Você está na página 1de 3

Os sólidos platônicos são sólidos convexos cujas arestas formam polígonos

planos regulares congruentes. A sua designação deve-se a Platão, ue os
desco!riu em cerca de "## a.$.. A exist%ncia destes sólidos j& era
con'ecida pelos pitagóricos, e os egípcios utili(aram alguns deles na
aruitetura e noutros o!jetos ue construíram.
)xistem apenas cinco sólidos platônicos, ue são os seguintes*

)stes sólidos foram aduirindo ao longo dos tempos diversos significados
místicos. Por exemplo, +epler sentia uma grande admiração e rever%ncia por
eles ,Por ue apenas cinco-. e c'egou mesmo a tentar explicar os
movimentos planet&rios a partir deles. Al/m disso, interpretou, no
0armonices 1undi, as associaç2es de Platão da seguinte forma*

3ma demonstração de ue são apenas cinco os sólidos platônicos pode ser
o!tida atrav/s do processo da sua construção, como Platão fe( num seu
texto incluído no di&logo 4imeu.
Para a construção dos sólidos platônicos, por definição, apenas podemos
utili(ar polígonos regulares congruentes. $omecemos por considerar o
tri5ngulo euil&tero, ue / o polígono regular com menos lados. 6uantos
poliedros, cujas faces são apenas este polígono, conseguimos construir-
Para responder a esta pergunta, centremos a nossa atenção nos v/rtices dos
possíveis poliedros ,!asta considerar apenas um, pois os restantes são
id%nticos..
$om dois tri5ngulos euil&teros, não se consegue constituir um v/rtice de
um poliedro, pois um 5ngulo sólido tem ue ser constituído pelo menos por
tr%s planos. $om tr%s tri5ngulos euil&teros / possível constituir um v/rtice
de um poliedro, ue / concretamente o tetraedro. )sta possi!ilidade
prende-se com fato de a soma das amplitudes dos 5ngulos internos dos
diversos tri5ngulos adjantes, no v/rtice, ser inferior a 78#9, exatamente
:;#9.
<e considerarmos uatro tri5ngulos euil&teros, cuja soma das amplitudes
dos 5ngulos internos adjantes no v/rtice / de ="#9, o!temos o octaedro.
$onsiderando cinco desses tri5ngulos num v/rtice, essa soma / de 7##9,
ainda inferior a 78#9, e o!temos o icosaedro. Passando para seis tri5ngulos
euil&teros, c'egamos a uma impossi!ilidade. A soma das amplitudes dos
5ngulos internos adjantes no v/rtice /, neste caso, 78#9, o ue não permite
>fec'ar> o v/rtice, isto /, formar um 5ngulo sólido, pois os tri5ngulos ficam
todos so!re o mesmo plano ,formando uma pavimentação do plano em torno
do suposto v/rtice.. A consideração de um n?mero maior de tri5ngulos
euil&teros em torno de um v/rtice, o!viamente j& não possi!ilita a
construção de um poliedro.

O pressuposto de construção ue tem estado a ser utili(ado / o de ue a
formação de um 5ngulo sólido no v/rtice de um poliedro só / possível se a
soma das amplitudes dos 5ngulos internos dos polígonos adjacentes no
v/rtice for inferior a 78#9.
$onsiderando o uadrado, e o pressuposto atr&s enunciado, c'egamos @
conclusão de ue apenas conseguimos construir o cu!o. $om pent&gonos,
apenas conseguimos construir o dodecaedro.

$om 'ex&gonos não se consegue construir nen'um sólido platônico. Aasta
verificar ue tr%s 'ex&gonos adjacente em torno de um ponto
,supostamente um v/rtice. pavimentam o plano, pois a soma das amplitudes
dos 5ngulos internos desses 'ex&gonos / precisamente 78#9, o ue não
permite formar um 5ngulo sólido. 3m n?mero maior de 'ex&gonos,
o!viamente, ue tam!/m não permite a construção de um sólido platônico.
Analogamente, com polígonos com um n?mero maior de lados isso tam!/m
não / possível.
)numeremos então os sólidos ue aca!amos de construir* tetraedro,
octaedro, icosaedro, cu!o e dodecaedro. <ão precisamente cinco, como se
ueria demonstrar.
Outra forma demonstrar a exist%ncia de apenas cinco sólidos platônicos /
atrav/s da fórmula de )uler, considerando as restriç2es relativas aos
v/rtices, arestas e faces inerentes aos sólidos platônicos.
http://www.educ.fc.ul.pt/icm/icm99/icm43/sol_plat.htm

Interesses relacionados