P. 1
Controle de Emoções

Controle de Emoções

|Views: 104|Likes:
Publicado porradiounife1423
Deus tem descido nessa hora para dirigir nossas mentes, dirigir nossos caminhos, nos ensinar, guiar nossos passos. Deus tem descido nesse tempo final, quando as pessoas estão com suas mentes insanas. E Deus veio exatamente para restaurar a mente de Seus próprios filhos.
Deus tem descido nessa hora para dirigir nossas mentes, dirigir nossos caminhos, nos ensinar, guiar nossos passos. Deus tem descido nesse tempo final, quando as pessoas estão com suas mentes insanas. E Deus veio exatamente para restaurar a mente de Seus próprios filhos.

More info:

Published by: radiounife1423 on Nov 18, 2009
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

09/11/2010

pdf

text

original

Cristo È Revelado Em Sua Própria Palavra #1

“Controle De Emoções”

17 de setembro de 2006 Francisco Morato - SP. D.Rosendo 01- Primeira epístola do apóstolo São João capítulo quatro, nós vamos ler a partir do parágrafo... Ou do versículo dezesseis. I João 4:16. Onde está escrito assim na santa Palavra de Deus: E nós conhecemos e cremos no amor que Deus nos tem dado. Deus é amor, e quem está em amor está em Deus, e Deus nele. Eu vou repetir este versículo: E nós conhecemos e cremos no amor que Deus nos tem. Deus é amor... (você pode estar lendo aí Deus é caridade, mas a tradução mesmo é amor)... Deus é amor, e quem está em amor está em Deus, e Deus nele. 02- Oremos. Nosso Pai Celestial, nós temos vindo humildemente diante da Tua Presença pedindo misericórdia pelas nossas vidas. Sabendo nós das nossas limitações e incapacidades, mas reconhecendo que Tu (como o mesmo ontem, hoje e eternamente) pode todas as coisas. E nos prometestes que onde estivesse dois ou três reunidos em Teu nome, ali o Senhor se faria presente. Então nós cremos que Tu estás aqui, porque a Tua Palavra testifica disto. E nós não precisamos de nenhuma emoção, de nenhuma sensação para confirmar estas coisas, pois o próprio Senhor tem revelado isso em nossos corações, de que o Senhor vela pela Tua Palavra para a cumprir. E se está escrito em Tua Palavra que o Senhor estaria com aqueles que Te buscam diligentemente, então estamos Te buscando; então crermos que estás aqui conosco nos ajudando em nossa caminhada. 03- Então pedimos, Pai, que Tu nos ajude mais uma vez. Cure o enfermo que está em nosso meio, qualquer problema, Pai, tanto no físico quanto na alma das pessoas. Que possamos nos libertar de tudo aquilo que não é próprio, de tudo aquilo que não presta, de tudo aquilo que tenta nos prejudicar, tanto na nossa saúde natural, quanto na nossa saúde espiritual. E que o grande Espírito Santo tome conta das nossas vidas e tire para longe de nós todo pecado, toda injustiça. E
1

que o amor de Deus, que excede todo entendimento, possa tomar conta dos nossos corações. É no nome de Jesus Cristo que nós Te oramos e Te pedimos. Amém. Podem se assentar. 04- Eu pararei por alguns cultos (ou talvez apenas por este) com a meditação que estamos tendo com o sermão, pregado pelo mensageiro de Deus, com o titulo “Quem é este Melquisedeque?”. Nós vamos parar um pouquinho com este estudo porque eu gostaria de passar algo para vocês do que está na mensagem “Cristo é revelado em Sua própria Palavra”. E... Claro, neste culto ficaremos com a primeira parte... As primeiras frases, onde nós vamos aprender a respeito do amor de Deus que tem sido derramado em nossos corações. Nós professamos que amamos a Deus, professamos que temos amor, professamos que amamos ao próximo; então vamos aprender um pouco sobre isso, pois as Escrituras dizem que o amor de Deus foi derramado em nossos corações. Então eu quero que você preste bastante atenção nesse instante. Porque se foi nos ensinado que Cristo é revelado em Sua própria Palavra, eu creio que será muito bom nós tomarmos um pouco deste sermão... Um pouquinho deste alimento, não é? Já depois que temos doze, treze, ou quase catorze cultos (se não me engano) falando sobre o assunto de Melquisedeque. Temos aprendido muita coisa para a vida prática. 05- Mas nós estamos tratando um pouco agora da forma como Deus mesmo tem vindo para nos ajudar a nos levar adiante, mudando nossa natureza, mudando nossos pensamentos (nossa mente, inclusive), uma vez que o mundo está em loucura. O mundo está em loucura no sentido... Você pensa em uma manada de elefante, de boi, seja o que for. Aqueles animais que costumam pastar, viajar em bando. E quando um daqueles se assusta e corre de um lado para outro, os outros também começam a correr, pois eles pensam que tem algum perigo, qualquer coisas. Se um daquele bando se assusta, todos eles se assuntam também, e daqui a pouco eles começam a correr em disparada, sem saber para onde estão indo. Pode ser que na frente tenha um rio intransponível, pode ser que tenha um buraco e todos vão cair dentro. Mas o certo é que, eles correm em disparada e de longe se escuta o barulho, como se fosse de um terremoto, de um trovão, porque uma manada de animais está em disparada. Estão enlouquecidos, e o medo de um passa para o outro, o temor de um passa para o outro, e assim todos correm. 06- É assim que está a situação das pessoas. Você diz “mas eu não vejo ninguém correndo”, eu estou falando isso mostrando como exemplo. Mas é de uma forma que, se uma pessoa diz uma piada, então todos querem contar a mesma piada. É de uma forma que, se um se dá bem em uma musica, então no outro dia você vai encontrar centenas de imitadores tentando imitar, e vem imitadores de imitadores, e assim vai. Se sair uma moda, então todos correm atrás e querem comprar a roupa do mesmo jeito; porque eles têm perdido suas mentes. Não é somente “Maria vai com as outras”, não, é Quitéria vai com as outras, José vai com os outros. Está desse jeito! Se um pende para o lado, todos correm também do mesmo jeito. 13- Então, existe um contraste agora nisso, pois enquanto uns estão dessa forma procurando exemplo a se seguir, Deus tem descido nessa hora para dirigir nossas mentes, dirigir nossos caminhos, nos ensinar, guiar nossos passos. Deus tem descido nesse tempo final, quando as pessoas estão com suas mentes insanas. E Deus veio exatamente para restaurar a mente de Seus próprios filhos. Somente dos Seus filhos Deus veio restaurar! 14- Se você prestar bem atenção nisso você vai entender o porquê estamos pregando sobre a Parusia. Você vai entender porque a descida prometida nas Escrituras, ou a Parusia de Cristo tem acontecido quando o próprio Deus, Cristo, o Espírito Santo, tem vindo. Como disse o mensageiro: Ele está aqui; agora é o Seu Aparecer, e Ele tem vindo para dirigir nossos passos, para mudar nossa natureza, para dirigir nossos pensamentos. 15- Pois o mundo está perdido, então o grande Pastor do rebanho - como disse Davi: o Senhor é meu Pastor, nada me faltará; guia-me à pastos verdejantes, às águas tranqüilas. Enquanto isso, os outros estão correndo como uma manada em debanda. Mas os filhos de Deus, Deus está juntando cada um deles em torno da Sua Palavra. Estão entendendo? Amém. 16- Então, nos foi prometido em Malaquias capítulo quatro, versículo cinco, que no tempo final Deus enviaria à terra o profeta Elias, ou um homem com o ministério de Elias, para restaurar o entendimento dos filhos de Deus hoje, para eles terem o mesmo entendimento, a mesma
2

compreensão de seus pais (que eram os apóstolos). Literalmente se lê assim: eis que eu enviarei ao profeta Elias antes do grande e terrível dia do Senhor; e ele converterá o coração dos pais aos filhos... 17- Bem, você sabe que isto que eu acabei de ler (e ele converterá o coração dos pais aos filhos) foi o ministério de João Batista. João Batista foi quem restaurou o entendimento dos pais aos filhos. Veja. Isso está no livro de Lucas capítulo um, versículo dezessete: Porque irá diante dele... (isso era o anjo falando à Zacarias, o esposo de Isabel; pai e mãe de João Batista)... O anjo disse: irá diante dele o espírito e virtude de Elias, para converter o coração dos pais aos filhos, e os rebeldes à prudência do justo para apresentar ao Senhor um povo bem disposto. 18- Você percebe que a escritura nos diz (veja) que o Anjo do Senhor que foi enviado no versículo onze de Lucas capítulo um, ele disse a Zacarias que João ia vir, estaria sob a unção de Elias, do espírito e virtude (que quer dizer poder de Elias) para converter o coração dos pais aos filhos. 19- Porém você nunca verá ali que João converteu o coração dos filhos aos pais. Não era para João converter o coração dos filhos aos pais. O ministério de João Batista era converter o coração dos pais aos filhos. 20- Então quando você regressa à Malaquias capítulo quatro, versículo cinco, você nota... Também nos diz ali: e ele converterá o coração dos pais aos filhos... (eu já vos disse, acabei de vos anunciar que foi o ministério de João)... E continua, a profecia dizia assim: e o coração dos filhos aos pais; João não fez isso, o coração dos filhos aos pais, João converteu o coração dos pais aos filhos, que era trazendo aqueles que criam nos patriarcas (Abraão, Isaque, Jacó e todos os profetas do Antigo Testamento), aqueles que tinham aquela compreensão, eles teriam agora que crer no Filho de Deus, no evangelho que os patriarcas pré-anunciaram... Ou pronunciaram em seus dias (vêem?), pois havia uma mudança entre a lei e a graça. 21- Então, essa foi à dificuldade dos homens daquele tempo, foi entender que estavam numa mudança de dispensação, e que eles teriam que mudar o entendimento deles. 22- Quem só cria no Antigo Testamento, na lei, nos profetas e nos Salmos, agora tinha que entender que o Filho de Deus estava em atuação, trazendo às boas - novas da salvação. Enquanto a lei era como um policial, que quando você fazia algo de errado a lei te condenava, te colocava na cadeia; a graça trazida por Jesus Cristo veio como um favor imerecido, pois você tinha quebrantado a lei de Deus, então você estava aprisionado (vamos dizer assim). A graça trazida por Jesus Cristo vai lá e te tira da prisão, e diz “eu te deixo livre, vais e não peques mais”; entendem? Então tinha que haver esse consenso, esta mudança. 23- Mas, o restante da profecia dizia que o espírito e poder de Elias converteria os corações dos filhos aos pais. Primeiro foi dos pais aos filhos, mas depois foi dos filhos aos pais. E Deus disse porquê: para que eu não venha e destrua a Terra com maldição. 24- Essa parte de converter o coração dos filhos aos pais que João Batista não fez, era um trabalho que quem faria seria o homem que teria o ministério de Elias nos últimos dias. 25- Agora, a pergunta é: qual é esse coração que seria convertido? Qual é esse coração que seria convertido? E quem seriam estes filhos que teriam seus corações convertidos para a fé dos pais? E quem são esses filhos? Quem são esse filhos? Nossa primeira resposta a essas perguntas já tem sido mostrada para nós em outros estudos, em pregações anteriores e vocês já conhecem. 26- O profeta do Senhor na mensagem “Tirando o véu”... Observem o que eu vou ler aqui. O irmão Branham nos ensinou que há uma fé intelectual e há uma fé que vem do coração. Você vai analisar agora... Você pode imaginar que eu tenho falado muita coisa aqui, parece que não tem nada a ver com o tema que eu vos disse antes, mas nós estamos prosseguindo, estou levando a mente de vocês em prosseguimento agora. 27- Observem: há uma fé intelectual e há uma fé que vem do coração. E lemos em Ezequiel que Deus nos dá um novo coração. Deus nos dá um novo coração e Deus nos dá um novo entendimento. E quando Deus nos dá um novo coração e nos dá um novo entendimento,
3

