Você está na página 1de 2

Deciso

O pleito antecipatrio ora requerido visa o recebimento de vantagens


pecunirias que, acaso concedido, importar em onerao dos cofres
pblicos. Cedio, no entanto, a impossibilidade de concesso de
tutela antecipada nessa hiptese, conforme art. 2 B da Lei 9.494/97.
E nesse sentido, oportuna a meno aos seguintes julgados:
AgRg no REsp 1334257 / PI AGRAVO REGIMENTAL NO RECURSO
ESPECIAL
2012/0145710-8 AGRAVO REGIMENTAL NO RECURSO ESPECIAL.
PROMOO. MILITAR. TUTELA ANTECIPADA CONTRA A FAZENDA
PBLICA. IMPOSSOBILIDADE. O agravante no trouxe argumentos
novos capazes de infirmar os fundamentos que aliceraram a deciso
agravada, razo que enseja a negativa de provimento ao agravo
regimental. 2. segundo precedentes deste Superior Tribunal, "
vedada, nas causas que versam sobre reclassificao, equiparao,
concesso de aumento ou extenso de vantagens a servidores
pblicos, a antecipao dos efeitos da tutela em desfavor da Fazenda
Pblica, consoante dispe o art. 2-B da Lei 9.494/97. " (c.f.: REsp
809.742/RN, Rel. Ministro ARNALDO ESTEVES LIMA, QUINTA TURMA,
DJ 19/06/2006). 3. Agravo regimental no provido. DJe 04/09/2013
0018067-86.2015.8.190000 - AGRAVO DE INSTRUMENTO 1 Ementa
DES. CLAUDIO DE MELLO TAVARES - Julgamento 27/04/2015 - DECIMA
PRIMEIRA CAMARA CIVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO. AO DE
OBRIGAO DE FAZER. INDEFERIMENTO DE TUTELA ANTECIPADA.
PEDIDO DE EXTENSO DA GRATIFICAO DE ENCARGOS ESPECIAIS
CONCEDIDA AOS CORONEIS DA POLICIA MILITAR. A LEI N 9.494/97,
NO ARTIGO 1-B, ESTABELECE A IMPOSSIBILIDADE DE CONCESSO DA
TUTELA ANTECIPADA CONTRA A FAZENDA PBLICA COM OBJETIVO DE
RECLASSIFICAO, EQUIPARAO, AUMENTOS OU EXTENSO DE
VANTAGENS PECUNIRIAS A SERVIDORES PBLICOS, BEM COMO O
PAGAMENTO DE VENCIMENTOS. AUSNCIA DOS REQUISITOS
AUTORIZADORES DA TUTELA ANTECIPADA, NOTADAMENTE A
URGENCIA, TENDO EM VISTA QUE O AGRAVANTE, APOSENTADO EM
2004, ESPEROU DEZ ANOS PARA REQUERER JUDICIALMENTE A
CONCESSO DA GRATIFICAO. APLICAO DA SMULA 59 DESTE
TRIBUNAL. PRECEDENTES DESTA CORTE. NEGATIVA DE SEGUIMENTO
AO RECURSO, COM BASE NO ARTIGO 557, CAPUT, DO CDIGO DE
PROCESSO CIVIL. Deciso Monocrtica - Data de Julgamento:
27/04/2015.

Diante do exposto, INDEFIRO a antecipao de tutela.