Você está na página 1de 11

Lembra da foto que circulou pela

internet, de um feto que, numa


cirurgia, pegou na mão do médico?

Bom, agora você pode ver o caso


por inteiro, (o bebê se chama
Samuel Alexander Armas).
Durante o pré-natal da mãe foi diagnosticado que o
feto tinha a coluna vertebral fissurada e não
sobreviveria se não fosse operado ainda no útero de
sua mãe. Tinha apenas 21 semanas.
Julie Armas, a mãe do pequeno Samuel, enfermeira
obstetra em Atlanta ficou sabendo que o médico Dr.
Joseph Bruner, que clinica no Vanderbilt University
Medical Center em Nashville, poderia realizar esse tipo
de procedimento cirúrgico de elevado risco em seu
bebê.
Assim, procurado pelos pais do bebê, o Dr.Bruner
realizou a delicada cirurgia. Durante o procedimento, o
médico retirou o útero do abdomem da mãe e fez uma
pequena incisão para poder operar o bebê.
Quando Dr. Bruner estava terminando a cirurgia, o
bebê surpreendentemente estendeu sua pequenina
mão pela incisão uterina ainda aberta e agarrou a mão
do cirurgião com firmeza.
Um fotógrafo capturou esse acontecimento
impressionante com perfeita nitidez.

Os editores nomearam a foto como "Mão da Esperança".

O texto a seguir, conforme publicado, explica as fotos:

"A pequena mão do feto de 21 semanas,


Samuel Alexanders Armas,
emerge do útero de sua mãe
para agarrar o dedo do Dr. Joseph Bruner
como se estivesse agradecendo ao médico pela sua vida."
A mãe do pequeno Samuel diz que eles “choraram por
dias” quando viram a foto.

Ela disse:

“A foto nos lembra que minha gravidez nada teve há


ver com deficiência ou doença, mas sim com o dom
de dar a vida a um pequeno ser humano.”

Samuel nasceu com perfeita saúde no dia 02/12/1999.


A operação foi 100% bem sucedida.
E você ainda tem
dúvida de que
"DEUS" existe?
Quando se crê em
"DEUS"
não há cotidiano
sem
milagres.