Ele nos dá então um novo espírito. Este novo espírito é um desejo novo. E, finalmente quando estamos prontos, Ele nos dá Seu Espírito... 28- Veja, Deus nos dá um novo entendimento, nos dá um novo coração e nos dá um novo espírito. Quando esse processo é feito na vida de cada um de seus filhos, então Deus nos dá a Si Mesmo, ou Ele nos dá de Si Mesmo, ou Ele nos dá de Seu próprio Espírito. Ele mesmo vem para morar em você. 29- Somente vamos ler isso como está no livro do profeta Ezequiel. Ezequiel capítulo trinta e seis, eu vou começar com o versículo vinte e seis onde o profeta Ezequiel começou a dizer assim na sua profecia... 30- Ezequiel trinta e seis, versículo vinte e seis: E dar-vos-ei um coração novo, e porei dentre vós um espírito nov. E tirarei da vossa carne o coração de pedra e vos darei um coração de carne... Veja o processo. 31- Vou repetir outra vez: E dar-vos-ei um coração novo, e porei dentro de vos um espírito novo. E tirarei da vossa carne o coração de pedra, e vos darei um coração de carne (e o que mais Senhor?), e porei dentro de vos o Meu Espírito (isto é por último), e farei que andeis nos Meus estatutos... 32- Não tem como andar nos estatutos de Deus, ou sobre as ordenanças divinas, se acontecer estas mudanças aqui com o coração antigo, com o entendimento antigo, com o desejo antigo; jamais o homem ou a mulher procurará seguir a verdade. Sempre procurará desculpas (entendeu?). Sempre terá desculpas, sempre terá coisas para fazer, sempre terá lugares onde ir, sempre terá prazeres da carne para desfrutar... Sempre terá qualquer coisa para fazer, menos seguir a Palavra. 33- Pois não há espaço, não há ambiente (viu?)... O vaso não tem onde colocar uma coisa tão sagrada. Jesus disse que não adianta você colocar vinho novo em odre velho. Odre velho só agüenta vinho velho! 34- Este coração antigo, este desejo antigo, essa velha natureza só agüenta mesmo as coisas velhas do velho homem. Mas aquilo que é novo, que vem de Deus, que traz uma nova compreensão, isso só pode ser colocado no vaso que foi transformado, e não um vaso remendado. É diferente isso. Pois o vinho novo, quando é colocado no odre velho, o odre velho arrebenta. O vinho novo tem um tempo de fermentação ainda, ele é forte para aquilo. Então o odre velho se estoura, se estraga. É por isso que muitas pessoas vêm com tudo, vêm com muita sede, inclusive quando vêm para a mensagem, e dizem “eu nunca ouvi isto em nenhum outro lugar; eu nunca aprendi determinadas coisas”. 35- Mas, no entanto, quando começa-se a colocar um pouquinho, um pouquinho, então aquilo arrebenta, não agüenta, diz “é demais para minha cabeça; é demais para mim”. O que acontece? Precisa-se de um processo. E quando... Mesmo pessoas que vieram para a mensagem, se acharam tão bem, se sentiram tão bem no início, nos rudimentos, quando estava ainda em fase de evangelização, e tudo que se poderia dizer era que Deus enviou a mensagem, era que Deus enviou um profeta. E as pessoas abraçaram isto com fervor, e se sentiram muito bem com aquele início, sem dar o procedimento nas coisas. E Paulo chegou a dizer que você não pode ficar nos rudimentos. Você não pode ficar menino toda vida, você tem que amadurecer na fé. 36- Então agora, quando se chegou o tempo de Deus nos dar o alimento sólido, mostrar toda revelação da Sua Palavra, então você vê agora muitas pessoas que não dão conta de acompanhar isto, muitos pregadores que dizem “olha, eu não vou voltar atrás de tudo que já ensinei!”. 37- Pois é o vinho novo, uma revelação nova! Um maná fresco que não cabe naquele vaso, não cabe naquele vasilhame. Se tentar colocar vai arrebentar.
4

38- Mas para poder Deus fazer isso, para poder Deus nos dar de Seu Espírito hoje (eu digo hoje porque Deus dar de Seu Espírito nos dias de Lutero foi uma coisa, para Deus dar de Seu Espírito nos dias de João Wesley foi outra coisa). Mas para Deus dar de Seu Espírito para nós hoje, nós temos que saber muito mais do que os outros souberam. Pois a completa revelação de Sua Palavra só veio nesses últimos dias. Eles morreram vendo apenas um pedacinho da Verdade, mas aquilo foi o suficiente para eles. Mas quando abriu mais um pouco da Sua Mente para a Igreja, agora sim você tem que estar apto tem que estar pronto, tem que colocar sob a torneira para poder encher outra vez. Pois aquilo que se tinha antes já não vai servir mais para hoje. 39- Veja aqui o processo em Ezequiel capítulo três, versículo vinte e seis: Dar-vos-ei um coração novo, porei dentro de vós um Espírito novo; tirarei da vossa carne o coração de pedra e vos darei um coração de carne. E porei dentro de vós o Meu Espírito e farei que andeis nos Meu estatutos e guardeis os meus juízos e os observeis. E habitareis na terra que dei à vossos pais, e vós sereis o meu povo e eu serei o vosso Deus. Amém. 40- Então, você aqui vai notar... Você notará aqui que este novo coração que Ele prometeu trazer com Seus filhos, e novo espírito e, finalmente Seu Espírito entrando em nós para produzir uma coisa. Veja, primeiro novo coração, depois novo espírito, e finalmente Seu Espírito, o Espírito Santo entrando em nós (seus filhos, ou à todos aqueles que são verdadeiros filhos de Deus) para produzir uma coisa. 41- E essa coisa que o Espírito Santo entra em Seus filhos para produzir é isso: nos dirigir para que andemos em seus mandamentos; nos direcionar para a fonte, nos direcionar para a verdade, a qual é Sua Palavra. Esse é um trabalho que só Deus pode fazer. Somente o Espírito Santo pode guiar o homem e a mulher para a Verdade. Desejo próprio, vontade própria, boas intenções te levará para uma igreja, te fará se unir a um grupo religioso apenas. Você ali se sentirá muito bem, e cantará, e louvará, e aplaudirá, participará de todos os sermões, de todas as cerimônias, ou seja o que for que se apresente ali; você, por si mesmo, com seus próprios pés, com sua própria vontade. Mas somente Deus, somente o Espírito Santo pode te dirigir para a verdade. 42- E quando Deus te dirige para a verdade, então todas as pessoas olharão para você “atravessado”, e dirão que você está louco, pois você agirá diferente, você pensará diferente, você crerá diferente. Pois não será você pensando, não será você crendo, não será você fazendo, é Deus em você realizando essa obra. 43- Pois é um trabalho Dele. Paulo disse: Aquele que começou em vós essa boa obra a aperfeiçoará. Somente Deus pode aperfeiçoar; somente Deus pode aperfeiçoar a sua crença a doutrina verdadeira no coração de Seus filhos. Só Deus pode fazer isso! Vêem? 44- Então, e faremos... Quando isto acontece, então você vai fazer... Nós faremos as coisas que a Palavra diz para nós fazermos. Nós chegamos a ser realmente a Palavra de Deus manifesta em carne. Assim como Jesus era a Palavra de Deus manifestada em carne nascido através da virgem, assim também cada filho de Deus tem que se tornar a Palavra manifestada em carne, pois eles também têm nascido da virgem. 45- Por isso somos nascidos... Como Paulo disse... Paulo chegou a chamar a Igreja de Deus, a verdadeira Igreja de Deus, como imaculada, virgem, casta e pura. E você não passa a pertencer na igreja. Você nunca pertencerá, se agregará, se unirá à igreja, você tem que nascer nela, na verdadeira Igreja de Cristo; você tem que nascer nela. 46- E se nasce como? Paulo disse: por um espírito somos todos batizados formando um corpo. É o Espírito Santo. Só nascendo do Espírito Santo, da água e do espírito. Então quer dizer que você nasceu na Igreja do Deus vivo; Coluna e Baluarte da Verdade. E ela é virgem e pura porque ela não está contaminada com nada!

