Você está na página 1de 1

BORBA FILHO, Hermilo

Sobrados e Mocambos
Farsa histrica/9 quadros/38 personagens/32 masc.
XVII/Recife/Contexto escravista e pr-revolucionrio

fem./Sec.

SINOPSE
Uma adaptao da obra do socilogo Gilberto Freyre, Sobrados e
Mocambos, narra, em quadros soltos e independentes entre si, a
trajetria de um Senhor, mestio aristocratizado, como se
considera, que deixou a casa grande dos engenhos de acar, para ir
se instalar num sobrado urbano, se tornando comerciante. Ali ele
espera resistir invaso dos mocambos e dos estrangeiros. Numa
sucesso de quadros, vo sendo apresentados os mandos e desmandos do
Senhor, que ordena a morte do prprio filho por ter se deitado com
sua negra preferida, alm dos mandos e desmandos dos estrangeiros que
invadem e controlam a capital pernambucana naquele perodo. A
escravido mostrada em toda a sua hipocrisia e crueldade, assim
como a condio submissa e doentia da mulher. Outros quadros revelam
a resistncia brasileira em se substituir a liteira carregada por
escravos, pela carruagem. Tudo em nome, no s da conteno de
custos, mas tambm da necessidade de se manter o sistema econmico e
poltico tradicional.
A revoluo e os ideais libertrios esto se aproximando, e a
populao, j mestia em sua maioria, comea a demonstrar desagrado
pela antiga ordem. O Notrio aparece num dos ltimos quadros para
narrar a atuao de um Visitador da Corte que, com seus mandos e
desmandos, manda executar todos aqueles que no tinham dinheiro, isto
, um retrato do Brasil colnia do Sec. XVII.
No final da pea, o Senhor morre, e no leito de morte pede que
venha a seu encontro a mulatinha Tonheta. Morre com as mo por
debaixo da saia da mulata, extasiado de prazer.