Você está na página 1de 6

Oxidao dos metais

Corroso eletroqumica

Esse o tipo de corroso mais comum, pois a que ocorre com


os metais, geralmente na presena de gua. Ela pode se dar de
duas formas principais:

(1) Quando ometal est em contato com um


eletrlito(soluo condutora ou condutor inico que
envolve reas andicas e catdicas ao mesmo tempo),
formando umapilha de corroso.

(2)Quando dois metais so ligados por um eletrlito,


formando uma pilha galvnica.

Corroso Qumica:

o ataque de algum agente qumico diretamente


sobre determinado material, que pode ou no ser
um metal. Ela no precisa da presena de gua e
no h transferncia de eltrons como na corroso
eletroqumica.

Exemplos:

* Solventes ou agentes oxidantes podem quebrar as


macromolculas de polmeros (plsticos e
borrachas), degradando-os;

O cido sulfrico corri o zinco metlico;

Corroso eletroltica:

umprocesso eletroqumico que ocorre com a


aplicao externa de uma corrente
eltrica.Esse processono espontneo, ao
contrrio dos outros tipos de corroso mencionados
acima. Quando no h isolamento ou aterramento,
ou estes esto com alguma deficincia, formamsecorrentes de fuga, e quando elas escapam para
o solo formam-se pequenos furos nas instalaes.

Exemplos: Isso acontece em tubulaes de gua e


de petrleo, em canos telefnicos e de postos de
gasolina.

Combusto dentro da oxidao

Dentre as reaes de oxidao pode-se citar as


decombusto(sendo o oxignio o comburente mais utilizado), e
as decorroso(com desgaste de algum metal puro ou liga pela
ao do O2e consequente formao de xidos).

Na presena deoxignioe uma fonte de ignio, um combustvel


qualquer (gasolina, gs natural, hidrognio, carvo) sofre
oxidao com liberao de energia calorfica; que por sua vez
consegue fornecer a energia inicial necessria para que outra
parcela de combustvel queime, promovendo, ento, umareao
em cadeia.

Equipe:

Davidson Santos

Erick Diego

Fbio Martins

Lucas Cruz

Matheus Crtes

Matheus Gomes

Thais Cruz