Você está na página 1de 2

Derivada

Notao em delta
Seja f uma funo. Como usual, deixemos x representar qualquer argumento de f,
sendo y o valor correspondente de f. Logo, y = f(x). Considere qualquer nmero x0
no domnio de f. Seja x(l-se delta x) a notao para pequena variao no valor
de x, de x0 e x0 +x, e seja y a notao correspondente variao no valor de y.
Ento, y = f(x0 + x) f(x0). Logo a razo

chamada de taxa de variao de f no intervalo entre x0 e x + x0.


Exemplo 1.0 Seja y = x + 2x. Comeando em x0 = 1, mude x para 1,5. Ento x =
1,5 1 = 0,5. Dai, a taxa de variao correspondente em y

= 2,25
Logo, a taxe de variao mdia em y no intervalo de x = 1 e x = 1,5

A DERIVADA
Se u = f(x) e x0 esto no domnio de f, ento por taxa de variao instantnea de f
em x0 queremos dizer o limite da taxa de variao mdia entre x0 e x0 + x medida
em que x tenda 0:

contanto que esse limite exista. Tal limite tambm chamado de derivada de f em x.
NOTAO
Consideremos a derivada de f em um ponto arbitrrio x de seu domnio:

O valor da derivada uma funo de x e ser denotado por qualquer uma das
expresses a seguir:

Uma funo dita diferencivel em um ponto x0 se a derivada da funo existe.