Você está na página 1de 2

O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DAS BIBLIOTECAS ESCOLARES:

METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (workshop)

8ª Sessão - Distinguir enunciados gerais de específicos

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ALCABIDECHE - ESCOLA BÁSICA DOS 2º E 3º CICLOS DE ALCABIDECHE


AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ALCABIDECHE – ESCOLA BÁSICA DOS 2º E 3º CICLOS DE ALCABIDECHE

Ana Paula Dias - 2009 – 2010

FRAGILIDADE DO ENUNCIADO ENUNCIADO ESPECÍFICO


ENUNCIADO GERAL

→ Remete para objectivos muito gerais. Reforçar o trabalho articulado entre a biblioteca
3- Reforçar o trabalho articulado. → Não define a acção do trabalho a realizar. escolar e as Áreas de Projecto, a partir do
→ Não identifica os intervenientes na acção. levantamento dos projectos previstos por
→ Não estabelece um prazo de actuação. ano/turma, recursos e escalonamento periódico
do(s) espaço(s) a utilizar.

4- Reforçar a produção de instrumentos → Remete para objectivos muito gerais. Reforçar com os professores de Matemática, ao
de apoio a ser usados por professores e → Não define os instrumentos de apoio a longo do ano lectivo, a produção, em diferentes
alunos. produzir. suportes, de instrumentos de apoio aos

→ Não identifica as áreas curriculares a que conteúdos curriculares a nível do 5º ano de

se destinam os materiais de apoio. escolaridade. Divulgação em suporte de papel e

→ Não indica o nível de ensino para o qual se digital (Plataforma Moodle e site da biblioteca) .
destinam os instrumentos de apoio.
→ Não refere o período de actuação

O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DAS BIBLIOTECAS ESCOLARES: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (workshop) - Distinguir enunciados gerais de específicos

Página 2