5

47- Então, outra vez são nascimentos virginais aqui na terra; filhos e filhas de Deus pertencentes outra vez à virgem, à Igreja pura e imaculada que ela não pode, de forma nenhuma, ter nenhuma mancha. Não pode, ela tem que ser perfeita! 48- É por isso que Deus envia apóstolos, profetas, pastores, evangelistas e mestres, para aperfeiçoar a verdadeira Igreja de nosso Senhor Jesus Cristo. 49- Quando o mensageiro de Deus pregou a mensagem “Imitação do cristianismo”... “Imitação do cristianismo”, o irmão Branham disse: Deus teve que dar-lhe um novo coração. Ele estava se referindo à profecia do profeta Ezequiel. 50- Mensagem “Imitação do cristianismo”, o irmão Branham disse: Deus teve que dar-lhe um novo coração, não um remendado (viu?), senão um novo. Esses são os intelectos com que você pensa; uma nova forma de pensar... Ele está explicando aqui o que é um novo coração. Deus não vai arrancar teu coração (sabe) e fazer uma operação, como Ele fez em Adão. Fez Adão dormir, tirou uma costela e fez Eva; mas Deus não vai fazer essa operação em você, arrancar teu coração e colocar outro. 51- Aqui está se explicando... Um profeta deu a profecia, outro profeta está explicando para nós essa profecia. Observe: esse é o intelecto com o que você pensa; uma nova forma de pensar. Este é o novo coração: uma nova forma de pensar. 52- ... então lhes deu uma nova forma de pensar. Se isso é correto, então Ele disse depois disso: então eu lhes darei um novo espírito. Que é isto? Um novo desejo. Veja. 53- Pois, como é que vem os seu desejos? Você tem que pensar primeiro. Você deseja a melancia e daqui a pouco... Você pensa na melancia e daqui a pouco começa a desejá-la. Você pensa naquele bife bem suculento, começa a desejá-lo... Mulher é assim, vai preparar os temperos e fica imaginando até o sabor e começa a desejá-lo. 54- Por isso que Jesus disse que todo aquele que olhar para uma mulher e a desejar em seu coração já adulterou com ela; pois primeiro pensou sobre aquilo. 55- Então, se você entender essas coisas você saberá o que é o novo desejo, você saberá o que é o novo pensamento, você saberá o que é o novo coração, tudo isso, pois está tudo explicado nas escrituras. Veja isso. 56- O profeta continua aqui: se isso é correto, então Ele disse depois disso: então eu lhes darei um novo espírito. O que é isso? Um novo desejo. Depois que tem... Que você tenha um novo coração e um novo espírito... Observe essas duas coisas: um novo coração e um novo espírito. Que isto fique bem claro para que você entenda as outras coisas que sempre estamos pregando. 57- Um novo coração é uma nova forma de pensar; um novo espírito é um novo desejo, e esse novo desejo é de fazer a coisa correta. Agora vamos prosseguir: depois que você tenha um novo coração e um novo espírito, Ele disse: então porei Meu Espírito em vós. Seu Espírito... 58- O profeta diz: parte do Logos em você controlando suas emoções. Isso é que é importante. Controlando suas emoções. Por que foi que eu comecei dizendo que o mundo está com suas mentes insanas? Porque eles não têm controle sobre suas emoções! O que desejam, então fazem. Se deseja a mulher do vizinho, então vai lá e dá um jeito de tomar. Se deseja o marido da outra, então vai lá e traz. Entendem? 59- A bebida que desejam, simples, vai lá e toma. A comida que deseja, vai lá e... Tudo isso! Ou você acha que também não se torna um pecado a glutonaria? A Bíblia chega a dizer que o deus deles é o ventre, eles gastam milhões com isso, com boas comidas, comidas grã-finas. Eles não estão preocupados com quem está passando fome, com crianças famintas na África, no Nordeste, ou seja onde for. Isto é tudo propaganda que eles lançam aí para enganar as pessoas, para poderem demonstrar uma aparência de santo, como se estivessem preocupados. Não senhores! Eles estão preocupados em tomar mais para enriquecer suas contas bancárias, para poder gastar com coisas que não convém. Simplesmente isso.
6

60- Pois eles não têm controle sobre os seus desejos, eles não têm controle de suas emoções. Se tivessem controle, um político rico, milionário, não precisaria estar aí nessas falcatruas, como sangues-sunga, ou seja o que for, se tornando vampiros. Como é que, sendo ricos, ainda entram em problemas como esses, em questão de sangue, que salva vidas, e tudo mais? Enriquecendo as custas de super-farturas em cima de ambulância, de remédios, de contas; eles não perdem oportunidade! 61- Pois é a única forma deles satisfazerem os desejos de seus corações. Eles não precisam mais de tanto dinheiro, mas suas emoções estão sem controle. Estão loucos! E não pensem que são somente os ricos, poderíamos falar aqui da loucura dos pobres que, mesmo sabendo que são pobres, querem viver como ricos. 62- Mas o profeta disse: Ele nos dá de Seu Espírito, parte do Logos em você, controlando suas emoções. Por isso que você não faz determinadas coisas, por isso que você não fala determinadas coisas, por isso que você não age como as outras pessoas. E cada vez que você estiver agindo como os outros, falando como os outros, atuando como os outros, não custa nada você vir ao altar e dizer “Senhor, eu estou em problemas, eu não quero ser assim, controla minhas emoções”. O que custa nós fazermos isso? 63- Quando estamos doentes não sabemos pedir? “Senhor, eu não agüento mais essa dor; Senhor, o médico já não dá jeito; Senhor, ajuda-me nisto...”; você se apega em qualquer esperança possa vir. 64- Então pense... Se você soubesse que o amanhã não te pertencesse (como se você não soubesse), pois você sabe que o amanhã não te pertence, mas você vive fazendo planos para anos na frente. Mas se você tivesse a certeza hoje que amanhã tudo estaria destruído, e somente os que verdadeiramente estivessem contritos com Deus eram os que se livrariam da grande catástrofe que vai cair sobre a Terra. Como você estaria hoje? O dia todinho desse domingo você teria passado na igreja, não só trabalhando como estávamos, mas orando, em jejum e oração, dizendo “Senhor, tem misericórdia, me livra, eu não quero perecer como os demais”. Mas como você acha que terá tempos para frente para se arrepender, então você vai “empurrando com a barriga” e no último caso é que você estará clamando por misericórdia! 65- As pessoas estão loucas. Por que será que seus familiares não te acompanharam? Por que será que o teu filho, tua filha, teu neto (seja o que for) não estão aqui contigo? [...] 66- De se ajoelhar diante de Deus porque eles não conhecem esse Deus. Nunca tiveram experiência com Deus, então eles acham que pedindo a você, você que sempre está em oração e procurando estar contrito com Deus, eles acham então que Deus te atenderá, terá dó dela por causa de tua fé. Deus não precisa de intermediário! Isso não é diferente de pedir para Sebastião, pois não sabe pedir para Jesus. Não é diferente de pedir para Frei Damião, porque não sabe pedir diretamente para Jesus. É a mesma coisa! 67- Só existe um mediador entre Deus e o homem, e este é Jesus Cristo! Tudo se pede ao Pai em nome de Jesus Cristo. Mas eles não querem aprender essas coisas. Então vão deixar para o último instante, e no último instante irão a você. Entendeu? Pedirão ajuda a você, mas você não vai poder ajudá-los, pois você não tem para eles, o que você tem é suficiente para você. Veja a parábola das dez virgens: “dá-me do teu azeite, dá-me do teu azeite, porque nossas lâmpadas estão se apagando”; não, eu tenho o suficiente para mim. 68- Não é questão de falta de dó, falta de piedade ou falta de misericórdia. O coração dói por dentro, mas você não tem para estas pessoas! O que você tem é suficiente para você prosseguir! Agora o que você tem e o que você pode dar, elas não querem receber. O que você tem que você pode dar é a verdade, é a Palavra. Mas a verdade machuca, a verdade corta, a verdade dói e as pessoas não querem ser corrigidas. Não querem ter suas emoções controladas, querem viver sem controle. Por isso que estão indo em direção ao buraco. 69- Então nós encontramos que esse novo estudo da mensagem que começamos hoje, na mensagem “Cristo é o mistério de Deus”... Aliás, “Cristo é revelado em Sua própria Palavra”, nós encontramos que o irmão Branham, em realidade, ele começa essa mensagem tratando com a condição da mente das pessoas. Ele começa assim, tratando da condição da mente das
7

