Você está na página 1de 15

Aula 5

Aula 5

Estruturas Reticuladas Módulo de Elasticidade dos Materiais

Análise da Força Cortante, Força Normal e Flambagem

Prof. Ms. Samuel Dereste

Livro de Estudo da Disciplina

Estruturas de Aço, Concreto e Madeira Atendimento da expectativa dimensional

Yopanan Conrado Pereira Rebello

Editora Zigurate

São Paulo, 2005

Disponível na biblioteca da universidade

MÓDULO DE ELASTICIDADE DO CONCRETO

MÓDULO DE ELASTICIDADE DO CONCRETO Deformação medida por Strain Gages

Deformação medida

por Strain Gages

MÓDULO DE ELASTICIDADE DO CONCRETO Deformação medida por Strain Gages

MÓDULO DE ELASTICIDADE DOS METAIS DÚCTEIS

MÓDULO DE ELASTICIDADE DOS METAIS DÚCTEIS

VALORES TÍPICOS DE MÓDULO DE ELASTICIDADE

MADEIRAS 30 a 40 GPA

CONCRETO 10 a 40 GPA

ROCHA 50 a 70 GPA

AÇO 200 GPA

FORÇA NORMAL

É uma força é paralela ao maior comprimento da peça. Pode ser de tração, indicada pelo sinal de (+) ou de compressão indicada pelo sinal (-).

1,5m

Y +

M +

10 kN

100 kN

indicada pelo sinal (-). 1,5m Y + M + 10 kN 100 kN A R XA

A

R

XA

4,0m

B

R YA

R YB

X +

1,5m

Y +

M +

10 kN

100 kN

pelo sinal (-). 1,5m Y + M + 10 kN 100 kN A R XA 4,0m

A

R

XA

R YA

N

Efeito da Força Normal de Compressão - Flambagem

Efeito da Força Normal de Compressão - Flambagem Equação Geral de Euler P cr  

Equação Geral de Euler

P cr

2 EI

2

L

Pcr = Carga crítica

E = módulo de elasticidade

do material

I = momento de Inércia da Seção

L = Comprimento da peça

Exercício 1

Qual é carga máxima admissível que pode ser aplicada ao pilar mostrado na figura considerando o efeito de flambagem ?

N?

mostrado na figura considerando o efeito de flambagem ? N? 4,0m Material: Aço Modulo de Elasticidade:
mostrado na figura considerando o efeito de flambagem ? N? 4,0m Material: Aço Modulo de Elasticidade:
mostrado na figura considerando o efeito de flambagem ? N? 4,0m Material: Aço Modulo de Elasticidade:
mostrado na figura considerando o efeito de flambagem ? N? 4,0m Material: Aço Modulo de Elasticidade:

4,0m

Material: Aço

Modulo de Elasticidade: 2.000.000 kgf/cm 2

Tensão de Escoamento: 3.000 kgf/cm 2

Y Z 50 cm 20 cm
Y
Z
50 cm
20 cm

I Z =48.200 cm 4

I Y =2140 cm 4

A=116 cm 2

Força Cortante

A Força Cortante representa a soma algébrica de todas forças perpendiculares ao eixo da peça e que produzem um esforço que tende a deslizar uma seção em relação a outra, provocando

tensões de cisalhamento.

1,5m

Y +

M +

10 kN

100 kN

tensões de cisalhamento. 1,5m Y + M + 10 kN 100 kN A R XA 4,0m

A

R

XA

4,0m

B

R YA

R YB

X +

1,5m

Y +

M +

10 kN

100 kN

de cisalhamento. 1,5m Y + M + 10 kN 100 kN A R XA 4,0m B

A

R

XA

R YA

V

Efeitos da Força Cortante

Efeitos da Força Cortante

Força Cortante de uma Carga Concentrada

Força Cortante de uma Carga Concentrada

Força Cortante para Cargas Distribuídas

Força Cortante para Cargas Distribuídas

Força Cortante nos Balanços

Força Cortante nos Balanços

Exercício 02 Calcular as reações de apoio e traçar os diagramas de força cortante

Exercício 02 – Calcular as reações de apoio e traçar os diagramas de força cortante

Referências

Rebello, Y.C.P. Estruturas de Aço, Concreto e Madeira

Atendimento da expectativa dimensional. São Paulo:

Zigurate, 2005.

CBCA

Centro

Brasileiro

da

Construção

em

Aço.

Disponível em

em

.

27/02/14.