Você está na página 1de 1

A cultura no universo cibernetico

Cibercultura uma expresso criada por Pierre Levy para sintetizar o mundo digital
centralizando mltiplos usos.
Um exemplo que a palavra ou texto deixa de ser apenas um agrupamento de letras e
passa a adotar um conjunto de ontes de inorma!"es como desen#os$ v%deos$ gr&icos$
msicas$ v%deos reor!ando a idia ou o conjunto delas iniciada.
'ilmes como (ntelig)ncia *rtiicial ou +atrix. so da marca da cibercultura. ,o mundo
musical -illy (dol um dos %cones e o ritmo tecno invade as pistas$ r&dios e t%mpanos.
. il/soo Pierre Lvy no livro Cibercultura apresenta tr)s princ%pios undamentais para o
programa da Cibercultura0 a interconexo$ as comunidades virtuais e a intelig)ncia
coletiva.
Lvy airma que para a cibercultura a conexo sempre preer%vel ao isolamento$ um
bem em si. Para alm de uma %sica da comunica!o$ a interconexo constitui a
#umanidade em um cont%nuo sem ronteiras.
. segundo princ%pio prolonga o primeiro j& que o desenvolvimento das comunidades
virtuais se ap/ia na interconexo. Uma comunidade virtual baseia1se em ainidades de
interesses$ de con#ecimentos$ em um processo de coopera!o ou de troca$ independente
de proximidades geogr&icas.
2egundo Lvy o terceiro princ%pio$ da intelig)ncia coletiva$ seria sua perspectiva espiritual$
sua inalidade ltima.
Concordamos com o autor pois no #& comunidade virtual sem interconexo$ no #&
intelig)ncia coletiva em larga escala sem virtualiza!o ou desterritorializa!o das
comunidades no ciberespa!o e a interconexo condiciona1as que so uma intelig)ncia
coletiva em potencial.
. il/soo Pierre Lvy 3Cibercultura$ 4555$ p0 4678 airma no livro Cibercultura que so tr)s
os princ%pios undamentais para o programa da Cibercultura0 a interconexo$ as
comunidades virtuais e a intelig)ncia coletiva.