pessoas e como a loucura tem superado as pessoas ao ponto de onde eles verão... Chegam a ver formigas gigantes e escorpiões com cabelo de mulher. 70- Estão tão sem controle de suas emoções... Estão alteradas, como em estado de êxtase, como se estivessem movidos por alguma droga, altera todo o sistema nervoso, toda tua consciência, inconsciência, ou seja o que for. 71- Eles estão caminhando nesta direção, já estão sendo direcionados a isto, por imagens da quarta dimensão vindos através do aparelho de televisão. Por isso que hoje os desenhos para as crianças só trata de monstros, monstros, monstros e mais monstros! Por isso que você vê essa epidemia que tem desses desenhos animados que toda criança gosta, Digimon, Papamon (eu não sei nem como é isso, essas coisas), entendem? E quando você traduz o nome um é ‘demônio de bolso’, outro é ‘pequeno demônio’, ‘demônios voadores’; só que eles não sabem! Entendem? 72- E isso vai levando esta geração, a ponto que eles ficarão num estado de loucura tão grande que eles verão formigas do tamanho de edifícios, eles verão escorpiões com cabelos como de mulher. E você sabe que isto já estará em suas vidas, em suas almas. Pois, para começar, estarão possessos por demônios. E esses monstros que são falados no livro de Apocalipse não são seres naturais, o profeta do Senhor disse que eram espirituais. Não são animais naturais, são espirituais, estarão em suas mentes, em suas imaginações. Pois eles têm se tornado loucos, estão caminhando para o isso. 73- Mas antes de chegar a isso, vamos ler... Antes de chegarmos a esta compreensão aqui, vamos ler sua oração inicial nesse nosso estudo, quando... Antes dele começar a ler as escrituras. Vamos começar aqui... Eu estou vendo ali quanto tempo eu tenho, e se eu passar aqui do horário vocês me controlem, os irmãos que têm relógio, no jeito... Que às vezes eu esqueço de olhar a hora. 74- Vamos examinar aqui a oração do irmão Branham na mensagem “Cristo é revelado em Sua própria Palavra”, ele pregou isso em 22 de Agosto de 1965. Ele começou assim: Inclinemos nossas cabeças. Senhor Jesus, o Pastor do grande rebanho. Estamos tão endividados para contigo, Senhor, que nunca poderíamos te pagar pelo amor que Tu derramastes em nossos corações. Sentimos tão indignos enquanto estamos com nossas cabeças inclinadas e colocados em Tua presença... 75- ... Te pedimos para nos limpar de todas as falhas e de todo pecado. Nós oramos para que Tu fortaleça nossos corpos hoje. Muitos estão enfermos e aflitos, como isso mostra aqui, lenços e pedidos vindos pelo telefone, e de todas as partes, ou de todos os lugares... 76- Agora meus amigos, foi esta oração do irmão Branham quando ele iniciou o sermão “Cristo é revelado em Sua própria Palavra”. E eu gostaria de ler (como fiz esta oração completa), porém há muitas coisas... Muitas coisas nessas palavras aqui que acabei de citar para vocês, que nós precisamos estudar isso, meditar nessas palavras e olhar, escutar o que significa realmente esses pensamentos aqui que estavam no profeta do Senhor, quando ele fez esta oração, e o que isso significa para nós. 77- Note em primeiro lugar que, primeiro ele começa essa mensagem fazendo essa oração, e você note cuidadosamente essas palavras que ele escolheu para orar, para pedir a Deus. “Senhor Jesus, o Pastor do grande rebanho. Estamos tão endividados contigo, Senhor, que nunca poderíamos pagar-te pelo amor que Tu tens derramado em nosso corações”. Observe isso. 78- Já que nós estamos nos convertendo mais e mais, mais e mais a imagem do Senhor... Isto é de fé em fé, de glória em glória, de passo em passo você está sendo mudado, até se tornar à imagem nítida do Senhor Jesus... Para quem acha que isso não vai acontecer, está enganado! Você não se torna santo quando morrer, de forma nenhuma! Você tem que se tornar santo aqui em vida; é o que diz as escrituras: sedes santos... A palavra santo quer dizer separado, limpo e separado. A palavra santificação: limpo e separado para o serviço. A palavra santificar-se é isso, é tirar o vaso da lama, da sujeira do mundo, tudo, e colocar lá limpo; limpá-lo todo e deixá-lo pronto para ser usado por Deus, para que o Espírito Santo preencha.
8

