Você está na página 1de 3

VISCOSIDADE

Objetivo: medida de viscosidade relativa de alguns lquidos v ias temperaturas, utilizando


o viscosmetro de OSTWALD.
Teoria: A viscosidade a resist!ncia que um "ludo apresenta para escoar uma camada so#re
outra. $m#ora se%a possvel variar a "orma de qualquer &iquido por aplica'(o de "or'a, a
e)tens(o dessa varia'(o de "orma depende da grandeza da "or'a, do tempo em que ela
aplicada e da viscosidade do &quido. A viscosidade varia mu to, sendo maior em su#st*ncias
como +leos &u#r"icantes pesados e menor em lquidos como gua e #enzeno.
A "or'a necessria para "azer deslizar, uma ap+s outra, duas super"cies paralelas de um
&quido com uma velocidade determinada, depender diretamente da viscosidade do &quido
e das reas das super"cies, e inversamente da dist*ncia perpendicular s duas super"cies.
A unidade de viscosidade o poise, assim c,amada, desde que -oiseuille iniciou os estudos
so#re viscosidade. Se a "or'a de & dina "izer com que uma super"cie plana de & cm
.
de rea,
se mova em rela'(o a outra super"cie igual distanciada & cm da primeira, com uma
velocidade de & cm seg
/&
, dir/se/ que o "&udo entre os planos tem uma viscosidade de 1
poise.
0o caso da vaz(o de um "&udo atravs de um capilar o coe"iciente de viscosidade, segundo
-oiseuille 12
r
3
t.p
4
5 v.&
onde - a press(o ,idrosttica so#re o &quido, em 06m
.
, v o volume em m
7
, do &quido
que "lui em t segundos atravs do capi&ar de raio r e do comprimento & em metros.
8igura &
O viscosmetro de OSTWALD 9" ig. &: permite uma determina'(o
simples do coe"iciente de viscosidade partir de um padr(o. 0este
caso as medi das de viscosidade s(o "eitas por compara'(o entre o
tempo de vaz(o de um "ludo de viscosidade con,ecida,
geralmente gua, e o de um "&udo de viscosidade descon,ecida,
uma vez que uma medida a#soluta do coe"iciente de viscosidade
di"cil. Assim c,ega/se a seguinte rela'(o entre as viscosidades
a#solutas dos dois "ludos2

&
6
.
4 d
&
t
&
6d
.
t
.
onde d representa a densidade e t o tempo de "lu)o
O e"eito da temperatura so#re o coe"iciente de viscosidade de um "&udo di"ere notadamente
segundo o "ludo &;quido ou gs. 0os gases o coe"iciente aumenta com a temperatura, mas
nos lquidos diminui com a eleva'(o de T.
A varia'(o da viscosidade com a temperatura #em representada pela equa'(o2
4 <e)p 9=6>T: ou &n 4 A ? =6>T
ETAPAS
&
. 7
3
FRMUA
d
&
t
&

&
4
.
)
d
.
t
.

.
4 @
.
O
d
.
4 @
.
O
t
.
4 @
.
O
d
&
t
&
unidade poise
Pro!edi"e#to E$peri"e#ta%
Ser descrito em aula
Res&%tados e Dis!&ss'es
A: -ara cada lquido pro#lema "azer os clculos e completar as ta#elas a#ai)o2
Temperatura
AB .AB 3AB

d
t
Temperatura
AB .AB 3AB

su#st.
@
.
O
su#s
@
.
O
@
.
O
d
su#st.
t
su#st.