Você está na página 1de 10

FTEC FACULDADE DE TECNOLOGIA

CURSO TCNICO DE SEGURANA DO TRABALHO


SEGURANA DO APLICADA II
DOCENTE JULIANO LENZI

NR 32 E NR 33
Elaborao: Soraia de Figueir de Lima

Caxias Do Sul Rio Grande Do Sul


18/08/2015

NR 32
Medidas de proteo a sade e segurana aos trabalhadores dos servios de sade
e dos que exercem atividades de promoo e assistncia a sade em geral.

O PPRA, na fase de reconhecimento dos riscos biolgicos provveis, deve conter:


LOCALIZAO E TIPO DE SERVIO

AVALIAO DO LOCAL E TRABALHADOR

.Fontes de exposio e reservatrios;

.Finalidade e descrio do local de trabalho;

.Vias de transmisso e de entrada;

.Organizao e procedimentos de trabalho;

.Transmissibilidade, patogenicidade e

.Possibilidade de exposio;

virulncia do agente;

.Descrio das atividades e funes de cada

.Persistncia do agente biolgico no

local de trabalho;

ambiente;

.Medidas preventivas aplicveis e seu

.Estudos epidemiolgicos ou dados

acompanhamento.

estatsticos;
.Outras informaes cientficas.

RISCOS ENVOLVIDOS

RISCOS ENVOLVIDOS

INFORMAES COMPLEMENTARES

Os refeitrios dos servios de sade devem atender ao disposto na NR-24.


Os trabalhadores que realizam a manuteno e as empresas que prestam
assistncia tcnica e manuteno alm do treinamento especfico para sua
atividade, devem tambm ser submetidos a capacitao inicial e de forma
continuada, com o objetivo de mant-los familiarizados com os princpios de:
higiene pessoal;
riscos biolgico (precaues universais), fsico e qumico;
sinalizao;
rotulagem preventiva;
tipos de EPC e EPI, acessibilidade e seu uso correto.

NR 33

NR 33

EMPRESA DEVE PROVIDENCIAR

NR 33

MEDIDAS DE SEGURANA
E D E E M E R G N C I A E R E S G AT E