79- Então, veja isso. Estamos convertendo-nos a cada passo para nos tornarmos à nítida imagem do Senhor Jesus. Imediatamente, nossa mente vai à Palavra de Deus. Tudo que você escuta, qualquer aprendizado que você tem, imediatamente sua mente vai para a Palavra. 80- Quando ouvimos algo, quando aprendemos alguma coisa, algum assunto, devemos então provar todas as coisas. E a única forma de provar isso é pela Palavra, vocês aprendera isso, não foi? Tudo tem que ser provado pela Palavra para ver se está correto ou não, para ver se é de Deus ou não. Se for de Deus, tem respaldo nas escrituras. Se for de Deus tem respaldo lá. 81- E como é que você prova algo? Como é que você faz a prova? Você passa pela prova da Palavra, é como um filtro. E quando isso entra em sua alma, tudo que você ouve, que você aprende você leva para a Palavra. Quando aquilo é provado que é a verdade, aquilo vai para tua alma para governar, para te guiar, para te ensinar o que fazer. Viu? A Palavra de Deus é para isso. 82- E quando o irmão Branham nos disse que primeiro devemos receber um novo entendimento, logo um novo desejo se manifesta. Pois o desejo vem por aquilo que você entende, compreende, por aquilo que você pensa, imagina, então você deseja. 83- Então uma vez que vem o novo entendimento trazido pela Palavra, logo vem um desejo novo, um desejo vem adiante. E então, quando Deus vê esse desejo, que o seu desejo agora é um desejo de obediência, então o próprio Deus entra em teu coração, em tua alma, e trata de trazer aquilo à tona. 84- Por isso foi dito nas escrituras: tudo que pedirdes ao Pai será concedido, pois antes de ser pedido você pensa sobre aquilo, e o pensamento que você tem sobre aquilo é um pensamento já filtrado pela Palavra, por isso você não pede qualquer coisa simplesmente porque você está necessitando. Você então recebe um entendimento tal... Você sabe, a Bíblia diz “pedi e dar-se-vos-a”, mas Deus te dá um entendimento tão claro a respeito de Si mesmo que, mesmo você morrendo de câncer, você morre crendo que Deus é curador, porque Deus colocou em você um novo entendimento. 85- Você sabe que você tem que sair da terra um dia, não importa se é por uma enfermidade, se por um acidente, poderemos estar dirigindo, poderemos estar indo a um culto, ou seja, onde for, e morrermos na viagem. De alguma forma nós teremos que sair desde corpo. 86- Qualquer coisa, não importa, você terá que deixar esta terra. Terá que deixar esta dimensão um dia. A menos que Deus tenha te predestinado para que você não passe pela morte até que o rapto aconteça. Aí sim você não morrerá e irá para a sepultura, você será transformado e sairá desta terra. Mas, a menos que não seja assim, você terá que deixar este corpo. Este corpo terá que ir para a sepultura, seu espírito terá que estar junto com as outras pessoas em um corpo celestial... Em um corpo celestial onde pode sentir, tocar, abraçar aos outros que já estão do outro lado esperando a ressurreição, quando este corpo, no qual você estará, voltará e se unirá com esse corpo, a terra terá que dar conta. 87- Então haverá a ressurreição e isto passará por um processo tal, e você receberá então um corpo glorificado, com o qual você poderá ir até a presença de Deus. 88- Mas se não foi essa à vontade de Deus a teu respeito, então você ficará aqui até que o Rapto aconteça literalmente, e você seja transformado nesse próprio corpo para daqui mesmo ir embora junto com os que ressuscitarão. Mas, de qualquer forma, você terá que morrer (se não for este o caso). 89- Então observe, quando você pensa nisso... Por que será que as pessoas blasfemam, “então Deus não cura, pois eu estou aqui doente, já orei, já pedi, e Ele não fez”. Mas observe, qual é à vontade de Deus? Qual é à vontade de Deus sobre a minha vida, sobre a sua vida? Jesus estava nessa situação. Jesus estava enfermo, Jesus estava cheio de pecado... (Veja as expressões para depois não sair por aí pensando coisa á toa).
9

90- Jesus estava com todas as enfermidades do mundo, inclusive as minhas sobre Ele; Jesus estava com todos os pecados do mundo, inclusive os meus sobre Ele; com todas as tentações, com todas as provas, com todos os problemas, a ponto de soar gotas de sangue, de entrar em desespero, e dizer “Pai, se possível passa de mim essa prova! Passa de mim este cálice! Mas, no entanto, cumpra-se a Tua vontade, e não a minha”, e por que é que nós também não aprendemos isso? Por que é que quando as coisas acontecem ao contrario daquilo que nós pensamos já começamos a... Será que Deus me ama? Será que Ele está olhando pra mim? Parece que Deus não me abençoou, os negócios não estão indo bem, os clientes foram embora, e o meu filho, e minha filha, e isto, e aquilo... Esqueça sentimentos, esqueça emoções! Não é o que você sente, é o que você crer! 91- Não é o que você sente. Não importa se você esteja sentindo dor, não importa se você está sentindo dificuldades e problemas, o importante é a confiança, a convicção que você tem em Deus. Ele pode todas as coisas! Apenas uma palavra de Jesus é o suficiente. Foi o que disse aquele centurião: “Senhor não sou digno que entres em minha casa, mas diga uma palavra e isso será suficiente para que seja curado o meu servo”. 92- Mas enquanto outros não acharam que era o suficiente, e pediam que Jesus fosse até suas casas para orar pela pessoa que estava doente. Mas para o outro, uma palavra era o suficiente. 93- Você acha que precisa de muita coisa para que você seja a pessoa mais bem sucedida do mundo? Você acha que precisa de muita coisa para que todos os seus problemas sejam solucionados? Deus pode todas as coisas! O importante: é o desejo Dele fazer? É à vontade Dele fazer o que eu quero? Pois se não for, meu amigo, não adianta querer “torcer o braço de Deus” para trás e dizer “faça Senhor, faça Senhor...”; Ore a noite toda, jenjue a semana inteira, e veja se consegue! 94- Não adianta “torcer o braço de Deus”, como um policial faz com alguém; pega e torce o braço e vai atrás da pessoa para ela falar o que fez (e até o que não fez). Não adianta insistir com Deus! continue confiando, continue esperando, continue crendo e diga “Senhor, se é a Tua vontade então faça isso; eu preciso disso, mas se não for para o meu bem...”, pois às vezes pensamos que é para o nosso bem! 95- Achamos que aquele trabalho é para o nosso bem, achamos que aquela moça é para o nosso bem, achamos que aquele rapaz é para o nosso bem, achamos que aquela casa é para o nosso bem, mas é essa à vontade de Deus? Oramos, colocamos nas mãos de Deus isso? Às vezes oramos, mas insistimos, não é? Não deixamos Deus trabalhar... Puxa vida! É cada coisa, não é? 96- Bem, vamos aqui... Vamos aqui para onde paramos. Deus nos dá de Seu Espírito... Deus nos dá de Seu Espírito. O irmão Branham chegou a dizer, olhe: um novo entendimento... Para que irmão Branham? Este novo entendimento é para mudar a nossa fé de uma fé intelectual, de uma fé mental para uma revelação espiritual. E então quando isso acontece, Sua vida (a vida de Deus, que é Zoe: vida eterna, a própria vida de Deus)... E então Sua vida se comporta... Comportar não é só ficar uma pessoa comportada, não, sabe? 97- Escuta, esse vaso comporta esse tanto de água (quer dizer, cabe lá dentro;)... É nesse sentido que eu estou vos falando... 98- Então, Sua vida comporta em nossos corações na forma do Logos, o qual é Sua Palavra, e a qual é Seu Espírito... Não tente separar uma coisa da outra, pois você não pode separar a Palavra de Deus, de Seu Espírito. Você não pode separar. 99- As escrituras dizem: porque o homem pensa em seu coração... Como o homem pensa em seu coração, assim é, e da abundância do coração fala a boca. Foi o que escreveu o sábio Salomão. Portanto, você é o que você fala. Portanto, cuidado com as suas palavras. 100- Eu vou citar as palavras de Salomão de novo: Portanto, como o homem pensa em seu coração, assim é; e da abundancia do coração fala a boca.
10

