Você está na página 1de 2

UFSC - CCS ACL

Bioqumica Clnica I para o curso de Farmcia


Estudo dirigido I (como parte da I avaliao terica)
Prof. Roberto Data limite para entrega: 25/04/2014.
Aluno(a)s:

Caso Clnico 3: Paciente com dor abdominal e histria de desconforto gstrico, encontra-se
hospitalizado, aps chegar na emergncia j inconsciente, hipotenso e sinais evidentes de hemorragia
digestiva.
Achados laboratoriais (12 horas aps o provvel rompimento de lcera gstrica):
Uria = 135 mg/dL
Creatinina = 2,1 mg/dL
Potssio = 7,3 mEq/L
Sdio = 158 mEq/L

Perguntas:

1. Como deve ser esperado o potssio urinrio? Diminudo, normal ou elevado. Por que?

2. Como deve estar o pH sanguneo? Por que? E o bicarbonato? Por que?

3. Qual seria a classificao do distrbio renal deste paciente? Por que?

4. Quais as alteraes esperadas para o ADH e a aldosterona? Seria necessrio dosar estes hormnios
para o diagnstico, prognstico e/ou para a monitorizao do tratamento deste paciente? Sim ou
no e por que?

Referncias Bibliogrficas:






Caso Clnico 4: Paciente desorientada, sem histria clnica anterior, jovem, encaminhada emergncia,
vinda de uma festa com vrias horas de durao, na qual foi constatado o consumo de esctasy. Ausncia
de edema, de sinais de embriaguez e de intoxicao por psicoativos. Houve o relato da ingesto de muitas
garrafas de gua mineral pela paciente.
Achados laboratoriais:
Uria = 13 mg/dL
Creatinina = 0,4 mg/dL
Protenas totais = 4,7 g/dL
Potssio = 4,0 mEq/L
Sdio = 122 mEq/L
Albumina = 2,1 g/dL
Hematcrito = 29%
Hemcias = 3,2 milhes/mm3 Hb = 9,6 g/dL

Perguntas:

5. O que esperar da dosagem do sdio urinrio? Diminudo, normal ou elevado. Por que?
6. Como deve estar o pH sanguneo? Por que?
7. Por que os valores de protenas totais e albumina esto diminudos? Estes achados tem correlao
com a hematimetria tambm alterada e com os demais marcadores? Explique.
8. O que polidipsia primria? Qual sua relao com o diagnstico desta paciente?
9. Sabendo que a paciente evoluiu para o coma, explique os mecanismos desencadeados, o possvel
tratamento e o prognstico:

Referncias Bibliogrficas: