Você está na página 1de 2

ESTADO DE GOIS

POLCIA MILITAR
ACADEMIA DE POLCIA MILITAR
5 COMPANHIA DE FORMAO DE PRAAS
Peloto: 3 Charlie
Instrutor: SD ASSIS
Aluno: Douglas Gonalves da Silva Leite n c19
!S!"#A P$LICIA C$%&"I'AIA

Co(o sa)e(os *ol+cia co(unit,ria no - u( *rogra(a *reveno ou gru*o
destacado dentro da *ol+cia. - u(a /iloso/ia e u(a estrat-gia organi0acional 1ue
*ro*orciona u(a *arceria entre a *o*ulao e a *ol+cia. )aseada na *re(issa de 1ue
tanto a *ol+cia 1uanto a co(unidade deve( tra)alhar 2untas *ara identi/icar. *riori0ar e
resolver *ro)le(as conte(*or3neos. co(o cri(es. drogas. (edos. desordens /+sicas.
(orais e at- (es(o a decad4ncia dos )airros. co( o o)2etivo de (elhorar a 1ualidade
geral de vida na ,rea5 $ *olicia(ento co(unit,rio )aseia6se na crena de 1ue os
*ro)le(as sociais tero solu7es cada ve0 (ais e/etivas. na (edida e( 1ue ha2a a
*artici*ao de todos na sua identi/icao. an,lise e discusso5 $ *olicia(ento
co(unit,rio *er(eia e( co()ater o cri(e e a (anuteno da *a05 Di(ensiona a
solu7es reais *ara os *ro)le(as. estreita elos e desenvolve con/iana (8tua5 Atrav-s
da Policia Co(unit,ria e dos desdo)ra(entos de suas estrat-gias. (etas. a7es -
*oss+vel *erce)er e Identi/icar as *ossi)ilidades e as di/iculdades5 !stes di/erentes
en/o1ues da Policia Co(unit,ria e( relao 9 *ro)le(,tica da cri(inalidade so
estrat-gias vistas e( u(a *ers*ectiva coletiva. constituindo u( *rocesso essencial(ente
organi0acional. *ois altera crenas. h,)itos e interesses sedi(entados de indiv+duos e
gru*os5 #, u(a relev3ncia )astante signi/icativa entre *oliciais. co(unidades e
lideranas co(unit,rias A *olicia *recisa de credi)ilidade *erante a sociedade5 :oa
*arte da sociedade te( u(a viso distorcida do tra)alho da *olicia. i(*lantada *ela (,
conduta de alguns *oliciais5 &( tra)alho desenvolvido 2unto 9 co(unidade al-( de
surtir e/eitos *ositivos. restaura a viso da *olicia *erante a sociedade. - estreitando
laos 1ue o tra)alho real(ente cresce. co(unidade unida. co( /oras nas lideranas
co(unit,rias - a viso da evoluo do tra)alho onde todos estaro resguardados5
;alori0ar e res*eitar so *alavras 1ue deve( /a0er *arte do voca)ul,rio tanto do *olicial
1ue 1uer ver seu tra)alho reconhecido co(o da co(unidade 1ue cla(a *or essa
*arceria. ca(inhando lado a lado o tra)alho da *olicia desenvolver, (elhor e a
co(unidade esta)elece u( grau de con/iana (aior. *odendo contri)uir
signi/icativa(ente no esta)eleci(ento da orde( e segurana individual. local e
co(unit,rio5