Se a pessoa só pensa em derrota, assim é. Se o homem só pensa em mulher, é isso que ele é, um mulherengo. Se só pensa em mentira, é isso, um mentiroso, sempre estará pensando na próxima mentira, pois ele disse uma e precisa dizer outra para encobrir aquela, para que não descubram a verdade. Daqui a pouco está cercando uma mentira por centenas de outras. 101- Como o homem pensa, assim é. Assim é, quer dizer, ele é isso que ele pensa. Por isso da abundancia do coração, daquilo que está no coração, é o que fala a boca. Então cuidado com o que você pensa, cuidado com o que você fala. Jesus disse que pelas suas palavras sereis condenados ou pelas suas palavras sereis justificados. Então, nós que pensamos que podemos falar qualquer coisa que vem na cabeça. 102- Agora, se nós pensamos que podemos fala qualquer coisa que nos vem na cabeça... Pois para poder você falar você tem que pensar. Então primeiro é o pensamento, depois a palavra. Pois um pensamento é uma palavra expressada, para ela ser expressada você teve que falar primeiro. 103- Então o que acontece? O Anjo do Senhor disse para o irmão Branham: diga ao povo... Essa foi à advertência, viu? Diga ao povo que os seus pensamentos falam diante de Deus mais alto do que suas palavras. Como o homem pensa, assim ele é. 104- Portanto, você é o que você fala, o que você expressa, o que as pessoas ouvem. Não pode você ser uma pessoa... Ser um crente, um cristão, uma cristã, e andar por aí falando qualquer asneira, qualquer bobagem! Simplesmente as pessoas dirão que ele é a bobagem que fala, ela é a bobagem que está falando. Poderíamos citar aqui vários adjetivos, não é? Mas creio que só isso é o suficiente para que você tenha uma compreensão disso. 105- Portanto você é... Isso é que nós vamos adiante, prosseguindo até chegar à Sua imagem. Pois quando você aprende isso, você sempre procurará falar a verdade, procurará sempre dizer a verdade, sempre agir com justiça, sempre agir com coerência. Pois uma vez que você é aquilo que você fala, e da abundância do coração fala a boca, e se você está nesse prosseguimento de ser a imagem de Deus aqui na terra, como homem e mulher que você é, mas você tem que ser a imagem do Pai. Então observe como você está agindo. Pois, se Ele é a Palavra, você tem que ser a imagem da Palavra, as pessoas terão que olhar você e ver em você a Palavra, ver Deus em você. Tem que chegar a esse processo! 106- Portanto, se estamos na Era onde estamos, indo mais além, indo mais e mais até se tornar a sua imagem, e Ele é a Palavra, então... Meu Deus, o que deve estar pensando nossas mentes? O que nós devemos estar imaginando constantemente? Onde deve estar o nosso pensamento? 107- Me diga, qual seria o pensamento Dele? Quando você entrar em determinado lugar pense, o que faria Jesus agora? O que faria Jesus pisando onde eu estou pisando? O que faria Jesus em meu lugar? Como se comportaria Jesus agora nessa situação? O que Jesus diria para esta pessoa? Como Jesus agiria diante de tal fato? Pois você está chegando a isto, a ser a imagem expressa, a Palavra manifesta em carne mais uma vez. 108- Como deveria estar nossas mentes quando ouvimos... O irmão Branham menciona em sua oração aqui na mensagem “Cristo é revelado em Sua própria Palavra”: estamos endividados contigo, Senhor, que nunca poderíamos pagar-te pelo amor que Tu tens derramado em nossos corações. Observe isto. 109- O que vem primeiro em minha mente, na sua mente? Agora vamos dizer assim, em termos de conhecimento da Escritura quando você ouvir essas palavras... 110- Quando você ouve essas palavras: o amor que tu tens derramado em nossos corações. Bem, a primeira coisa que deve vir na mente do irmão teria que ser aquilo que veio na mente do irmão Branham nesta oração. Ele estava fazendo o que? Ele estava citando as Escrituras, e o que acontece é que as pessoas não sabem citar as Escrituras, e é por isso que erram. Por isso Ele disse: errai por não conhecer as Escrituras nem o poder de Deus. 111- O que adianta esta velha Bíblia? Dez, quinze, vinte, trinta, quarenta anos numa residência, não importa se é com uma capa preta, ou com uma capa branca, ou se é colorida, ou com gravuras, não importa. Mas, o que adianta a velha Bíblia nas residências, sendo que as pessoas
11

