Você está na página 1de 2

2ª Semana do Advento – Terça-feira

Segunda Leitura
Da Constituição dogmática Lumen gentium sobre a Igreja, do
Concílio do Vaticano II
(N. 48)
Índole escatológica da Igreja peregrina (Séc. XX)

A Igreja, á qual somos todos chamados no Cristo Jesus e na


qual, pela graça de Deus alcançamos a santidade, só será
consumada na glória celeste, quando chegar o tempo da
restauração de todas as coisas; e quando, com o gênero
humano, também o mundo inteiro, que está intimamente unido
ao homem e por ele atinge o seu fim, for perfeitamente
recapitulado em Cristo.
Cristo, ao se elevado da terra, atraiu a si todos os homens;
ressuscitado dos mortos, enviou aos discípulos seu Espírito
vivificante e por meio dele constitui seu Corpo, que é a Igreja,
como sacramento universal de salvação. Sentado à direita do
Pai, age continuamente no mundo para conduzir os homens à
Igreja e por ela uni-los mais estreitamente a si e, alimentando-
os com seu Corpo e seu Sangue, torná-los participantes de sua
vida gloriosa.
A restauração que nos foi prometida que esperamos já
começou, pois Cristo, prossegue na missão do Espírito Santo e
por meio dele continua na Igreja que, pela fé, também nos
ensina o sentido de nossa vida temporal, enquanto, com a
esperança dos bens futuros, vamos realizando a obra que o Pai
nos confiou no mundo e trabalhando para a nossa salvação.
Já chegou para nós o fim dos tempos; a renovação do
mundo foi irrevogavelmente decidida e de certo modo é
realmente antecipada neste mundo. De fato, a Igreja possui já
na terra, uma verdadeira santidade, embora imperfeita.
Contudo, até que venham os novos céus e a nova terra onde
habita a justiça, a Igreja peregrina, em seus sacramentos e
instituições que pertencem a este tempo, traz consigo a figura
deste mundo que passa, e vive entre as criaturas que até agora
2ª Semana do Advento – Terça-feira

gemem e sofrem dores de parto, aguardando a manifestação


dos filhos de Deus.

Responsório Fl 3,20-21; Tt 2,12

R. Aguardamos com viva esperança o Salvador e Senhor Jesus


Cristo,
* Que mudará nosso corpo humilhado, conformando-o ao seu
corpo glorioso.
V. Na Justiça e piedade vivamos, aguardando a bendita
esperança e a vinda do Cristo, senhor
* Que mudará nosso corpo humilhado, conformando-o ao seu
corpo glorioso.

Oração
Ó Deus, que manifestastes o vosso Salvador até os confins da
terra, dai-nos esperar com alegria a glória do seu Natal. Por
nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito
Santo.