P. 1
O Que é Sociologia?

O Que é Sociologia?

4.67

|Views: 15.199|Likes:
Publicado porMarcelle
Bibliografia:
Martins, Carlos Benedito. O que é Sociologia. 31ª. edição, São Paulo: Brasiliense. 1992 (Coleção Primeiros passos)
Bibliografia:
Martins, Carlos Benedito. O que é Sociologia. 31ª. edição, São Paulo: Brasiliense. 1992 (Coleção Primeiros passos)

More info:

Published by: Marcelle on Apr 25, 2008
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/18/2013

pdf

text

original

DISCIPLINA: SOCIOLOGIA PROFESSORA: CLAUDIA CURSO: COMUNICAÇÃO / 1º - SEMESTRE ALUNA: MARCELLE ROSA RA: 1081033

O Que É Sociologia?

Brasília/DF, 6 de março de 2008.

2

EX ER CÍ CIO 1 – ROTEIR O DE E STUDO “O QUE É

SOCIO LOGI A”

1. Por que a sociologia constitui um projeto tenso e contraditório? Porque para alguns ela representa uma poderosa arma a serviço dos interesses dominantes, para outros é a expressão teórica dos movimentos revolucionários. Logo, a sua posição é notavelmente contraditória. 2. Como Martins situa a sociologia? Situa como conjunto de conceitos, de técnicas e de métodos de investigação produzidos para explicar a vida social – no contexto histórico que possibilitou o seu surgimento, formação e desenvolvimento. 3. Quando ocorre o surgimento da sociologia? O seu surgimento ocorre num contexto histórico específico, que coincide com os derradeiros momentos da desagregação da sociedade feudal e da consolidação da civilização capitalista. A sua criação não é obra de um único filósofo ou cientista, mas representa o resultado da elaboração de um conjunto de pensadores que se empenharam em compreender as novas situações de existência que estavam em curso. 4. A palavra “sociologia” ocorre em que período? A palavra sociologia aparece por volta de 1830, mas são os acontecimentos desencadeados pela revolução industrial e a francesa que a precipitam e a tornam possível. 5. Quais as conseqüências da rápida industrialização e urbanização? As conseqüências da rápida industrialização e urbanização levadas a cabo pelo sistema capitalista foram tão visíveis quanto trágicas: aumento assustador da prostituição, do suicídio, do alcoolismo, do infanticídio, da criminalidade, da violência, de surtos de epidemia de tifo e cólera que dizimaram parte da população etc. 6. Por que a sociologia “constitui em certa medida uma resposta intelectual às novas situações colocadas pela revolução social”. Porque é a formação de uma estrutura social muito específica – a sociedade capitalista – que impulsiona uma reflexão sobre a sociedade, sobre suas transformações, suas vidas, seus antagonismos de classes. Logo, o surgimento da sociologia prende-se em parte aos abalos provocados pela revolução industrial, pelas novas condições de existência por ela criadas. 7. Por que os iluministas atacaram com veemência os fundamentos da sociedade feudal? Porque é a intensidade do conflito entre as classes dominantes da sociedade feudal e a burguesia revolucionária que leva os filósofos, seus representantes intelectuais, a atacarem de

3

forma impiedosa a sociedade feudal e a sua estrutura de conhecimento, e a negarem abertamente a sociedade existente. 8. Quais os objetivos dos iluministas? O objetivo dos iluministas, ao estudar as instituições de sua época, era demonstrar que elas eram irracionais e injustas, que atentam contra a natureza dos indivíduos e, neste sentido, impediam a liberdade do homem. 9. O que a burguesia fez ao tomar o poder de 1789? A burguesia, ao tomar o poder em 1789, investiu decididamente contra os fundamentos da sociedade feudal, procurando construir um Estado que assegurasse sua autonomia em face da Igreja e que protegesse e incentivasse a empresa capitalista. 10. Qual o objetivo da Revolução de 1789? O objetivo da Revolução de 1789 não era apenas mudar a estrutura do Estado, mas abolir radicalmente a antiga forma de sociedade, com suas instituições tradicionais, seus costumes e hábitos arraigados, e ao mesmo tempo promover profundas inovações na economia, na política, na vida cultural etc. 11. Qual a tarefa que os “positivistas” se propuseram? A tarefa que esses pensadores se propõem é a de racionalizar a nova ordem, encontrando soluções para o estado de “desorganização” então existente. Mas para restabelecer a “ordem e a paz”, segundo eles, seria necessário conhecer as leis que regem os fatos sociais, instituindo portanto uma ciência da sociedade. 12. Como os conservadores concebiam a “sociedade moderna”? A sociedade moderna, na visão conservadora, estava em franco declíneo. Não viam progresso perante um mundo cada vez mais alicerçado no urbanismo, na indústria, na tecnologia, na ciência e no igualitarismo. Lastimaram o enfraquecimento da família e da religiosidade e culparam a Revolução Francesa por esse caos social dos tempos contemporâneos. 13. Qual a função da sociologia na perspectiva marxista? Diante dos freqüentes conflitos de classe na sociedade contemporânea, a função da sociologia, na perspectiva de Marx, não era simplesmente solucionar os problemas sociais com o propósito de restabelecer o bom funcionamento da sociedade. Era para dar uma maior contribuição para a realização de mudanças radicais na sociedade.

4

Bibli og r afi a Martins, Carlos Benedito. O que é Sociologia. 31ª. edição, São Paulo: Brasiliense. 1992 (Coleção Primeiros passos)

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->