P. 1
Materiais - Classificação de materiais

Materiais - Classificação de materiais

2.5

|Views: 23.258|Likes:
Publicado porabmvaportuzelo

More info:

Published by: abmvaportuzelo on Feb 23, 2010
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/13/2013

pdf

text

original

Materiais

Classificação dos materiais Misturas homogéneas, heterogéneas e coloidais

Materiais naturais e materiais manufacturados (Proveniência)
Um material natural é um material que existe na Natureza. É um recurso natural, com origem na superfície terrestre e/ou nos seres vivos que a habitam. Um material manufacturado resulta de um material natural alterado por processos físicos e/ou químicos de transformação.

Materiais manufacturados
Os materiais artificiais são materiais manufacturados obtidos por tratamento físico/químico a partir de materiais naturais Os materiais sintéticos são desenvolvidos em laboratórios industriais, por processos químicos. Não é directa a ligação deles com a matéria-prima usada no seu fabrico.

Materiais vegetais, animais ou minerais

Substâncias e misturas de substâncias
Define-se um material como substância quando tem um só componente. Devido a isso, os valores do ponto de fusão, do ponto de ebulição à pressão atmosférica e da densidade a uma dada temperatura são bem definidos e iguais aos que se encontram tabelados por laboratórios.

Substâncias e misturas de substâncias
Define-se um material como mistura de substâncias quando tem dois ou mais componentes. Devido a isso, os valores do ponto de fusão, do ponto de ebulição e da densidade da mistura vão ser valores aproximados e não valores tabelados.

O significado do termo puro
Os químicos usam o termo puro sempre que se referem a materiais que têm um só componente na sua constituição, ou seja, um material é puro quando se trata de uma substância. Será este o significado do termo puro na linguagem do dia-a-dia?

Será este o significado do termo puro na linguagem do dia-a-dia?
Se observares rótulos de produtos de consumo, podes ler muitos deles a designação “puro”. Encontras, por exemplo, café puro, azeite puro, água pura, açúcar puro. No entanto, a leitura atenta de muitos desses rótulos leva-te a concluir que se trata de misturas, pois estes produtos são formados por vários componentes. Na linguagem do dia-a-dia, o termo “puro” quer significar que o produto não está contaminado, ou seja, que não contém substâncias estranhas à sua constituição.

Verifica se sabes
1- Considera os materiais:

1.1- Classifica os materiais de acordo com o seu estado físico. 1.2- Classifica cada um deles como substância ou mistura de substâncias, explicando as razões da tua classificação.

Verifica se sabes
2- Comenta, por escrito, as frases que se seguem tendo em conta o significado que o termo puro tem para os químicos e na linguagem do nosso dia-a-dia. A- O ar da montanha é puro B- É bom beber água pura da nascente

Mistura homogénea (ou solução)
Mistura com aspecto uniforme, em que não é possível ver, nem ao microscópio comum, os seus diferentes constituintes e/ou fases.
Mistura homogénea sólida

Mistura heterogénea
Mistura em que é possível ver os diferentes constituintes e/ou fases a olho nú.

Mistura coloidal
(Ou coloíde) é um caso particular de misturas heterogéneas, em que só é possível ver os seus constituintes ao microscópio.

Verifica se sabes
A figura mostra várias misturas.

Classifica estas misturas em homogéneas, heterogéneas e coloidais

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->