Você está na página 1de 1

Boa noite Rui,

Escolhi o teu trabalho porque nos conhecemos há muitos anos e sei do teu
empenho nos projectos em que te envolves.

Apesar dos condicionalismos em que foi realizado o teu trabalho, o produto


final resultou bastante bem. Tentei colocar-me no lugar de um qualquer
elemento do Conselho Pedagógico que nada ou pouco soubesse sobre o
Modelo de Auto-avaliação das Bibliotecas Escolares, que possivelmente
colocaria questões tão simples como: O que é?, Para que serve? Como se
implementa? Qual o contributo do Conselho Pedagógico? Qual o contributo
dos diferentes elementos da Comunidade Educativa? Qual o meu
contributo? Qual o papel do professor bibliotecário neste processo? E na
verdade as respostas estão lá todas, de uma forma simples, sintética e
objectiva. Gostei particularmente da integração da informação sob a forma
de esquemática (organigrama), forma essa que considero muito eficaz na
comunicação da informação e que eu própria gostaria de ter feito na minha
apresentação, mas que não fiz por falta de tempo. Gostei um bocadinho
menos das animações a “rodopiar”, mas aqui já estamos no domínio da
estética, e cada um de nós tem os seus gostos.

Por outro lado o teu trabalho responde à tarefa proposta, integrando muito
bem a leitura da literatura sugerida para esta 4ª sessão, textos muito
interessantes e úteis, cujo único senão é o estarem escritos em Inglês, o
que para mim, particularmente, se torna penoso ( não sou de línguas e sou
da geração do Francês!!!).

Continuação de Bom Trabalho.

Fica bem.

Um abraço

Gina Rodrigues