Você está na página 1de 1

A expanso territorial romana, se deu de forma diferente de outras expanses imperiais de grandes

civilizaes da antiguidade como a Grega e a Persa, por exemplo. Os dois principais diferenciais
romanos foram a lenta expanso territorial, a conquista de territrios durou dcadas, no foi fruto de
um nico regime, o que trouxe segurana para suas conquistas, e em segundo lugar, Roma no
submete os povos conquistados pela foro, mas sim pela implantao de um novo regime
administrativo, que, inclusive, procurava se adaptar as realidades culturais locais.
Essa ampliao do domnio romano foi acima de tudo um movimento de aculturao, que levou o
modo mediterrneo de viver para toda a Europa, criando uma sociedade heterognea vivendo sob a
gide de uma mesma cultura raiz.
Para interligar todo o imprio e ao mesmo tempo manter a estrutura do poder, foi preciso a
implementao de uma boa rede porturia e a construo de uma, grande e complexa rede viria
(Transporte por terra).
Economicamente o imprio romano utilizava a moeda como facilitador do comrcio, j que seus
nveis de produo de bens destinados ao comrcio eram to altos que, atualmente, chegasse a
classificar quele regime como capitalista agrrio, genro da economia moderna.
As transformaes introduzidas nas sociedades peninsulares no se limitam apenas a essas, porm
sendo mais sutis e de difcil percepo e anlise.
Os antecedentes da conquista