Você está na página 1de 1

Previso Legal e Contexto Histrico

A execuo provisria sofreu vrias mudanas no que se refere expropriao


dos bens do executado para satisfao de crdito do exequente.
At o ano de 2002, no era possvel a realizao de atos expropriatrios aps a
prolao da sentena. No entanto, era permitido, em sede liminar, a satisfao parcial do
crdito. Quanto a isso existiu muitas crticas doutrinrias, haja vista que poderia haver
satisfao parcial antes da prolao da sentena e no aps dela. Contudo, em 2002, foi
permitida, atravs da lei 10.444/2002 a expropriao dos bens do devedor, mas desde
que tivessem sido atendidos alguns requisitos.
A Lei 11.232/2005 modificou todo o sistema normativo, afinal o processo de
conhecimento e executrio praticamente se fundiram a um nico processo, deixando de
ser procedimentos distintos e passando a ser fases distintas. Frise-se que ela trouxe ao
nosso sistema alteraes pertinentes, so elas :
a)
b)
c)
d)

Determinao de liquidao por arbitramento nos mesmos autos;


Processamento mediante solicitao da parte;
Cauao suficiente arbitrada pelo juiz
Dispensa de cauo quando o crdito for de natureza alimentar ou

decorrente de ato ilcito, limitado at 60 S.M, restar demonstrado a


desnecessidade dela ou a impossibilidade dessa prestao por parte do
executado.
e)

Pendncia de agravo no STJ e STF, excetuando apenas se resultar

dessa dispensa risco de grave dano ou de difcil reparao.