não conhecem o que está escrito? Usam como... Como eu diria? Como um amuleto de boa sorte, entendeu? Aberta nos Salmos noventa e um, no Salmos vinte e três, como se aquilo fosse resolver alguma coisa, como se aquilo fosse expulsar o mau olhado, ou alguma coisa. Usam como os outros usam o galho de arruda, ou o Comigo-ninguém-pode (uma planta que tem lá); é a mesma coisa, superstição, apenas isso. 112- Não conhecem as escrituras e por isso erram. Não sabem citá-las nem para si mesmos. Acontecem qualquer coisa em suas vidas e eles não sabem recorrer a Palavra, como agir. Agem de qualquer forma, e por isso mentem, por isso roubam, por isso matam, por isso blasfemam, por isso cobiçam, por isso desejam o que é dos outros, entendem? Por isso fazem tudo o que não convém, e tem aquele que diz “mas eu não faço isso, eu nunca matei ninguém, nunca roubei, nunca...”. 113- Olhem, a Bíblia diz que depois que você cumpre todos os seus deveres, você ainda não passa de servo inútil. Agora, imagine... Que tipo de dever tempos cumprido? Já cumprimos todos os nossos deveres? Já obedecemos o que foi requerido de cada filhos de Deus nas Escrituras? Tempos batizado da forma correta, de acordo com as Escrituras? Estamos crendo na doutrina correta como nas Escrituras? E achamos que não estamos em falta. Conhecemos as Escrituras? Qual Escritura nós conhecemos? Jesus disse: errai por não conhecerdes as Escrituras e o poder de Deus, pois quando se conhece as Escrituras, quando se conhece... Eu não digo a letra da Bíblia, mas o que está aqui dentro na forma da Palavra escrita. Você não precisa sabê-la de cor e salteada, mas ter o discernimento do Espírito para saber o que é certo e o que é errado. E o que é certo e o que é errado já está sendo contado aqui. Tem que se uma pequena, pelo menos uma pequena noção do que se é certo e o que é errado para poder citar as Escrituras. 114- E quando se cita as Escrituras, você não está fazendo outra coisa a não ser assim, olhe “não, isso aqui é errado!”. Você estará citando as Escrituras; “isso não é certo, Deus não se agrada disso; Deus não gosta de tal coisa; o Espírito Santo não age dessa forma em ninguém”, entendeu? Porque você aprendeu a citar as Escrituras. 115- Então, quando o profeta do Senhor disse: estamos tão endividados contigo, Senhor... Nunca poderemos pagar a dívida; temos uma dívida contigo que nunca poderemos pagar... Então ele diz: pelo amor que tens derramado em nossos corações, o irmão Branham está aqui citando as Escrituras. Foi derramado em nossos corações pelo Espírito que nos foi dado. Sabe o que ele estava citando? Estava citando as palavras de São Paulo no livro de Romanos capítulo cinco. È o que vamos ler agora. 116- Romanos capítulo cinco (é o que eu vou ler com vocês agora), capítulo cinco (alguém olhe... Deixem-me ver aqui rapidamente... eu já estou chegando aos cinqüenta e oito minutos, não é)... Vamos mais uns minutinhos aqui, só um pouquinho aqui... 117- Romanos capítulo cinco, versículo um. Epístola do apóstolo São Paulo aos Romanos. Vamos ver aqui (eu vou lendo e vocês acompanhem aí também, se vocês poderem, você que tem a sua Bíblia). Romanos cinco, versículo um: Tendo sido, pois, justificados pela fé, temos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo. Pelo qual também temos entrada pela fé à esta graça... Como é que entra a esta graça oferecida? Pela fé. Você não paga um ticket, você não assina um cartão de membro (sabe), não adianta você dizer “eu tenho um cartãozinho aqui de membro de tal igreja”, e outro diz “não, eu tenho um batistério lá desde que nasci”, isso de nada resolve! Nada disso resolve! 118- Paulo está dizendo aqui como é que é feito: Tendo sidos, pois, justificados pela fé, temos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo. Pelo qual (veja, que é Jesus Cristo)... Pelo qual também temos entrada pela fé à esta graça... 119- Você já sabe, se você entrou na graça você está salvo. Paulo diz: pela graça sois salvos, por meio da fé. Agora é uma fé, é uma certeza que Deus dá ao teu coração. Todo mundo diz que tem fé. Todas as pessoas dizem que têm fé em Deus; “com fé em Deus eu vou; com fé em Deus
12

eu faço; com fé em Deus eu compro; com fé em Deus eu faço isso; com fé em Deus vai dar certo...”. Tudo isso! 120- Fé em Deus somente para as coisas dessa vida? Não passaríamos de miseráveis se tivéssemos fé em Deus somente para as coisas dessa vida. Eu quero saber ter fé, esta certeza, esta revelação de que deixaremos este mundo, esta dimensão, e iremos para a casa de nosso Pai. Pois Ele tem nos revelado que saímos de lá e temos que voltar para lá. Saímos de Deus e temos que voltar para Deus! E você entra nisso, nessa graça, através da fé. Uma convicção, uma certeza que Deus coloca em seu coração e ninguém tira! 121- Pelo qual também temos entrada pela fé à esta graça, na qual estamos firmes e nos gloriamos na esperança da glória de Deus. E não somente isso, mas também nos gloriamos nas tribulações, sabendo que a tribulação produz paciência... então tem um processo aqui, viu? 122- Paulo diz assim, olhe: nos gloriamos na esperança glória de Deus; graças a Deus eu tenho esperança, Deus me salvou, Deus me purificou, Ele herdou meus pecados, pois isso é um segredo também, viu? 123- Você pode dizer assim: “mas ele matou, ele fez isso, ele fez aquilo, e agora diz que está salvo...” Não importa isso, não importa o que foi feito, não importa a vida que se teve. Uma vez que você se encontra com a Palavra, com a verdade, você muda de vida. Esqueça seu passado! Deixe quem quiser apontar o dedo, mas Jesus prometeu que te salvaria, te perdoaria se você se arrepender de seus pecados, e ponto final! Você se torna uma nova criatura. 124- Agora, não queira fazer tudo o que não presta e se acobertar com uma capa de religião “eu sou salvo! Eu sou salvo!”, para enganar os outros! Pois então o fogo... Parece que talvez, quem sabe, o fogo vai ser mais ardido para tais pessoas, pois não passarão de hipocrisia, de hipócrita! 125- Mas, vejam meus irmãos, Paulo está dizendo que você se alegre, se glorie nesta esperança: E não somente isso, mas também (olhe) nos gloriamos nas tribulações. 126- Por que vamos nos alegrar somente com coisas boas? Temos que nos alegrar agora nas tribulações. Então, as vezes o irmão vem... O irmãozinho, a irmãzinha vem “irmão, eu estou com um problema tão sério lá em casa”, “é irmão? Glória a Deus, graças a Deus por isso!”; “O que é isso, irmão? Eu estou me acabando, e você está dando glória a Deus? Pois é, irmão, olhe, não deu certo isso, está dando tudo ao contrario...”. 127- Gente, se alegrem nas tribulações. Meu filho não fica bom, minha filha está cada vez pior, e eu não consigo o que eu queria e parece que nada dá certo pra mim... Olhe, as escrituras dizem: se gloriem nas tribulações! Agora veja porquê: sabendo que a tribulação produz paciência... 128- Por que a tribulação produz paciência? Pois, quando você está atribulado você fica impaciente! Grita com as crianças, chuta o gato, coitadinho do cachorro, cai do outro lado, e (em uma força de expressão). É cada coisa! Você xinga o vizinho, e aquela coisa toda... Mas, a Bíblia diz ao contrário! A Bíblia diz que quanto mais tribulação, mais você deve se tornar paciente. Se isso estiver acontecendo ao contrário, tem alguma coisa errada! 129- Olhe, “eu não tenho paciência de ouvir um culto todo, fico ‘inheta’, (inquieto.Ed.) já quero ir embora”; “eu não tenho paciência de escutar uma pregação ou uma fita, é cansativo demais; eu não tenho paciência de ler um livro desse, de ler uma literatura dessa”... Está bem, deixa quieto! Vai chegar uma hora (pois você não tem tempo), vai chegar uma hora em que você vai ter todo o tempo da vida, toda paciência do mundo! Você não vai poder correr, tuas pernas já não agüentam mais, não vai conseguir levantar na correria todo dia para trabalhar, sabe? Tem que trabalhar para sustentar a casa, vai chegar o dia em que você não vai poder mais fazer isso. 130- A artrose não vai deixar mais, a artrite não vai deixar mais... (Fim da Gravação ) *******
13

“Controle De Emoções”
17 de setembro de 2006 Francisco Morato /SP. D.Rosendo

Digitado por Simone Helena

www.doutrinadamensagem.com.br (OUCA NOSSA TRANSMISSAO DIÁRIA) MSN: radiounife@hotmail.com

14

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->