Você está na página 1de 1

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS

DEPARTAMENTO DE MEDICINA
IMUNOLOGIA (AGRESSÃO E DEFESA)
Fone: 3946-1393
Professor: Wilson de Melo Cruvinel
Monitor: Fernando Vianna Pucci
Reação de Aglutinação
(EX: ASO , PCR, FR)
Princípio:
Quando um antígeno particulado (bactérias; ou látex adsorvidos com antígenos) é colocado em contacto
com soro que tenha altos níveis de anticorpos específicos ocorre uma reação de aglutinação das partículas
antigênicas e processa-se a reação antígeno-anticorpo, o que é evidenciado pela aglutinação das partículas
de látex que formam agregados facilmente visíveis.

+

-

Materiais necessários:
1.
Látex sensibilizado ou suspensão antigênica.
2.
Controle positivo.
3.
Controle negativo.
4.
Lâmina para teste (reutilizável).
5.
Pipetas semi-automáticas.
6.
Ponteiras descartáveis.
7.
Tubos de ensaio.
8.
Recipiente para descarte de material.
9.
Solução fisiológica ou água destilada.
10. Cronômetro.
11. Lâmina ou placa para teste.
12. Bastão plástico.
Procedimento Técnico:
1. Adicionar ao primeiro círculo da lâmina 50µl de soro e ao segundo 50 µl ou uma gota do controle positivo e ao terceiro 50 µl ou uma gota do
controle negativo.
2.Homogeneizar o látex sensibilizado ou suspensão antigênica e adicionar 50 µl do mesmo em cada círculo.
3. Homogeneizar as duas gotas, com uma vareta plástica. Utilizar varetas diferentes para cada controle.
4.Imprimir movimentos rotatórios à placa durante 2 minutos.
Leitura e Interpretação da Reação:
Teste positivo: nítida aglutinação
Teste negativo: suspensão homogênea
Interferentes:
Externos:

Soros velhos ou turvos darão falsas reações.

Soros lipêmicos, hemolisados ou contaminados podem dar resultados falso-positivos, devido à formação de aglutinações
inespecíficas.

Pacientes no uso de corticóides podem apresentar valores artificialmente alterados nas reações de aglutinação.

Deve-se, de preferência, usar soro.
Internos:

A placa utilizada deverá estar limpa e isenta de gordura, o que permite que a reação seja corretamente homogeneizada. É
aconselhável que a lâmina seja desengordurada com álcool antes da realização do teste, devendo ser observada a completa
evaporação do mesmo.

A agitação deve ser feita em condições padronizadas, a fim de que se obtenham resultados comparáveis em diferentes provas.

O congelamento do látex leva a reações inespecíficas de aglutinação. Os frascos de látex devem permanecer bem fechados, caso
contrário poderá ocorrer floculações.

Após o tempo determinado para a leitura da reação, podem ocorrer aglutinações inespecíficas sugerindo falsos resultados.