Você está na página 1de 2

Agraciado pelo público juvenil, Fazendo meu filme ganha outro volume

em uma história emocionante, divertida e surpreendente

Depois de conquistar millhares de leitores e leitoras em todo o Brasil com o livro Fazendo
meu filme, Paula Pimenta lança, pela Gutenberg Editora, o segundo volume dessa série
apaixonante, que dialoga tão bem com a realidade e os anseios dos adolescentes e
jovens de hoje, explorando também temas atemporais como o amor, a amizade e a
coragem. Fazendo meu filme 2 – Fani na Terra da Rainha emociona, diverte e interage
com o leitor, que não consegue deixar de torcer para o sucesso das aventuras de Fani.

O livro mostra a história de Estefânia Castelino Belluz, a Fani. Cercada por personagens não menos
cativantes e curiosos, nossa adorável menina vive uma história cheia de suspense, revelações
surpreendentes e fortes emoções, agora, na Terra da Rainha. Partindo para uma vida longe dos antigos
amigos, de sua família e de seu amor, ela conhece melhor seus sentimentos e passa a conviver com tantos
outros até então desconhecidos. Hábitos e costumes diferentes, nova rotina, língua estrangeira. Essas
mudanças são comuns aos que se aventuram a fazer um intercâmbio cultural em um outro país. Mas como
será que Fani, uma garota encantadora, um tanto quanto tímida e cheia de vida, reage a tantas novidades?

Sem deixar de lado as amigas inseparáveis, a adolescente, que agora completa 17 anos, se comunica
diariamente com sua turma por meio de e-mails e de conversas via MSN repletas de novidades sobre
Brighton. É cada acontecimento! Tudo merece ser compartilhado! Apaixonada por filmes, Fani mal sabe que
suas experiências na Inglaterra, onde foi muito bem-recebida por sua nova família, servirão como trailer
para um de seus longas mais gostosos de serem vistos. Ou melhor, vividos.

Voltado principalmente para o público adolescente, o primeiro volume surpreendeu até mesmo os adultos.
Quem é pai ou mãe, já foi jovem um dia ou apenas gosta de um bom romance não pode deixar de ler esse
livro. Fazendo meu filme 2 – Fani na terra da Rainha é mais do que a história de uma adolescente que se
encoraja a fazer um intercâmbio e mudar de país e de vida. É um livro que conta a história de um grande
amor, desencontros, decepções, reconciliações e muita paixão, como um dos milhares de filmes que Fani já
viu, mas, dessa vez, tendo ela própria como protagonista.

Confira alguns depoimentos de leitores sobre o primeiro volume:

“Sabe a história que a gente sonha pra vida da gente? Pois é, esse livro conseguiu fazer
isso comigo. Eu queria muito ser a Fani para poder viver um final feliz como o dela! E
quero mais ainda que o final seja realmente o começo e que tenha mais uma série de
livros continuando a história! Sem dúvida Fazendo meu filme é o melhor livro que já li na
vida! Se souberem de outro parecido por favor me indiquem, ou então apressem a
continuação! Obrigada!!!” Julia Alvarenga
“Amei o livro, vocês não fazem ideia, cheguei ate a chorar no final do livro. Eu não dava conta de parar de
ler, lia e lia até o meu ponto máximo, até eu não ter força mais pra consegui me sustentar lendo o livro. Vai
ter o 2?? Façam por favor, a historia é muito linda, de um capítulo para o outro um pedaço de um filme
preferido da Fani, eu me emocionei mesmo!! Imagino como seria o 2, eu acho que iria falar como foi a
viagem dela, e no final a Fani volta e namora com o Leo, ia ser maravilhoso. Eu queria viver um amor assim!
Um amor de verdade! Ameiii o livro mesmo.” Luiza Mendonça

“Um livro muito fofo... e eu que passei minha adolescência inteira lendo livros que retratavam a vida das
meninas americanas amei pra variar ler um livro que retratasse um pouco do Brasil... Os trechinhos de
filmes clássicos que tem no começo de cada capítulo deixam o livro com um gostinho a mais... e as musicas
que retrata também... duvido que alguém depois de ler não vai ficar com curiosidade de ouvir todas as
musicas... e assistir aos filmes...” Isabela Ramalho

“É um livro que termina com gosto de quero mais... espero que tenha continuação. É um livro atemporal,
tenho 56 anos e me vi descrita ali. Paula Pimenta está de parabéns, narra com maestria o sentimento das
adolescentes de todas as épocas.” Juçara Lasmar

“O que falar desse livro? Que me imaginei com minhas amigas nos momentos de agonia e alegria da Fani?
Que me senti na pele dela no momento da viagem? Que caí no choro de tristeza e alegria ao mesmo tempo
no final? Que parece que o livro foi escrito contando a minha própria história? Que por causa dele fui dormir
4 horas da manhã, por não conseguir parar até terminar? É... acho que por aí já dá pra demonstrar o que eu
achei dele. Simplesmente sensacional. Espero que tenha uma sequência, pois acabei de terminar a leitura,
mas já estou com saudade!” Ana Paletta

“Esse livro me deixou acordada até as 4:30h da manhã! Não consegui parar de ler até terminar!
Simplesmente adorei! Me senti na pele da Fani, com todas as emoções que os adolescentes passam e
fiquei doida pra chegar o final e ver se ela ia se dar bem. Mas quando acabou me deu o maior vazio... já
estou sentindo falta dessa leitura e o segundo tem que sair logo!” Ana Paula Persilva

“Após muita insistência de meus filhos (tenho quatro adolescentes) li o livro Fazendo meu filme, e qual foi
minha surpresa com seu conteúdo! Meus filhos todos já fizeram intercâmbio cultural e o livro me passou
todo sentimento que vivi em minha casa durante o período de preparação deles para a viagem. Os
sentimentos confusos, as paixões... nunca foram tão bem retratados em um livro que faz as pessoas se
apaixonarem pelos personagens a cada capítulo. Bem, gostaria de, em nome da minha família, saber se
teremos o prazer de ver a continuação desse livro, pois livro como esse não deve ficar só no primeiro, pois
ele também aguça a curiosidade e a vontade de leitura.” Welerson Fernandes

“Tenho 58 anos e mesmo com essa idade, debulhei-me em lágrimas no final de Fazendo meu filme.
Fantástico, romantismo puro! Que bom que ainda existem Fanis no mundo.” Margot Santos