Você está na página 1de 63
Boaventura de Sousa Santos A constru¢g4o multicultural da igualdade e da diferenga Oficina do CES n.° 135 Janeiro de 1999 OFICINA DO CES Publicagio seriada do Centro de Estudos Sociais Praga D. Dinis Colégio de S. Jerénimo, Coimbra Correspondéncia: Apartado 3087 3001-401 COIMBRA Boaventura de Sousa Santos Professor Catedrtico da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra Director do Centro de Estudos Sociais A CONSTRUGAO MULTICULTURAL DA IGUALDADE E DA DIFERENGAY A desigualdade e a exclusdo tem na modemidade um significado totalmente distinto do que tiveram nas sociedades do antigo regime. Pela primeira vez na histéria, a igualdade, a liberdade e a cidadania sao reconhecidos como principios emancipatorios da vida social. A desigualdade e a exclusao tém, pois, de ser justificadas como excepgdes ou incidentes de um processo societal que Ihes ndo reconhece legitimidade, em principio. E, perante elas, a unica politica social legitima ¢ a que define os meios para minimizar uma e outra No entanto, a partir do momento em que 0 paradigma da modernidade converge e se reduz ao desenvolvimento capitalista, as sociedade modernas passaram a viver da contradigéio entre os principios de emancipagao, que continuaram a apontar para a igualdade e a integragao social e os principios da regulagao, que passaram a gerir os processos de desigualdade e de exclusdo produzidos pelo proprio desenvolvimento capitalista, * Palestra proferida no VII Congreso Brasileiro de Sociologia, realizado no Instituto de Filosofia @ Ciéncias Sociais da Universidade Federal do Rio de Janeiro, de 4 a 6 de Setembro de 1996.