Você está na página 1de 1

Ativo permanente diferido (balanço patrimonial

)
para os demonstrativos contábeis elaborados e publicados posteriormente a 2008, portanto,
depois da entrada em vigor da lei 11.638 de 27-12-2007, não há necessidade de se proceder
tal ajuste. Pois a legislação em questão extinguiu o grupo “ativo permanente diferido”.
Resultados de exercícios futuros (balanço patrimonial)
O grupo de resultados do exercício futuros deve ser reclassificado para patrimônio liquido.
para os demonstrativos contábeis elaborados e publicados posteriormente a 2008, portanto,
depois da entrada em vigor da lei 11.638 de 27-12-2007, não há necessidade de se proceder
tal ajuste. Pois a legislação em questão extinguiu o grupo resultados de exercícios futuros)
Despesas financeiras (DRE)
Apesar da legislaão em vigor tratar as despesas financeiras como itens operacionais,
semelhantes ao tratamento dado as despesas com vendas e administrativas. Logo o mais
correto seria reclassificar as despesas financeiras como itens não operacionais. Assim o
resltado operacional apurao refletiria o resultado proveniente efetivamente das peações da
entidade.
Participação dos empregados nos lucros e resultados (DRE)
A participação de diretores e empregados nos resultados do exercício deveria ser reclassificada
para o grupo das despesas operacionais. Afinal o seu pagamento decorre, pelo menos
teoricamente, dos conjuntos das atividades desenvolvidas pelo quadro funcional da entidade.
Estabelecimento de uma base comparativa para o julgamento da situação econômica e/ou
financeira da empresa analisada.
Em primeiro lugar faz-se necessário que sejam analisados, pelo menos, três exercícios sócias
sequenciais de uma mesma empresa. Sendo que, para escolha deste períodos, deve-se partir
daquele exercício social encerrado mais recentemente.