 34% 33,5% 41,5% 48,5% 56%

39% 19,5%

34,5% 17% 1991

40% 4% 2000

No nosso país de 1940 até à actualidade verificou-se um aumento da população activa nos sectores secundário e terciário, especialmente neste último, e uma grande diminuição da população activa no sector primário.

A diminuição da população a trabalhar no sector primário e o consequente aumento nos sectores secundário e terciário deveu-se: Aos progressos tecnológicos, especialmente a nível da mecanização dos campos; Ao êxodo rural motivado pela procura de trabalho, primeiro na indústria e depois no comércio e serviços; Envelhecimento da população agrícola; A fraca capacidade atractiva deste sector (muito trabalho e pouco rendimento)

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->