Você está na página 1de 5
] - SS I PMES/DEIP/CFA Tha OZ : | DIVISAO TECNICO PEDAGOGICA | 4 | | Curso: CHS 2013 Disciplina: Processos Administrativos Rubrica do alunos | {Tipo: 2° VG [Data: J3_Jo9 _/2013 iinas donee Valor: 10,00 Horéfio: has do pedido de revisao ‘Nome completo RG | de prova | Numero funcional. Pel e N° curso oe A avaliagao sera realizada Prova sem consulta ao RDME ou outros materiais. a) No serd permitido 0 empréstimo de materiais de quaisquer espécies, tals como (apis, borracha, | caneta, corretivo, livros ¢ ou apostilas. | b) E permitido ao APLICADOR trocar o aluno de carteira. c) Proibido anotar as respostas das questes nas mAos, borracha, papel ou qualquer outro lugar para | posterior conferéncia. | d) A producdo de texto, quando necesséria, requer o uso da modalidade eserita correta da lingua | portuguesa | | |e) Todas as respostas deverdo ser apresentadas caneta azul ou preta |) As respostas deverdo ser fundamentadas de acordo com 0 referencial terico estudado na disciplina. 9) A interpretagao das questées faz parte da prova. Nao sera dado nenhum esclarecimemto sobre a mesma | hy) Nas questées de multipla escolha, assinale com um “X" somente a afirmativa que alenda a0 enunciado da questao. |) Nao 6 permitido rasura ou utilizagao de corretivo de qualquer natureza. O uso acarretaré ao aluno, a perda dos pontos relativos ao item da questéo rasurada. ) Nao sera permitida a substituigao de prova, a nao ser por falha de impressao. k) Cabera ao aluno preencher a data do dia da prova no cabecalho. |) Esta prova possui 09 questées. QUBSTAO 01 - Assinale V para ae e i falso nas sentencas abaixo (Valor: 0,2 cada — Total: 6,0 pontos): 1. WV) ois de citagao sera, obrigatoriedade, acompanhado de cépia do Libelo Acusatérjee demais documentos que motivaram a instauragao do proceso disciplinar. 2 WV =e foci de ser encarregado de PAD-RS 0 militar que atuou an ‘escrivao de IPM. 3. (£-) DASindicdncia podera resultar ‘net adverténgia, pois nao influencia na . 4. (£) 0 bredtregado podera inserir no lib (C5. (1) Aauséneia de citacao consistira $e Wy re este optal (V_) Cibelo acusatério deverd c congluta Biibuida ao acusado, v2) 12.1) €m’ casos especiticos, podera 0 encarregado indeterr perguntas formuladas & testemurihié Sempre que elas se mostrem ofensivas ou impertinentes. 13. (£_) fdando no curso do PAD © encarregado se deparar com fato novo, conexo ao contidd-ae- poftaria, mas nela ndo inserido, podera expedir novo libelo acusatério, a fim do que 0 aeysado 86 detenda também dessa acusag&o 14. (_V_) Q/amatlabeto pode prestar declaragéo, contudo assinarho o termo o encarregado @ duas tedt@munhas (a rogo) CE) O exGedso de prazo gera a nulidade do PAD e pode resultar em responsabilidade para o ehegitegado. 16.) QLacusado em PAD nao ¢ obrigado a produit prova que leve & sua responsabilidade, porém, nao tem o direito de permanecer em silénclo durante seu interrogatdto, 17. (V) @ registro de declaragao da testemunha menor de dezoito anos devera ser feito na forma d&“Termo de Informagéo", que sera assinado pelo encarregado, pelo menor e pelo seu curador 18. (/_) Na-Siadicdncia deve ser assegurado ao militar 0 direito ao contraditério e a ampla defesa. > 19.) AGindigAncia pode ser usada para apurar toda sorte de irregularidade em torno do servigo pUBIgo, ©u seja, Nao tem somente os assuntos de carater disciplinar. 20.(W_) 0 (ndeferimento de diligéncias requeridas pela defesa deverd ser evitado ao maximo, MAS caso haja necessidade de indeferir pedidos, tal circunstancia deverd ser consignada no relatorio, bem como os motivos que levaram o encarregado a isso. 1) A instauragao do Inquérito Policial Militar interrompe © prazo prescricional previsto no RDME. (4) 56 © permtida no, ROME alee co na condigao de testemunl fevendo ser nomeado um Encarregado. ) (UV) A pessoa em estado de embriaguez audiéncia lesignada, sem prejuizo das

Você também pode gostar