Você está na página 1de 2

SENAI prepara para certificação Abraman

Na próxima segunda (1º) a instituição realiza aula inaugural

Cem alunos estudarão gratuitamente no Serviço Nacional de


Aprendizagem Industrial (SENAI/AM), visando à preparação para a
certificação de competência da Associação Brasileira de Manutenção
(Abraman). Na próxima segunda-feira (1º de março) será realizado a aula
inaugural, às 18h, no Auditório Prof. Arivaldo de Silveira Fontes, localizado
no SENAI da Avenida Rodrigo Otávio, Distrito Industrial.

A iniciativa faz parte da parceria firmada entre Petrobras e o


Departamento Regional do SENAI e contempla os cursos preparatórios de
caldeireiro, mecânico de manutenção industrial, eletricista de
manutenção e instrumentista.

Para estruturar a programação pedagógica com aulas teóricas e


práticas, a instituição de ensino contou com o convênio da Petrobras que
subsidiou valor aproximado de R$ 150 mil. A meta do SENAI/AM é
capacitar e qualificar a mão-de-obra local, promovendo informações
técnicas que contribuam para a aprovação dos profissionais no processo
de certificação de competência via Abraman.

A gerente da Escola SENAI Waldemiro Lustoza (ESWL), Ivana Ayrton,


alerta quanto à crescente exigência de muitas empresas, inclusive da
Petrobras, de contratar trabalhadores com posse dos certificados
Abraman, visando à qualidade dos serviços oferecidos aos seus clientes e
indústria. Segundo a gerente, a certificação de pessoas contribui para
elevar a competitividade profissional dos brasileiros e garantir ambientes
e procedimentos industriais mais seguros.

“A certificação pela Abraman é um atestado de qualidade dos


conhecimentos e serviços do profissional com anos de experiência na área
de manutenção. O trabalhador se torna mais valorizado no mercado, além
de facilitar sua empregabilidade”, apontou Ivana Ayrton.
A seleção dos primeiros 100 candidatos para as vagas disponíveis
passou pela aprovação de documentos que deveriam constatar idade
superior a 18 anos e experiência de no mínimo dois anos na ocupação
através do registro na carteira de trabalho.

O técnico do SENAI/AM, Eduardo Menezes, destaca a importância


do convênio aos profissionais que durante o decorrer deste ano terão a
oportunidade de aprofundar-se nos conhecimentos específicos, bem
como passar por simulações da rotina industrial na área de manutenção.
De acordo com Menezes, os testes da Abraman são complexos e exigem o
domínio do profissional tanto na avaliação teórica quanto na avaliação de
habilidades e comportamento do trabalhador que ocorrem em Centros de
Exame de Qualificação (Cequal).

As áreas de caldeiraria e mecânica de manutenção serão


ministradas na ESWL, unidade do bairro Cachoeirinha, e os conteúdos de
eletricidade e instrumentação serão apresentados na Escola SENAI
Antonio Simões, localizada no bairro Distrito Industrial.

Cursos Carga Horária Vagas


Caldeireiro 375h 25
Mecânico de Manutenção Industrial 328h 30
Eletricista de Manutenção 356h 25
Instrumentista 460h 20